Novas respostas marcadas com a tag

3

WITH CTE_R AS ( SELECT e.ID_Pessoa, ROW_NUMBER() OVER(ORDER BY ID_Pessoa) AS RowNum FROM Empresa e WITH(NOLOCK) ) SELECT @id_empresa = ID_Pessoa FROM CTE_R WHERE RowNum = 1 Mas na realidade você tem outra forma de conseguir esse valor: SELECT TOP 1 @id_empresa = e.ID_Pessoa FROM Empresa e WITH(NOLOCK) ORDER BY ID_Pessoa Observação: ...


1

Update tabela set coluna = coalesce(valorParametro, coluna) Where IdUsuario = id;


1

COALESCE(valor, ...) Retorna o primeiro valor não NULL da lista de valores. Se não houver nenhum valor diferente de NULL então retornará NULL. Pode ser, por exemplo: COALESCE(valor, 'Não informado')


2

Bom dia D. Watson. Neste exemplo que você apresentou, está ocorrendo a conversão implícita entre um INT e um VARCHAR. Neste cenário, o SQL Server aplica as suas regras de precendência https://docs.microsoft.com/pt-br/sql/t-sql/data-types/data-type-precedence-transact-sql?view=sql-server-2017 Quando um operador combinar duas expressões com tipos de ...


1

Uma vez que não pode usar a cláusula ORDER BY num update, pode por exemplo, realizar o update indirectamente através de uma CTE. ;WITH CTE As ( SELECT Codigo, ROW_NUMBER() OVER (ORDER BY Descricao) AS RN FROM MinhaTabela ) UPDATE CTE SET Codigo = RN Se quiser que o Codigo inicie no 0 (Zero), basta substituir 1 ao RN: ;WITH CTE As ( SELECT ...


0

Faltou informar como estão declaradas as colunas. -- código #1 @CodLocal int = 38, @Data varchar(10) = '2019-05-16', @HoraIni varchar(8) = '08:00:00', @HoraFin varchar(8) = '09:00:00' as with Selecionado as ( SELECT Tipo, (datediff (minute, 0, HORA) / 60) as H, --(datediff (minute, 0, HORA) % 60) as M, ((datediff (minute, 0, HORA) % ...


1

Nas versões do SQL Server atualmente suportadas pela Microsoft é recomendada a utilização da codificação UTF-16. O Unicode é um padrão para mapear pontos de código para caracteres. Como é projetado para abranger todos os caracteres de todos os idiomas do mundo, não necessita de páginas de código diferentes para lidar com os diferentes conjuntos de ...


3

Eis sugestão para SQL Server. -- código #1 v2 SELECT Placa, -- método 1 substring (Placa, 1, 4) + char ((65 + cast (substring (Placa, 5, 1) as int))) + substring (Placa, 6, 2) as [Placa 1], -- método 2 stuff (Placa, 5, 1, char ((65 + cast (substring(Placa, 5, 1) as int)))) as [Placa 2] from ...


1

Você pode criar uma CTE com os intervalos possíveis dentro dos horários que você determinou e assim cruzar os dados que você já tem. Para os intervalos utilize a cláusula WITH da seguinte forma: DECLARE @inicio DATETIME = '2019-05-16 08:00:00'; DECLARE @fim DATETIME = '2019-05-16 09:00:00'; WITH intervalos AS ( SELECT 1 AS id, @inicio AS inicio, ...


0

Amigo, você pode consultar diretamente nas tabelas de sistema do seu SGDB. No caso do SQL Server seria assim: if exists(select column_name from mis.information_schema.columns where table_schema ='NOMEDOSCHEMA' and table_name = 'NOMEDATABELA' and column_name = 'NOMEDACOLUNA') begin [SEU SELECT AQUI] end Abraços ...


0

Talvez você consiga resolver utilizando a função sp_executesql. Como por exemplo no INSERT abaixo: BEGIN DECLARE @name VARCHAR(70) = 'San Francisco', @sql_stmt NVARCHAR(100) = 'INSERT INTO cities (name) VALUES (@name)'; EXECUTE sp_executesql @sql_stmt, N'@name VARCHAR(70)', @name; END; GO


0

Segundo a teoria dos conjuntos numéricos aplicada ao banco, a maneira correta e mais performática de obter o resultado seria essa: SELECT * FROM Cartao left JOIN Registo ON Registo.ID_Cartao=Cartao.ID_Cartao left JOIN Clientes ON Registo.ID_Cliente=Clientes.ID_Cliente AND Clientes.ID_Cliente=2 WHERE Clientes.ID_Cliente is null Você fará apenas uma ...


0

Tua pergunta ficou um pouco confusa, mas vamos tentar. O SQL possui um comando de ordenação, é o order by que pode ser asc (defult) ou desc (ordem decrescente). basicamente tu deve fazer: select [campos] from [tabela] where [condição] order by [campo ordenado] [asc/desc]


0

Existe a função ROUND, arredonda para o número de casas decimais. SELECT ROUND(23542351.4154161,2) SELECT convert(int,(ROUND(23542351.4154161,0)))


3

Utilize a função ROUND em conjunto com CAST do SQL Server: SELECT CAST(ROUND(3084.087522295, 2) AS NUMERIC(15, 2)) as X Resultando em 3084.09. ROUND Retorna um valor numérico, arredondado, para o comprimento ou precisão especificados. Sintaxe ROUND ( numeric_expression , length [ ,function ] ) Argumentos numeric_expression É ...


4

Você pode utilizar o comando CAST, exemplo select CAST(3084.087522295 as numeric (36,2))


-1

No Mysql SELECT ROUND(3084.087522295, 2); Saída 3084,09 MySQL ROUND() Function


0

Livros sem registro: SELECT * FROM Livro WHERE NOT EXISTS (SELECT * FROM RegistroLivroAluno WHERE RegistroLivroAluno.ID_Livro = Livro.ID_Livro); Alunos sem registro: SELECT * FROM Aluno WHERE NOT EXISTS (SELECT * FROM RegistroLivroAluno WHERE RegistroLivroAluno.ID_Aluno = Aluno.ID_Aluno);


0

SELECT *  FROM Livro INNER JOIN RegistoLivroAluno ON RegistoLivroAluno.ID_Livro = Livro.ID_Livro INNER JOIN Aluno ON RegistoLivroAluno.ID_Aluno = Aluno.ID_Aluno WHERE Aluno.ID_Aluno = RegistoLivroAluno.ID_Aluno AND Aluno.ID_Aluno =2 Isto é o que tenho tenho feito para mostrar os livros associados ao aluno, so que eu quero os que nao estao associados


3

Para substituir o campo NULL por um valor, utilize o ISNULL(). SELECT ISNULL(name, 'Não Encontrado') FROM bairros; Retorna 'Não encontrado' se o name é NULL :) Mais informações sobre esta função, acesse a documentação oficial: Documentação Microsoft Espero ter ajudado..


5

No trecho de código INNER JOIN Totvs12.dbo.SE1010 receber ON receber.E1_FILIAL + receber.E1_NUM + receber.E1_PREFIXO = pedido.C5_FILIAL + pedido.C5_NOTA + pedido.C5_SERIE essa concatenação de colunas nada mais é do que uma expressão, o que torna o predicado non sargable. Se as colunas receber.E1_FILIAL, receber.E1_NUM e receber.E1_PREFIXO corresponderem ...


0

Bom dia. A solução para o seu caso seria a utilização de uma common-table-expression. No exemplo dado existe uma inconsistência na escrita, você desejaria os mais recentes ou os mais antigos? Dada a resposta ainda existe a necessidade de executar uma alteração na query, somente no order by do row_number. WITH summary AS ( SELECT p.type, p....


0

Fiz um teste na estrutura que tenho aqui, e assim deu certo, caso queira exatamente a quantidade e não a quantidade de registro, você deve substituir as colunas por um count() e incluir um group by no final da query. DECLARE @DATAINICIO DATETIME; DECLARE @DATAFINAL DATETIME; SET @DATAINICIO = --DATAINICIO SET @DATAFINAL = --DATAFINAL SELECT ...


0

A query abaixo retorna a quantidade de registros na PedVend (usando o filtro EmpCod = 5 e de horário entre as 10:00 e 16:00), agrupados por data. SELECT P.PvDatHor, count(*) FROM PedVend P WHERE P.EmpCod = 55 and cast(P.PvDatHor as time) BETWEEN '10:00:00' and '16:00:01' GROUP BY CAST(P.PvDatHor AS DATE)


2

Usando SELECT DISTINCT você retornará apenas um único valor para cada cliente(CD_CLIENTE) caso ele se repita, mesmo assim, não iria solucionar seu problema. Como deseja recuperar o código do cliente juntamente com a maior(MAX()) data de atualização. Você pode recuperar da seguinte forma. SELECT CD_CLIENTE, MAX(DT_ATUALIZACAO) FROM TABELA GROUP BY ...


4

Use da forma abaixo: SELECT COD_CLIENTE,MAX(DT_ATUALIZACAO) FROM TABELA GROUP BY COD_CLIENTE; Dependendo da situação, use o MIN() ao invés do MAX(); Espero ter ajudado! :)


3

Eu pensei no seguinte, como você quer a última atualização segundo a data então você quer a data de maior valor. Então fiz o mesmo SELECT mas adicionei uma clausula WHEREque usa a função MAX() para buscar a data mais recente: SELECT CD_CLIENTE, DT_ATUALIZACAO, FROM TBL_CLIENTES_SOFTWARE_HOUSE_ATUALIZACAO t1 WHERE t1.DT_ATUALIZACAO = (...


1

Eis solução que trata a possibilidade de carros terem o registro em períodos diferentes. -- código #1 with Registros_0 as ( SELECT Placa_Veiculo as placa, min (AnoMes) as ano_mes_inicial, max (AnoMes) as ano_mes_final from Registros group by Placa_Veiculo ), Registros_1 as ( SELECT R0.placa, R0.ano_mes_inicial as ano_mes, R.KM_fim_Mes ...


0

Apenas para complementar a resposta para futuras pesquisas (como eu precisei), a partir da versão 2017 do SqlServer foi implementada a função STRING_AGG(), que tem a mesma característica do group_concat. Na sua query ficaria assim: select STRING_AGG(CONCAT(id, ' - ', descri), ',') id_descri, tipo from table_t group by tipo;


1

Você está tentando adicionar um valor maior que a coluna permite. A sua coluna CodigoAudinUJ possui tamanho 6 e você está tentando inserir 13 caracteres.


2

Esse erro ocorre geralmente quando tenta inserir uma string maior que o campo aguenta. Ex: CodigoAudinUJ varchar(6) Se você inserir uma string com 7 caracteres ou mais, dará erro. No caso, CodigoAudinUJ.


2

A primeira coisa que eu faria era garantir que o conjunto não tivesse sobreposição, assim poderíamos trabalhar com UNION ALL. Como fazer isso? Simples: na segunda seleção, adicionar o filtro de que não pode começar com Vitor: SELECT nome FROM pessoa WHERE nome like '%Vitor%' and nome not like 'Vitor%' Unindo tudo com UNION ALL: SELECT nome FROM pessoa ...


1

O DBAccess - Gateway de acesso a dados relacionais -- usado pelo Protheus para ler e gravar dados nos Bancos de Dados homologados -- até pouco tempo atrás náo permitia a leitura de campos LOB ou similares diretamente por Query. Um campo do tipo varchar(max) no MSSQL é usado no AdvPL para emular um campo do tipo "M" Memo do AdvPL, que permite a gravação de ...


