Respostas interessantes marcadas com a tag

14

Diferenças Code First: O código é escrito primeiro. O banco de dados é gerado a partir do código; Database First: O banco de dados é escrito primeiro. O código da aplicação é gerado a partir do banco de dados. Prós e Contras Code First Prós Pode trabalhar independente da tecnologia do banco de dados; As validações de dados não estão estritas a uma ...


9

Seguindo sua linha de raciocínio, uma Franquia poderá ter uma lista de franquias, e é exatamente o que está faltando quando você utilizada DataAnnotations. Para isso, você deve utilizar também a anotação InverseProperty para realizar o mapeamento adequado das propriedades de navegação. Seu código ficará da seguinte forma: public class Franquia { ...


8

Essa pergunta é uma coleção de problemas. Mesmo que você não a considere, vou utilizar ela como um guia do que não fazer numa aplicação ASP.NET MVC. Estou desenvolvendo um sistema ASP.NET MVC 3 camadas. Minha intenção inicial era expôr modelos da camada de negócios para serem usadas no repositório (EF code first). Isto é alarmante de ler. Veja quantas ...


7

ConnectionString na Declaração do Contexto Não é uma boa prática. Ao publicar seu site em uma base diferente (como no Azure, por exemplo), o sistema já não funcionaria adequadamente. O ideal é você configurar seu contexto da seguinte forma: public Context() : base("name=SeuSistema") E no Web.Config da raiz, tenha essa configuração: <configuration> ...


7

[ComplexType] Especifica que a classe em questão é um tipo complexo, utilizado para a contrução de vários outros Models. Por exemplo: [ComplexType] public class Address { [Key] public int AddressId { get; set; } public string Street { get; set; } public string City { get; set; } public string PostalCode { get; set; } } public class ...


6

WithMany Usa-se WithMany() para especificar um relacionamento Many. O que está mesmo esquisito é o fato de você estar usando WithMany() sem argumentos. WithMany() serve para você especificar a relação inversa. Por exemplo, se aquele trecho de código se refere a uma pessoa, o correto seria o mapeamento ser assim: HasRequired(p => p.Empresa) ....


6

São três passos. 1. Criar relacionamento permitindo nulo A entidade Movimentacao ficaria assim: public class Movimentacao { public int MovimentacaoId { get; set; } public int? FuncionarioId { get; set; } // Coloque aqui os outros campos da sua movimentação public virtual Funcionario Funcionario { get; set; } } Funcionario, assim: ...


6

Por que relações no Entity Framework code first são apontadas com ICollection? Porque a carga preguiçosa do Entity Framework coloca nesta propriedade um proxy dinâmico, que representa um objeto que implementa ICollection mas que na bem da verdade não é bem uma coleção de coisa alguma. Ao acessar essa propriedade, o proxy dinâmico é substituído aí sim por ...


6

Assim: public class Movimentacao { [Key] public int MovimentacaoId { get; set; } public int ProdutoId { get; set; } public int UsuarioId { get; set; } public virtual Produto Produto { get; set; } public virtual Usuario Usuario { get; set; } } public class Usuario { [Key] public int UsuarioId { get; set; } ... ...


6

Você pode fazer duas coisas: Marcar sua propriedade com o atributo [NotMapped] (recomendado): public class Customer { public int CustomerID { set; get; } public string FirstName { set; get; } public string LastName{ set; get; } [NotMapped] public int Age { set; get; } } Criar uma classe parcial da classe modelo que deve estar na ...


6

Sim, use o método Seed gerado em Migrations\Configuratiom.cs: protected override void Seed(MeuProjeto.Models.ApplicationDbContext context) { // This method will be called after migrating to the latest version. // You can use the DbSet<T>.AddOrUpdate() helper extension method // to avoid creating duplicate seed data....


6

Só precisa usar um pouco de reflection modelBuilder.Properties<string>() .Where(p => p.Name.StartsWith("descr")) .Configure(p => p.IsOptional());


5

Ajuste sua classe do modelo para o seguinte: public class Comentario { [Key] public int ComentarioId { get; set; } public int? ComentarioPaiId { get; set; } public string Texto { get; set; } public DateTime Data { get; set; } public virtual Comentario ComentarioPai { get; set; } public virtual ICollection<Comentario> ...


5

Qual a diferença entre Data Annotations e Fluent API? A abordagem, principalmente, mas há um problema conceitual na sua pergunta, porque a Fluent API faz uso do namespace System.ComponentModel.DataAnnotations quando o programador enuncia as regras de composição do domínio de dados. Ou seja, as duas não são comparáveis, a rigor. A pergunta seria algo como "...


4

O Entity Framework dispõe de dois modos de alterar a forma como a base de dados é configurada, Annotations ou EF Fluent API. A primeira, consiste em anotar as propriedades das classes que definem os seus dados, a segunda, no "overriding" do método OnModelCreating da sua classe derivada de DbContext. Pegando na sua classe seria assim: Annotations ...


4

Infelizmente, o que você quer não dá para ser feito desta maneira, porque ao executar um Where nos itens do contexto retorna um ICollection, e neste caso os dados só serão trazidos para a aplicação quando você der um ToList() ou selecionar os dados desejados. Sendo assim quando vc chama o campo calculado diretamente do IQueryable ele não consegue calcular ...


4

É possível fazer desta forma, mas alguns cuidados são necessários: 1. Informar ao Entity Framework que a propriedade não é mapeada em banco Se faz assim: [NotMapped] public decimal ValorPedido { ... } 2. Fazer o cálculo apenas quando houver elementos, tratando exceções [NotMapped] public decimal ValorPedido { get { try { ...


4

Usando Fluent API é só adicionar o método IsOptional na declaração da propriedade. Ex.: (no método OnModelCreating) modelBuilder.Entity<Papeis>() .Property(prop => prop.descrPapel) .IsOptional(); Pra aplicar como padrão para strings, é só fazer: modelBuilder.Properties<string>().IsOptional();


4

Comecemos por TagAnalogico: [Table("TagAnalogico")] public class TagAnalogico : Tag { // Você precisa identificar ou aqui ou na classe ancestral a chave. [Key] public int TagAnalogicoId { get; set; } //public Tendencia Tendencia; //public AlarmeAnalogico alarmeAnalogico; //public Dispositivo dispositivo; //public Tag tag; /...


4

Isso ocorre porque existe uma propriedade que não pode ser mapeada. No caso, é a propriedade Image que é do tipo HttpPostedFileBase. Adicione o atributo [NotMapped] nesta propriedade public class Project { [Key] public Guid ProjectId { get; set; } public String Title { get; set; } public String Content { get; set; } [NotMapped] ...


3

Essa é uma mensagem padrão informando que ao adicionar a flag Verbose você verá quais queries SQL estão sendo executadas na migration aplicada, se você recebeu apenas essa mensagem pode ficar tranquilo, pois não significa que aconteceu algum erro. Adicione a anotação em cima da classe do contexto: [DbConfigurationType(typeof(MySqlEFConfiguration))] ...


3

Como eu falei, a associação está incorreta. Falta algumas informações na tabela associativa: public class DepartmentServiceRequest: Entitie { [Key] public Guid DepartmentServiceRequestId { get; set } [Index("IUQ_DepartmentServiceRequest_DepartmentId_ServiceId", IsUnique = true, Order = 1)] public Guid DepartmentId { get; set; } [Index("...


3

Tiago, provavelmente sua classe deve ser algo assim: public Pessoa { public int Id { get; set; } public int EmpresaId {get; set;} [ForeignKey("EmpresaId")] public Empresa Empresa {get; set;} } Dai sua classe Empresa deve ser algo por volta de public Empresa { public int Id { get; set; } //... public ICollection<Pessoa> ...


3

Para este erro: An unhandled exception of type 'System.InvalidOperationException' occurred in EntityFramework.dll Additional information: The model backing the 'SchoolContext' context has changed since the database was created. Consider using Code First Migrations to update the database (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=238269). Você mapeou os ...


3

Pode usar o [Index] [Index(IsUnique = true)] [StringLength(200)] public string Username { get; set; } https://msdn.microsoft.com/en-us/data/jj591583.aspx#Index Se tiver a usar o modelBuilder, use assim: modelBuilder.Entity<User>() .HasIndex("IX_Username", // Provide the index name. e => e.Property(x => x.Username)) // ...


3

Voce vai precisar editar manualmente a migration gerada, substituindo Add e Drop por Rename: public override void Up() { //AddColumn("dbo.Produto", "PesoProduto", c => c.Decimal(precision: 18, scale: 2)); //DropColumn("dbo.Produto", "Peso"); // Vira RenameColumn("dbo.[Produtos]", "Peso", "PesoProduto"); } public override void Down() { ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam