Respostas interessantes marcadas com a tag

91

Outras respostas já explicaram como funciona o operador condicional ternário, com bons exemplos. Ele avalia expressões condicionais, de maneira parecida com o if: var variavel = condicao ? valorSeTrue : valorSeFalse; Ou seja, se a condição (por exemplo x > 5) for verdadeira, a variavel recebe o valor valorSeTrue, e se for falsa, o valor valorSeFalse. ...


53

Começo citando um comentário dado na pergunta original do SO em inglês: if statements are evil in the way hammers are evil. Some people might misuse them, but they're an essential tool. – Dominic Rodger Oct 12 '09 at 12:08 Em tradução livre: "Comandos IF são tão demoníacos como martelos. Algumas pessoas fazem mal uso deles, mas são ferramentas ...


41

O código public class Exemplo { public static void Main(string[] args) { var x = 0; if (x == 1) { x = 1; } else { x = 2; } } } é compilado para .method public hidebysig static void Main ( string[] args ) cil managed { // Method begins at RVA 0x2050 // Code size 22 (...


38

O que você tem é um operador condicional ternário, uma variante de if/else, muito comum não só em JavaScript. A sintaxe é: [ condição a testar ] ? [ resposta se verdadeiro ] : [ resposta se não verdadeiro ] Exatamente esse operador condicional ternário que você mostrou com foo três vezes não faz nada... mas se você tiver var a = dog ? cat : mouse; ...


33

No seu exemplo, não faz mesmo diferença, por dois motivos: Não existem duas condições que possam ser atendidas ao mesmo tempo. Você sempre retorna quando entra em um dos if, e os seguintes não executam Agora considere o seguinte exemplo: var numero = 100; if(numero <= 100) { console.log("menor ou igual a 100"); } else if(numero < 1000) { ...


27

Visão Geral Sobre Condicionais no Javascript O javascript é uma linguagem realmente interessante nesse aspecto. Além de estruturas da linguagem para controle de fluxo if/else, switch e outros, e também o operador ternário condição ? a : b que alterna entre valores, existem ainda usos inusitados de operadores lógicos, que podem atuar no lugar de alguns ...


25

Semântica As linguagens de programação costumam ter construções diferentes para dar efeitos semânticos diferentes. Raramente você precisa de uma construção diferente se não quer este resultado. Simplicidade Você deve tentar sempre usar o mais simples possível. Eu considero que o mais simples é o if com bloco simples (só um comando), sem condicionais ...


21

Qual a diferença entre usar o if e o try Bom, são bem diferentes entre si. if serve para fazer um fluxo condicional. try ... catch serve para pegar erros (ou exceções, no linguajar correto) e dar a esses erros o tratamento adequado. Por exemplo, em seu código: try { SalarioBase = Convert.ToDouble(textBox1.Text); Vantagens = Convert.ToDouble(...


20

Em suma, a estrutura de controlo switch é um um if para operar sobre a mesma variável ou expressão de entrada. Não existe propriamente uma comparação entre os dois para apurar a sua performance dado o objetivo de cada um ser distinto. O que existe é o uso correto da estrutura de controlo mais adequada para o nosso objetivo. switch Devemos utilizar ...


19

Olha, não tem assim nenhum tipo de Regra ou Padrão para essas coisas, porém parando para pensar, você consegue identificar o melhor método para programar, como o @IgorCarvalho disse, isto é "feeling" ou seja, é como se fosse um sentimento, que seria este tal pensamento, que seria o melhor método de fazer em visão programática, visando a performance, visando ...


17

Condicionais são uma das maiores fontes de complexidade para o código. Um código com 1 condicional tem dois caminhos que o fluxo de execução pode tomar; um código com 2 condicionais em sequência tem 4 possibilidades e assim por diante. No entanto, seu programa vai precisar de alguma lógica condicional pra fazer algo útil o que indica que a melhor maneira de ...


17

Caso as chaves do seu array não se repitam entre eles você pode fazer o seguinte: $todosArrays = $IdUserOnline2 + $IdUserComum2 + $IdUserNovo2; $IdsInteracoes = implode(',',$todosArrays); Você pode também usar a função array_merge caso as chaves do array se repitam $todosArrays = array_merge($IdUserOnline2, $IdUserComum2, $IdUserNovo2); $IdsInteracoes = ...


17

Essa forma de if-else é conhecida como operador condicional ternário. É comum em várias linguagens, não só para javascript. A vantagem desse formato é que você faz um if-else em uma linha e forma bem limpa. O formato é: < condição > ? < caso verdadeiro > : < caso falso >; Exemplo: Se eu utilizar um operador condicional ternário para limitar o ...


15

Respondi apenas para ilustrar o que está havendo. O que acontece no seu código, é que você criou uma condição que pode ser lida assim: Itere em todos os elementos Se for maior que cinco, imprima. senão, imprima. Aí todos aparecem. Experimente este código, com o mesmo problema, mas com uma "dica" dentro do if para entender o que houve: $numeros = array(1, ...


15

Ao contrário do que as pessoas acreditam o if apenas decide fazer algo se ele tiver um valor verdeiro, ou faz nada ou cai no else se ele tem um valor falso. Essa coisa de ter uma condição no if é uma invenção da cabeça das pessoas, ele só desvia o fluxo de execução condicionalmente de acordo com um valor, e este valor deve ser booleano, nada mais que isso. ...


14

Isso é um operador ternário. Veja documentação oficial na MDN Embora possa complicar a legibilidade de código, em algumas situações é extremamente útil e sucinta. Exemplo: // Pseudo código condicao ? executa-se-verdadeira : executa-se-falsa // Imprime "1 não é maior que 2" console.log(1 > 2 ? "1 é maior que 2": "1 não é maior que 2"); Recomendações ...


14

Embora isso esteja propenso a um forte senso de opinião pessoal, eu acredito que a melhor prática é não utilizar bloco o else. As razões são as seguintes: Legibilidade do código Acrescentar blocos aninhados, embora neste pequeno exemplo não cause um grande impacto, somente irá dificultar a leitura do código e torná-lo mais complexo. Na prática, isso pode ...


14

A principal razão neste caso é que ele não compara as strings com equals() e sim com hashCode(). Depois de compilado cada case guardará o hash da string e não a string em si. Aí ele gera o hash da variável que está sendo usada no switch e compara estes valores inteiros que é muito mais rápido que comparar uma sequência de caracteres. Com isto permite haver ...


14

O if solicita uma condição boolean certo? então quando você passa uma expressão (num >= 0), esta irá retornar um boolean. Esqueça o if, qual é a função do seu Método? Retornar true se for maior que zero, certo? Então você passa esta informação à variável e a retorna. Outra forma de implementar este método seria: public boolean isPositive(float ...


13

As demais respostas já explicam muito bem, mas gostaria de complementar com o seguinte: com frequência existem várias maneiras de se fazer a mesma coisa, sem que exista claramente um "melhor" ou "pior", de modo que cabe a você - pela sua experiência ou pelo seu feeling - decidir qual delas usar caso a caso. Aqui não se pode ter nenhuma instrução após aquela ...


13

Eu não usaria nenhum dos dois, ou até usaria o if, mas de uma forma diferente: using static System.Console; public class Program { public static void Main(string[] args) { var textBox1 = "123.45"; //só para facilitar o teste var textBox2 = "10"; //só para facilitar o teste var textBox3 = "abc"; //só para facilitar o teste ...


12

Do ponto de vista da performance, não há razões para se escolher entre uma e outra, a diferença deve ser negligível. Ainda que a representação das duas formas no bytecode seja distinta, a performance será muitíssimo semelhante, com diferença de uns poucos ciclos quando muito (em contraste, um cache miss na L1 "desperdiça" 10-40 ciclos, na L2 mais de 600). ...


12

Li todas as respostas, e realmente a pergunta já foi respondida. Contudo, apesar de a pergunta deixar claro que seu interesse é do ponto de vista de orientação a objetos, acredito ser relevante acrescentar ao tópico outra razão pela qual temer construções if, que está relacionada com a arquitetura interna de alguns processadores. Se levarmos em conta um ...


12

Ele é obrigatório apenas quando vai usar comandos em uma linha, assim ele é o separador. Quando vai executar um bloco de comandos ele é opcional mesmo. Documentação. Exemplo de single line: If x > 0 Then y = 0 Ou mais de um comando em uma linha: If x > 0 Then y = 0 : z = 0 Bloco de código: If x > 0 y = 0 z = 0 End If


12

Geralmente quando você vê um código em um if comparando com false ou true, está fazendo algo supérfluo, já que o if sempre espera um booleano, portanto, só pode ser estes 2 valores. Qualquer expressão que resulte um booleano satisfaz a necessidade. O operador relacional, que estabelece se a grandeza é a mesma, diferente, maior, menor, sempre retorna um ...


11

Isso é possível com o operador && da seguinte forma: (test) && test1(); Nessa outra resposta, O que significa o operador && em entre strings?, eu mostro como exatamente funciona o operador && no JavaScript, e porque é possível usar ele dessa forma... na verdade é uma equivalência direta: a && b => a ? b : a. Quando ...


11

Há uma "hierarquia" entre "online", "comum" e "novo", por isso essa forma como você escreveu também é como eu escreveria... Mas no seu caso particular, vejo que o comportamento se repete seja dentro seja fora de cada if. Ou seja, basta substituir tudo por apenas 3 ifs: $prefixo = ''; if($IdUserOnline2){ $IdsInteracoes .= implode(',',$IdUserOnline2); ...


11

Há um efeito funcional: em uma estrutura condicional, quando um bloco é executado, os demais são ignorados. Ou seja, no primeiro exemplo, há três estruturas condicionais, enquanto no segundo, há uma estrutura condicional divida em três blocos. No primeiro exemplo, as três estruturas são executadas; enquanto no segundo, caso uma seja executada, as demais ...


11

De fato o comando switch-case é bastante feio e quase sempre dispensável. Em vez de usar este comando ou longas cadeias de if-elseif-elseif..., você pode usar dicionários. No seu caso, você preencheria um dicionário de dicionários, com a seguinte semântica: profissão -> site -> profissão naquele site Assim, em vez de fazer um código imperativo ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam