Novas respostas marcadas com a tag

0

Você pode saber quando o mouse está sobre o botão ou qualquer outro elemento com este código: button.addMouseListener (novo MouseAdapter () { public void mouseEntered (MouseEvent e) { // seu código aqui (verificou que está sobre o botão) } }); E para saber que o mouse saiu e executar algo quando identificar isso, pode usar o evento: mouseExited()


0

Você diz que não está usando null em nenhum momento, mas não quer dizer que não está RECEBENDO null: se há um erro na leitura da serial, ela pode retornar null, 0 ou qualquer coisa bizarra. Talvez o real problema esteja em sua serial. Tente usar o bloco try/catch, e tratar o seu erro. Você usa dessa forma: try{ /* aqui você insere o trecho que pode dar ...


5

O problema está na versão do Java que você está utilizando para a compilação no Maven. Você pode corrigir isso de duas formas: <plugins> <plugin> <artifactId>maven-compiler-plugin</artifactId> <configuration> <source>1.8</source> <!-- Identificar a versão desejada aqui --> ...


1

Você poderia tentar usar um editor bytecode ou java decompiler, mas vai depender do seu conhecimento para reverter tudo. Se o projeto nao for muito grande, recomendaria comecar do zero e usar um método de controle de versao como o GIT por exemplo para evitar coisas desse tipo e outras mais.


1

Para realizar o teste unitário você pode utilizar as classes MockHttpServletRequest e MockHttpSession do Spring. Para você pegar a idéia, segue um controlador simples: import javax.servlet.http.HttpServletRequest; import org.springframework.web.bind.annotation.GetMapping; import org.springframework.web.bind.annotation.RestController; import org....


7

O código está complicando o que não precisa: import java.util.Scanner; class Main { public static void main(String[] args) { Scanner sc = new Scanner(System.in); String resp = " "; while (!resp.equals("s")) { System.out.println("Confirma?"); resp = sc.nextLine(); } System.out.println("...


-1

De uma olhada nesse link acho que vai ajudar. https://medium.com/@harivigneshjayapalan/android-recyclerview-implementing-single-item-click-and-long-press-part-ii-b43ef8cb6ad8


2

Use o método length(), pois este irá retornar o tamanho de uma string em caracteres. Seu código ficará: if(senhacriada.length() >= 8) { //! A solução está aqui ! System.out.println("Senha criada com sucesso !"); }else { System.err.println("senha >= 8 !"); } Recomendo a leitura: Por que em Java o tamanho de um array é um atributo e de ...


0

Na variável MAVEN_HOME é necessário informar o caminho até a pasta BIN ou seja: C:\Users\Rafael Storm\Desktop\apache-maven-3.5.2\bin e se necessário adicione este caminho no Path também.


-1

Quem tiver o mesmo problema, remova todos os java instalados. e quando for instalar, deve usar o java de desenvolvimento.


1

Você pode tentar fazer explicitando o join: SELECT ph FROM Person p JOIN p.phones ph E o retorno esperado é o mesmo do mapeamento da entidade: Set<PhoneEntity> O código final ficaria mais ou menos assim: String jpql = "SELECT ph FROM Person p JOIN p.phones ph"; Query query = em.createQuery(jpql); Set<PhoneEntity> phones = query....


1

O erro está nesse trecho: switch(opcao){ case 1: String nome = null; String cpf = null; clientes.add(new Cliente(nome, cpf)); break; case 2: String nomeCat = null; double pesoCat = 0.0; int idadeCat = 0; clientes.adicionaFelino(nomeCat, pesoCat, idadeCat); ...


0

Creio que seu Predicate não esteja funcionando, porque você está usando o ".toString" na variável "tipo" antes de fazer a lógica do Predicate, você pode tentar o seguinte para confirmar: //use a variável tipo como um LocalDateTime, ao invés de um tipo "Path"; Predicate Predicate = builder.lessThan("tipo","tipo".plusDays(1));


0

Para verificar se existem arquivos com uma extensão especifica você pode utilizar a função contains() dentro do for onde você lista os seus arquivos, dessa forma: for(File file:diretorio.listFiles()) { if(file.getName().contains(".txt")) { // verificando se o arquivo é da extensão txt arquivos.add(file.getAbsolutePath()); // se sim, adiciona ele ...


0

Meu pom.xml as dependências do JPA etc. <!-- Configuração JPA e Driver --> <dependency> <groupId>org.hibernate</groupId> <artifactId>hibernate-entitymanager</artifactId> <version>5.4.2.Final</version> <scope>runtime</scope> </dependency> <...


0

Minha configuração com banco package br.com.casadocodigo.loja.conf; import java.util.Properties; import org.springframework.context.annotation.Bean; import org.springframework.jdbc.datasource.DriverManagerDataSource; import org.springframework.orm.jpa.JpaVendorAdapter; import org.springframework.orm.jpa.LocalContainerEntityManagerFactoryBean; import org....


0

Solução: Quando se esta na cláusula Join na API do Criteria, só é possível selecionar a chave primária da sua entidade, tornando as outras propriedades inacessíveis.


1

Olá, tudo bem? Para tarefas distribuídas é recomendado que você consiga ter alguma informação onde todas as instâncias do seu Cluster tenha acesso. Algumas estratégias podem ser usadas como: Trabalhar com um componente/aplicação que realize esse tipo de tarefa de maneira mais profissional, como o Quartz. Segue alguns links: http://www.quartz-scheduler....


7

O método System.currentTimeMillis retorna o valor do timestamp em milissegundos (também conhecido como "milésimos de segundo"). Mas vamos por partes. Conforme você viu na documentação, o retorno é descrito como "a diferença, em milissegundos, entre a data/hora atual e 1 de janeiro de 1970, à meia-noite, em UTC". Esta data (1 de janeiro de 1970, à meia-...


0

A resposta do Bruno creio que funcionaria, ou você pode tentar assim: String uri = "http://api.openweathermap.org/data/2.5/weather?q="+name+"&units=metric&appid="+appid"; Acho que seria isto.


0

1- quando aparecer o botão de (avançar) ele de o click e em seguida click no de (concluir). R: Pelo jeito você não colocou um time de espera após o click do botão avançar, coloque um time no botão depois que ele clicar em avançar, faça o sistema esperar mais um pouco e depois click em concluir. 2-Só que depende, pelo fato que tem algumas matriculas que não ...


1

Bom, eu coloquei a aplicação para ignorar o SSL, chamando essa função antes do POST. Uteis.ignorarSSL(); WebResource webResource = client.resource(url); public static void ignorarSSL() throws Exception{ //Cria um gerenciador de confiança que não valide cadeias de certificados TrustManager[] trustAllCerts = new TrustManager[]{new X509TrustManager(){ ...


0

Apesar de ver em diversos locais que a forma de criar o shade é usar o shadow algo deve ter mudado na ultima versão, pois obtive o uber jar usando implementation no lugar do shadow ficando: dependencies { compileOnly fileTree(dir: 'lib', include: 'minecraft-colors-*.jar') implementation fileTree(dir: 'lib', include: 'knautiluz-http-*.jar') ...


0

Consegui resolver meu exercício fazendo assim: //Some todos os numeros naturais abaixo de 1000 que são múltiplos de 5 ou 3. public class Exerc25 { public static void main(String[] args) { //---------------variáveis int numero, soma = 0; Scanner teclado = new Scanner(System.in); //---------------Entrada de dados ...


0

Toda a solução foi relatada nos comentários: Pessoa.java @AllArgsConstructor @NoArgsConstructor @Data @Entity @Inheritance(strategy = InheritanceType.JOINED) @Table(name="pessoa") public abstract class Pessoa implements Serializable { private static final long serialVersionUID = 1L; @Id @GeneratedValue(strategy=GenerationType.IDENTITY) @...


-1

Acredito que na consulta que você está fazendo, o relacionamento pode estar trazendo tudo, e o fato de trazer de /telefone a resposta de /perfil é o SQL.


8

Embora você queira usar o método Arrays.binarySearch() para achar um valor em um array não classificado (o termo correto, porque ordenado o array está, ele tem uma ordem, a ordem de entrada de dados) e este método não deve ser aplicado. Ele foi criado para lidar quando você tem dados já classificados. A solução de classificar o array para depois fazer a ...


4

Como eu relatei no comentário, a pesquisa binária tem o principio da ordenação crescente, e o seu array não está ordenado dessa forma do menor para o maior valor. Faça a ordenação com Arrays.sort que o local do valor é retornado, exemplo: int vet[] = {3, 7, 6, 1, 9, 4, 5}; Arrays.sort(vet); // ordenação int s = Arrays.binarySearch(vet, 3); System.out....


0

Cara é bem simples, na verdade. Você pode simplesmente aninhar as classes VerticalScrollView e HorizontalScrollView para obter o resultado necessário. Veja uma possível solução. <!--layout.xml--> <ScrollView xmlns:android="http://schemas.android.com/apk/res/android" android:layout_width="match_parent" android:layout_height="match_parent">...


9

Existe uma implementação de Python 2 chamada "Jython" - ela permite que você execute código Python dentro do ambiente da JVM, importando e instanciando classes em Java normalmente. Isso é o que normalmente se entende por "programar Python e Java junto". Agora, há a abordagem sistemas distribuídos - em que sistemas independentes compartilham dados e eventos ...


0

Isso deve funcionar para você: public void ListarArquivosdoFTP() { new Thread() { @Override public void run() { try { Recibo recibo = null; classe_FTP ClienteFTP = new classe_FTP(); ClienteFTP.Conectar("ftp.meuhost.com.br", "usuario", "senha", 21); FTPFile[] ...


0

Acredito que o problema esteja nessas linhas: connection.setRequestProperty("Content-type", "application/json"); connection.setRequestProperty("Accept", "application/json"); Você chama o mesmo método duas vezes, com valores diferentes.


0

Não sei se ainda é útil, mas segue uma solução: public void delete(int id) { try { String[] args = {id}; getWritableDatabase().delete("Dados_familia", "id = ?", args); getWritableDatabase().close(); } catch (Exception e) { e.printStackTrace(); } } OBS.: Vale lembrar que "Dados_familia" é o nome da sua ...


0

Basta substituir o '%s' por '%d'. O '%s' serve para a impressão de Strings e o '%d' serve para impressão de valores inteiros. chamarTelaPrincipal.rpm.setText(String.format("%d", valorrpmint));


0

Consegui resolver o problema mas não da melhor maneira possível, acredito eu, então não vou considerar o problema como resolvido. A intenção era executar um método genericamente, pra isso eu uso o método java.lang.reflect.Method#invoke da biblioteca org.reflections, esse método recebe 2 ou mais parâmetros, o primeiro é uma instância da classe do método que ...


0

Você pode especificar a classe que vai ser populada pelo repositório através de projeção. public interface CoursesRepository extends CrudRepository{ @Query("select new pacote.completo.CustomCourseDTO(c.id, c.name, c.schedule, t.name) from Course c join c.teacher t ") public List findAllCoursesAndTeachers(); } public CustomCourseDTO() { private int ...


0

Você precisa criar um service que implemente UserDetailsService. Por exemplo: @Service public class MyUserDetailsService implements UserDetailsService { @Autowired private UserRepository userRepository; @Override public UserDetails loadUserByUsername(String username) { User user = userRepository.findByUsername(username); ...


1

Você não precisa passar result/z como parâmetro. Você quer ler o valor de escolha antes do switch. E não depois. Pense no switch como se fosse uma sequência de ifs. O que você colocou no default deveria vir depois do fim do switch e não ainda dentro dele. Assim como o switch é similar a uma sequência de ifs, o default seria equivalente ao último else. O ...


1

Tente envolver o teu switch em um while para manter o sistema rodando: while (!condicaoParada) { switch (escolha) { case 0: System.out.printf("Escolha a opção: %n1 Adição%n2 Subtração%n3 Multiplicacao%n4 Divisao%n5 Resto da divisão%n6 Potenciação%n"); escolha = sc.nextInt(); System.out.println("...


0

O problema foi no ato de importar o pacote correto, eu tinha importado esse pacote. e ficou assim! Porém o pacote certo é esse! Depois que coloquei o pacote certo funcionou perfeitamente.


0

O Thymeleaf é uma framework de template, sendo assim, ele vai pegar os dados passados pela controller juntar com o template e gerar o html final que será exibido no browser. Teoricamente eu não precisaria pegar dinamicamente, já que uma foto de usuário não muda constantemente e caso eu precisasse mudar eu faria um serviço de alteração de foto de perfil de ...


0

Analisando o que foi apresentado, acredito que o problema seja no mapeamento do serviço REST. <servlet-mapping> <servlet-name>Jersey REST Service</servlet-name> <url-pattern>/*</url-pattern> </servlet-mapping> Solução 1 - Mudar a chamada para http://localhost:8080/service/todosClientes Solução 2 - Mudar o ...


11

Primeiro vamos começar usar a nomenclatura correta das coisas, o que você chama de atributo na verdade é um campo, então está repetindo a mesma coisa na afirmação, melhorando sua pergunta e pontuando: Como os objetos c1 e c2 são do tipo Criatura e não possui os métodos e campos especializados das classes derivadas, correto? Não, estes objetos possuem a ...


0

Se você quer esse valor dentro do seu map, sem modificar o map, você poderia simplesmente adicionar um campo à classe FileVO: public class FileVO{ private String ipOrigem; //outros métodos bla blu public void setIpOrigem(String ip){ this.ipOrigem = ip; } public String getIpOrigem(){ return this.ipOrigem; } } Depois disso, bastaria usar um loop e ...


0

Repare que nas linhas abaixo, você seta os campos data e vencimento com o mesmo objeto: v.setData(vendas.get(i).getData()); v.setVencimento(vendas.get(i).getData()); Ao incrementar a data de vencimento usando v.getVencimento().add(), você está alterando o objeto que ambos os campos data e vencimento estão referenciando, causando o problema. Para evitar que ...


0

Boa noite. Consegui resolver o problema dando permissão na pasta C:\Windows\System32\spool\PRINTERS e adicionando Users@ antes do nome da impressora ex: smb://Users@nome_do_pc/nome_da_impressora


0

@Override public Collection<? extends GrantedAuthority> getAuthorities() { return roles; } Tem que retornar uma coleção de autoridades.


2

O tipo int é um tipo primitivo e não pode retornar null. Mude o retorno da sua função original: public static int pesquisa_binaria(int lista[], int item) Para: public static Integer pesquisa_binaria(int lista[], int item) Agora você pode retornar null na lógica da sua função. Integer refere-se a um objeto agora, podendo retornar null.


3

Você tem que usar Integer, não o tipo primitivo int e sim o Wrapper, para poder retornar um null, então seu código vai ficar assim: public class Main { public static void main(String[] args) { int[] minhaLista = { 1, 3, 5, 7, 9 }; for (int i : minhaLista) { System.out.print(i + " "); } System.out.println(" "); System.out....


As 50 principais respostas recentes são incluídas