0

Sim, ao contrário do Oracle, no SQL Server se você não especificar um bloco de comandos dentro de uma transação BEGIN TRAN e a operação demorar, é possível que terceiros vejam uma situação inconsistente antes do término das operações. Ou ainda, insira SET IMPLICIT_TRANSACTIONS ON no início do script SQL e todas as operações dentro dele serão transações. ...


1

Tentei simular aqui e pelo que vi esta faltando informações! estou postando a query aqui e você me fala oque falta obrigado. declare @Tecnicos table(IDGestor int, NomeGestor varchar(10), Email varchar(20)) insert into @Tecnicos values (13,'pd','hh@ssss.com') insert into @Tecnicos values (14,'pf','ee@ssss.com') insert into @Tecnicos values (15,'fp','gt@...


0

Estou colocando a resposta para poder encerrar a pergunta. Conversando com um dos analistas, encontramos uma trigger que era acionada no insert ou update nessa tabela de clientes, para realizar os tratamentos dos dados inseridos na tabela. Como nenhum desses dados é usado nessa procedure, decidimos usar os comandos DISABLE TRIGGER e ENABLE TRIGGER. E ...


2

(1) Antes de entrar na questão de 75 x 213 linhas retornadas, sugiro que analise as cláusulas FROM/ON e WHERE sob o ponto de vista de sargability. Por exemplo, na cláusula FROM do seu código existe a seguinte construção: INNER JOIN Totvs12.dbo.SE1010 receber --WITH (NOLOCK) ON receber.E1_FILIAL + receber.E1_NUM + receber.E1_PREFIXO = pedido.C5_FILIAL + ...


2

Você precisa inserir a coluna cliente no seu GROUP BY, a query atualizada fica da seguinte forma: SELECT B.CLIENTE, A.CODCLI, SUM(A.VALOR-A.VALORPAGO) AS 'A RECEBER' FROM ARGCONTASRECEBER A INNER JOIN ARGCLIENTE B ON A.CODCLI = B.CODCLI WHERE A.VALORPAGO < A.VALOR GROUP BY B.CLIENTE, A.CODCLI


2

Complementando a resposta do rLinhares, esse problema pode acontecer em dois cenários: (1) se está usando um campo IDENTITY a partir da versão 2012 quando o serviço é reiniciado o SQL faz um RESEED dos IDENTITY adicionando 1000. Muitos pensam que isso é um bug, mas não é. (2) no uso de sequences com cache. Se a instância for reiniciada o número de itens que ...


2

Primeira coisa a fazer é instalar o pacote com backend Django para Azure e SQL Server: pip install django-pyodbc-azure Depois no arquivo de configurações do Django(settings.py) procure o dicionário DATABASES e faça a seguinte alteração provendo os valores adequados a sua aplicação para NAME, USER, PASSWORD, HOST e PORT: DATABASES = { 'default': { ...


0

Resolvi. Ele sempre usa o name do select anterior como request no codigo PHP que vai popular o próximo select. No primeiro select ele usa o PHP direto. No segundo select, ele pega pelo primeiro codigo javascript mais abaixo. No terceiro select, ele pego pelo segundo javascript abaixo. <select name="ID_torneio" id="ID_torneio"> ...


0

Não existe uma versão "educacional" do SQL Server. Existem algumas versões gratuitas, como a Express Edition e o Developer Edition, que podem ser usados para fins educacionais. E, respondendo a pergunta, elas possuem recursos limitados em relação à Enterprise. Limitações: Quantidade de dados suportada na base é menor O número de núcleos é menor A ...


1

Sim, o Sql Server Express possui menos recursos. A versão Express é focado em aplicações pequena escala, o Standard em aplicações intermediárias, e o Enterprise em aplicações mais robustas. Acredito que os links abaixo possuem todas as informações que deseja: Folheto Comparativo Edições Sql Server 2017 Edições Sql Server 2017


0

Considerando que você esteja utilizando um Model para esses valores atribuídos, seria algo como: //Your code Context.Entry(ModelName).State = EntityState.Modified; Context.SaveChanges();


As 50 principais respostas recentes são incluídas