Respostas interessantes marcadas com a tag

18

Progressive Web Apps são experiências que combinam o melhor da Web e o melhor dos aplicativos. Eles são úteis para os usuários desde a primeira visita em uma guia de navegador sem exigir instalações. Conforme o usuário desenvolve uma relação com o aplicativo ao longo do tempo, ele se torna cada vez mais eficaz. Ele é carregado com rapidez, mesmo em ...


8

As grandes empresas e entusiastas de tecnologia já percebem que o número de downloads de aplicativos para celular vem diminuindo a cada ano e diante desta situação surgiram os progressive web apps. Os Progressive Web Apps são um conjunto de técnicas para desenvolver aplicações web, adicionando funcionalidades que antes só eram possíveis em apps nativos. As ...


7

O que é exatamente Progressive Web App (PWA) ou Aplicação Web Progressiva? Essa parte você encontra na documentação: Apps progressivos para a Web São experiências que combinam o melhor da Web e o melhor dos apps. Eles são úteis para os usuários desde o primeiro acesso a uma guia do navegador, sem necessidade de instalação. Conforme o usuário ...


5

PWA são features de experiência que uma aplicação web pode fornecer para o usuário de modo que seja similar a de uma aplicação nativa. O fato da aplicação ser Progressiva é que a a medida que o usuário está usando a aplicação como Web, ela vai cada vez mais se integrando ao dispositivo, assumindo uma forma mais nativa, por assim dizer. Entre essas features,...


3

Acredito que depois que você ter um background satisfatório em relação ao javascript, você poderia focar em um framework para agilizar o desenvovlimento de um PWA. Minha opinião é usar VueJs pela facilidade e curva de aprendizado baixa, é meu framework of choice, digamos assim haha. Outra dica, outro framework que eu uso, é o Quasar Framework. Para mim é o ...


2

Cara, realmente a palestra de 2013 já tá bem desatualizada. Não caga pra mim não, mas pode cagar pra palestra hahaha. O cenário era bem caótico em 2013. Nada funcionava com fixed em praticamente nenhum browser. As coisas melhoraram bastante desde então. Mas continuam um tanto caóticas. A melhor referência sobre fixed em mobile que você encontra hoje são ...


2

Um arquivo que se encontra dentro de /statics/sw.js funcionará da mesma forma que um que está na raiz do projeto?? Não funcionará, ele apenas terá acesso aos eventos fetch que iniciam com /statics Referencia:https://developers.google.com/web/fundamentals/primers/service-workers/?hl=pt-br Um ponto sutil do método register() é a localização do arquivo do ...


2

Service worker precisa de um ambiente seguro, e "localhost" na porta 80 é considerado um ambiente seguro. Caso você precise realizar um teste em um ambiente não seguro, pode ligar uma flag no chrome: Insecure origins treated as secure e cadastrar o url. chrome://flags/#unsafely-treat-insecure-origin-as-secure obs.: lembre que não adiante apenas cachear o ...


2

Pergunta interessante. Já tentou usar um timestamp no nome dos scripts? Isso ajudaria na hora que ocorre uma atualização. Dá uma olhada no https://developers.google.com/web/showcase/2015/service-workers-iowa#stale-content Espero ter ajudado. Abraços!


2

Para criar um PWA, basicamente você precisa de HTML, JavaScript e CSS. Em linhas gerais, PWA é um Web App com um Service Worker implementado permitindo que você torne sua aplicação offline e consiga mandar push notification. O que torna seu site um PWA são esses conceitos: link. Para acelerar o desenvolvimento da sua aplicação pode-se utilizar frameworks ...


2

Tem um jeito de fazer que acho que pode te atender. Eu esqueci o nome dessa técnica, mas ela faz um "versionamento" da URL do arquivo CSS, isso faz com que o browser sempre faça o download do "novo" CSS. O que se faz na verdade é muda um parâmetro no URL do CSS, assim vc força o browser a refazer o cache com o caminho "novo" do arquivo. Segue um exemplo ...


1

O ponto principal de um TWA é realmente estar disponível na Play Store (como um APK) e por isso precisa se conformar com suas regras, por outro lado ganha alguns direitos (mínimos) que antes não conseguia com um PWA e integra melhor com o browser. Não vejo porque publicar fora da Play Store, não há vantagens claras que faça ter interesse nisso. Tem alguns ...


1

Você pode utilizar um cookie pra verificar se o botão já foi clicado e setar esse cookie em ambos os domínios com a ajuda de um iframe (uma vez que o cookie é único por domínio). Ou seja, você pode criar uma página "setcookie" com o script abaixo e coloca-lá na rota examplo.com/setcookie e examplo2.com/setcookie localStorage.setItem('botaoClicado', 'true') ...


1

Você pode utilizar por exemplo o ionic para criar o seu PWA e utilizar qualquer linguagem de programação WEB para criar uma API Rest no back-end. Com o Angular você poderá fazer integração com recursos nativos do celular e salvar os dados offline e caso necessário sincronizar com o seu backend quando tiver conexão.


1

Infelizmente (ou felizmente) não é possível alterar o histórico de navegação, por motivos de segurança, os browsers não o permitem. Caso queira buscar uma solução de contorno, pode tentar algo durante o beforeRouteEnter beforeRouteEnter(to, from, next) { next(vm => { // tente algo aqui usando o 'to' e o 'from' }); }


1

Service Worker é um Proxy, ele executa funções durante a requisição e então encerra. As API's Web-Push e Sync podem operar em "background" mesmo que o usuário não esteja na aplicação más, é necessário que o navegador esteja "aberto" mesmo minimizado. Você pode usar PostMessage com uma lógica (função) de intervalos para lançar mensagens entre seu arquivo js ...


1

Vc pode trocar o fixed por position:sticky apesar do suporte dos browsers ainda não ser muito grande. Documentação: https://developer.mozilla.org/pt-BR/docs/Web/CSS/position Suporte dos Browsers: https://caniuse.com/#feat=css-sticky (nao funciona no IE) E lembre-se que essa palestra é de 2013!! 5 anos no passado! OBS: O IE 7 já aceitava position:fixed ...


1

Se deseja detectar abertura por PWA poderia tentar esse código em javascript que tenta detectar se o site foi aberto em modo standalone. function isRunningStandalone() { return (window.matchMedia('(display-mode: standalone)').matches); } ... if (isRunningStandalone()) { /* código que sera executado se o site estiver em modo standalone */ } Existem ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam