Novas respostas marcadas com a tag

0

Sobre a possibilidade, sim, e não se trata de uma necessidade rara. Softwares que possuem recurso para continuar trabalhando off-line implementam recurso similar. Sobre quais meios usar, existem vários e, apesar dos detalhes fornecidos, eles ainda permitem várias possibilidades. Para ilustrar segue uma opção não comentada nas respostas anteriores. Você ...


1

Boas, a tua query seria algo assim: SELECT juros FROM [tabela] where valor_min BETWEEN valor_min AND 2500 AND valor_max BETWEEN 2500 AND valor_max Entretanto, quando publiquei vi uma query apresentada, mais elegante, e mais simples. SELECT juros FROM sua_tabela WHERE 2500 BETWEEN valor_min AND valor_max


0

Select * from sua_tabela where 2500 >= valor_min and 2500 <= valor_max


2

Creio que a query abaixo atenda: SELECT juros FROM sua_tabela WHERE 2500 BETWEEN valor_min AND valor_max;


1

Se a função for somente para validar o Nome, você poderia já fazer o select na tabela usando o valor passado por $_POST['add_nome'] e a partir disso é só você fazer o tratamento usando if caso o select retorne True ou False. Mais ou menos desse jeito: $usuario = new Usuario($_POST['add_nome'], $_POST['add_email'], $_POST['add_tipo'], $_POST['add_senha']); $...


1

Eu consegui usando regexp do mysql. Criei a seguinte expressão regular: (^|\s)mac($|\s) A expressão avalia o texto seguindo as regras: (^|\s) - Antes da palavra tem que haver um ou mais espaços ou é o inicio dela mac - Depois do espaço tem que haver a palavra mac ($|\s) - Depois da palavra tem que ter um ou mais espaços ou é o final dela Se por acaso ...


0

A partir do MySQL 8.0 você pode seguir os seguintes passos: Adicionar uma coluna incremental para vincular os eventos de acordo com o histórico. Para fazer isso utilizar a função ROW_NUMBER vinculando as colunas IdCarro e IdProduto e ordenando pela coluna DataRegisto4 em ordem descrescente faciltando a identificação do último registro no histórico, que irá ...


0

Montei uma query porém, talvez seja necessário fazer algumas validações para ver se funciona em todos cenários. Não me ficou claro uma coisa, se o colaborador 33 verificar o carro 3 vezes, teoricamente ele foi o ultimo a verificar, entretanto eu adicionei duas opções na query e você pode decidir o que precisa para o negócio. SELECT nome, DATE(C....


0

Bruno acrescenta o Id do Produto, assim: ON B.id = A.Colaborador WHERE A.IdCarro = C.IdCarro AND A.IdProduto = C.IdProduto ORDER BY A.Id DESC LIMIT 1,1)


0

tente algo desse gênero SELECT a1.nome_time, a2.nome_time FROM times a1, times a2 WHERE a1.nome_time < a2.nome_time and a1.nome_time <> a2.nome_time;


2

Não, porque ao nome da coluna pode ser acrescentado o nome da tabela para a distinguir. Ao nomear uma coluna a preocupação deve ser identificá-la/descrever seu conteúdo da melhor forma possível. Nomes como fornecedor_nome e produto_nome não são necessários e devem ser evitados. Quando for necessário identificar/distiguir uma coluna use fornecedor.nome e ...


3

Não pode causar conflito, se fizer tudo certo, que é o que todo mundo faz. Na hora de usar os nomes em uma query deve ter uma qualificação completa, ou seja o nome da coluna e o nome da tabela (geralmente este nome é usado com um alias, então produto provavelmente será usado como p), então seu nome será p.nome, que será diferente de f.nome. Se não gostar da ...


0

Consegui com esse codigo: $this->Iten->Contrato->id=$id; $this->Iten->Contrato->saveField("valorTotal",$novoValor);


0

Faz assim que dar certo: <?php $id = $_POST['id']; //Variável de controle. $nroproduto = $_POST['nroproduto']; // Não desejo alterar o nroproduto. $nomeproduto = $_POST['nomeproduto']; //Variável para determinar o nome do produto. $categoria = $_POST['categoria']; //Variável para determinar a categoria do produto. $quantidade = $_POST['...


0

Tudo certo! O MySQL suporta o formato JSON! Lembre-se de usá-lo no formato da coluna na tabela! Na migration do laravel é possível usar o comando $table->json('modal_content'); Isso cria a coluna do tipo JSON! Na view, você pode usar o Blade Template para converter os dados JSON do modal diretamente na variável que vai preencher o modal.. ou seja: Em ...


2

No caso apresentado acima você está utilizando uma base de dados MySQL, ou seja, este é o local onde você está persistindo os dados da sua aplicação. Já o JSON, é uma estrutura de dados que você está utilizando para comunicar o front-end com back-end, neste caso não tem bem certo ou errado, na verdade o erro está em como você interpreta "misturando JSON com ...


0

Tente com uma junção entre as tabelas: SELECT MONTH(COALESCE(consultas1.data, consultas2.data)) as MES, COALESCE(COUNT(consultas1.id_consulta), 0) as TOTAL1, COALESCE(COUNT(consultas2.id_consulta), 0) as TOTAL2 FROM consultas1 FULL OUTER JOIN consultas2 ON (MONTH(consultas1.data) = MONTH(consultas2.data)) GROUP BY 1; Dependendo ...


0

RESOLUÇÃO DO PROBLEMA: Acabei descobrindo, eu fiz o seguinte: IF Pcoluman = 'aceito' THEN if (v_respon_alg = 'Y') OR (v_respon_las = 'Y') OR (v_respon_nye = 'Y') OR (v_respon_vav = 'Y') THEN package_thea.validador(CASE WHEN (v_respon_vav = 'Y') THEN 'Seatle' ELSE 'Nova York', END, CASE WHEN (...


2

A resposta correta é de duas formas 1: $teste = DB::table("cnaes") ->select("id") ->where("cnpj", $cnpj) ->where("cnae", $cnae)->get()->count(); 2: $teste = DB::table("cnaes") ->select(\DB::raw("COUNT(id)" as quantidade)) ->where("cnpj", $cnpj) ...


-3

Utilize PDO para solucionar essas questões. Você não precisará trabalhar com variáveis diretamente na Query. Para isso o PDO oferece o bind_param.


2

Você pode estar fazendo uso do AJAX para isso. Vou deixar um exemplo com o jQuery que é um framework javascript que facilita bem essa parte. MeuArquivo.php <?php include("connection.php"); $query = "SELECT registroNovo FROM registros WHERE BLregistros=0 AND Usuario='$usuario'"; $result_1 = mysqli_query($con, $query); $num_notificacoes =...


2

beleza ? Achei um pouco parecido com o codeigniter essa estrutura aí... No caso, a sql usada é num_rows... Olha na documentação do Laravel para ver como ela se aplica. Se for igual ao codeigniter, ficaria assim: $teste = DB::table("cnaes") ->select("id") ->where("cnpj", $cnpj) ->...


2

Você pode usar o count() $teste = DB::table("cnaes") ->select("id") ->where("cnpj", $cnpj) ->where("cnae", $cnae) ->count();


0

Está faltando o select logo no começo, como você quer retornar um único valor que seria a soma e não o objeto inteiro. "SELECT SUM (e.quantidade) FROM Estoque e join fetch e.produtos prod GROUP BY prod.id return this.em.createQuery("SUM (e.quantidade) FROM Estoque e join fetch e.produtos prod GROUP BY prod.id",Estoque.class).getResultList();


0

No exemplo dado, a solução seria esta (lembrando que isso só funciona no MySQL 8.0+): UPDATE wp_posts SET post_content = REGEXP_REPLACE( post_content, '^<inicio do texto fixo>.+<\/fim do texto fixo>$', '<inicio do texto fixo> novo texto </fim do texto fixo>') WHERE `wp_posts`.`ID`='6450';


0

Caso seja um update segue um exemplo: public function setExpert($id) { $concessionaria = Model::find($id); if($concessionaria->expert === 0){ $concessionaria->expert = 0; }else{ $concessionaria->expert = 1; } $concessionaria->save(); }


-1

Na verdade a velocidade não está somente nos saltos entre recursos, mas em sua estruturação dos modelos também, na madeira como salvamos os índices e etc. O SQLite é muito bom para várias coisas, porém se você começar a ter vários relacionamentos e tipos mais complexos de dados, ele não suporta, ele somente suporta primitivos simples. Fora isso ele é ...


4

Esse presunção que o SQLite está no servidor ou que outro não está e que isto é mais rápido é algo incorreto. O fato do banco de dados estar no servidor ou não depende. Nem é certo que o SQLite esteja, mas geralmente está. Os demais tem mais chance de não estar, mas quase sempre está e se você quer que esteja então estará, porque acha que não? Nem vou ...


3

Você pode adicionar uma classe na td terminando com o valor 0 ou 1. Por exemplo: "<td class='fundo". $res['campo que retorna 0 ou 1'] ."'>".$res['protocolo']."</td>"; E no CSS você cria o estilo das duas classes, .fundo0 e .fundo1: <style> .fundo0{ background-color: red; /* fundo vermelho */ } .fundo1{ background-color: blue; /* ...


0

Segundo a configuração que postou, a porta 8899 nunca irá responder! Para facilitar, tente interpretar a configuração "ports" da seguinte maneira: ports: - "PARA:DE" Ou seja, o NGINX responde na porta 8080, pois está configurado da seguinte maneira: ports: - "8080:80" Caso precise que o nginx responda na porta 8899, altere para: ports: - "8899:80"...


2

bem simples até... update Tabela set campo = campo+100 where id = xxx; se o valor de campo for 120, ele será de 220.


1

Você pode, sim, adicionar a restrição UNIQUE a qualquer coluna que desejar, incluindo colunas de foreign keys. Essa é uma das estratégias possíveis para forçar relacionamentos do tipo 1 para 1 em tabelas separadas. Fazer isso não é tão comum, pois dados relacionados 1 para 1 são normalmente armazenados em uma mesma tabela do banco de dados. Mas existe, ...


0

Pelo que consegui entender de seu problema, tente: SELECT projeto.codProj, projeto.titulo, AVG(trabalhaem.horas) FROM projeto INNER JOIN trabalhaem ON (projeto.codProj = trabalhaem.codProj) HAVING (AVG(trabalhaem.horas) > 20) GROUP BY projeto.codigo, projeto.titulo;


1

Bom você pode definir o culture info en-US na sua aplicação mas isso pode acarretar em muitas alterações como formatação de moeda etc, então acho que a melhor forma seria converter a data, mesmo caso você não queira alterar as configurações da applicação Melhor forma DateTime.Parse(r["dt_compra"].ToString(), CultureInfo.GetCultureInfo("pt-BR")...


0

Tem vários jeitos de fazer isso, mas o problema é que se você for pesquisar o preço no BD depois que o usuário mudar no SELECT vai atualizar a página inteira para depois aparecer o valor, pensa no tempo perdido, sempre que ele quer ver um valor a página toda atualiza. Uma solução para isso seria já trazer o valor da pizza dentro de uma variável quando ...


0

Sua tabela parece ter quatro colunas, não somente três (existe o id, que não é preenchido por você). Sendo assim, me parece que você tem que especificar quais deles quer preencher. $empresa = $conexao->real_escape_string($_POST['empresa']); $filial = $conexao->real_escape_string($_POST['filial']); $segmento = $conexao-&...


1

Amigo altere seu código ResultSet resultSet = prepareStatement.executeQuery(sql); Para ResultSet resultSet = prepareStatement.executeQuery(); Não precisa passar a query como parâmetro do executeQuery quando se esta chamando ele pela PrepareStatement. Na sua preparestatement você já informou o select, não precisa passar novamente. [Editado] Encontrei a ...


0

select s.* from sistema as <--- você precisa colocar a mesma referência aonde vc colocou ( s.* ) Revise os espaços da SQL. String sql = "select s.* from sistema as s\r\n" + "inner join usuariosistema as u on (u.idsistema = s.idsistema)\r\n" + "where u.usuario_cpf = @cpf"; Tenta fazer separado que irá lhe ajudar muito usei ...


0

Boa noite. Bom, pelo que entendi você tem a tabela casa e a tabela post, e pelo visto o relacionamento das tabelas seria que 1 casa pode fazer N posts correto? Então acredito que na modelagem do seu banco você deve ter criado a tabela post contendo uma chave estrangeira (que seria o id da tabela casa). Algo assim: TabelaCasa id_casa rua numero cidade ...


0

o Eloquent não deve estar identificando a chave primária da tabela. class ConcessionariaDelete extends Model { ... protected $primaryKey = "sua chave primária" ...


-2

Eu fiz assim: <!DOCTYPE html> <html lang="pt-br"> <head> <meta charset="UTF-8" content="viewport"> <meta name="viewport" content="width=device-width"> <title>Criando Banco de Dados...</title> <link rel="stylesheet" type="text/css" href="css/bootstrap.min.css" media="screen"> ...


0

Testei aqui na minha máquina e tive o mesmo problema. No fim das contas, o problema era bem simples, causado apenas por uma diferença na codificação do caractere - (hífen) no comando que você digitou. Copie e cole exatamente esse comando abaixo no CMD, na mesma pasta onde você baixou o arquivo mysqlclient‑1.4.2‑cp38‑cp38m‑win_amd64.whl, que vai funcionar: ...


0

Opa amigo, tudo bom ? Cara para fazer isso é até que bem simples. Você só precisar usar um elemento do seu HTML como refêrencia de " tamanho " para que o PHP percorrar todos os dados. Em segundo passo, em seu HTML você precisa transformar seus elementos em uma forma de "Array", para isso é só colocar [] em frente de cada um no namedestes. Ficaria mais ou ...


0

$_POST é um array que contém uma série de pares chave/valor com o nome do campo e seu valor, passados por POST no request HTTP. Então, é só percorrer o mesmo com o foreach (como se faz num array normal). Segue um exemplo abaixo, onde se printa a lista de chaves/valores: <?php $query_string = ""; if ($_POST) { $kv = array(); foreach ($_POST as $key =&...


0

Está faltando apenas adicionar o atributo name nos campos gerados dinamicamente pelo seu código JS. Para resolver, adicione o atributo name nos campos gerados via javascript. Exemplo: ao lado de id='username_"+index+"', adicione name='username_"+index+"', e assim por diante para todos os 4 campos. Explicação: Sem o atributo name, o campo do formulário não ...


1

MySQL tal como outros serviços (SQL Server, Oracle, etc), tal como acabaste por explicar na tua descrição, permite multiplas consultas. Ou seja, o motor de base de dados recebe as coneções com o pedidos e estes são processados em fila, pela ordem de chegada, inclusive os mais demorados. Existe forma de melhorar, podes analisar aqui técnicas que existem, mas ...


2

DECIMAL(5,3) significa que o tamanho máximo são 5, sendo 3 digitos decimais, ou seja, o valor máximo é 99.999. Se precisar de 5 digitos e mais 3 decimais, então precisa de 8 digitos: DECIMAL(8,3) Veja a documentação do mysql: DECIMAL Data Type


-1

Para quem tiver a mesma dúvida, segue a resposta. for ($i = 0; $i < $_POST['parcelas']; $i++) { $rs2 = $mysqli->query("INSERT INTO financ_receita (id_cadastro, matricula, parcela, valor, dataLanc, dataVenci, formaEntrada) VALUES ( '".$_POST['id_cadastro'][$i]."', '".$_POST['aMatricula'][$i]."', '".$_POST['aParcelas'][$...


0

Você construiu uma expressão que deseja que um atributo (keyValue) tenha dois valores, o que não será possível. keyValue = 'dormitorios' E keyValue = 'areaTerreno'


-2

Se eu entendi a sua pergunta, você deve fazer INSERT de acordo com o número de parcelas, então deve iterar parcelas e fazer os INSERT. Aconselho você utilizar o pdo como objeto do banco, mysqli já está fora das versões mais atuais do PHP.


As 50 principais respostas recentes são incluídas