Respostas interessantes marcadas com a tag

6

Existem várias formas de fazer isso e a mais simples e mais crossbrowser ao meu ver é colocar dois backgrounds em uma div, o primeiro bg do fundo é a imagem, e por cima dela eu tenho um linear-gradiente em 45deg cobrindo apenas 50% da imagem com a mesma cor do fundo. html, body { width: 100%; height: 100%; margin: 0; padding: 0; } .box { ...


5

Bom tente utilizar o ng-class com o if ternario . <div class="row p-3 border-bottom" *ngFor="let cont of contrib"> <!-- ! --> <div class="col"> <p ng-class="redName ? 'text-danger' : 'text-light'" > {{cont.NOME}}</p> </div> <!-- ! --> </div>


4

Se for algo simples, da para resolver desse jeito. let photo = "photo.png"; let result = photo.split(".")[0]; console.log(result); Outra alternativa seria: let photo = "photo.png"; let result = photo.substring(photo, photo.lastIndexOf(".")); console.log(result); Dessa forma você garante que sempre será retornado o nome ...


4

Você pode usar a propriedade: "navigator.userAgent" para exibir a versão do browser. Existem outras propriedades também. Execute o código abaixo em um navegador para visualizar todas elas: var txt = ""; txt += "<p>Browser CodeName: " + navigator.appCodeName + "</p>"; txt += "<p>Browser Name: " + navigator.appName + "</p>"; txt += "&...


2

nesse caso parece melhor usar o viewChild. @ViewChild('child') childComponent: childComponent; submitForm(){ console.log(childComponent.form); }


2

Gustavo, Certifique se que você tem um form.value válido e faça a requisição sem o Stringfy como o Eduardo mencionou. O ideal é que você utilize um objeto Game - assim como é feito no serviço - e associe o valor do form a ele. export class Game{ public nome: string; public constructor(init?: Partial<Game>) { Object.assign(this, init); ...


2

O Dollar no final de nomes de propriedades passou a ser uma convenção de linguagens não tipadas, ou fracamente tipadas, para facilitar identificar propriedades que sejam de tipos que contenham o que ela realmente representa, por exemplo um Observable ou um Promise. ps. Acabei encontrando a resposta no Stackoverflow em Inglês, pesquisei por "dollar" no lugar ...


2

O erro dá a dica: a variável USUARIO é uma string. Você deve convertê-la antes: var USUARIO = JSON.parse(localStorage.getItem('currentUser')); const TOKEN = USUARIO.id; const CLIENT_ID = USUARIO.token;


2

Alternativa para resposta anterior utilizando Regex! let photo = 'photo.png'; console.log(photo.replace(/\..+/g, '')); Ou: let photo = "photo.png"; let result = photo.split("."); console.log(result.shift());


2

Você está alterando uma variável redName que está sendo utilizada num array inteiro retornado no serviço. Ficando todos com classe danger ou light. Para que você compare cada item isoladamente, seria interessante colocar um atributo temporário. no ts: (res) => { const cont = res.length if (cont > 0) { //nome fica vermelho ...


1

Você ao criar um componente com Angular você automaticamente pode utilizá-lo onde precisar, para renderizar o novo componente em um outro é necessário declará-lo no componente pelo seu seletor: Seu Componente ListaPessoa ---------------- TS ---------------- imports {...} from '...' @Component({ selector: 'lista-pessoa', <= seletor Html ...


1

Pelo visto essa biblioteca espera uma instancia do tipo Date, para isso vc tem que criar um objeto desse tipo parseando a data que vem do back formcontrol.setValue(new Date()) ou formcontrol.setValue(new Date(algumValor))


1

Observables é como o angular lida com asincronismo. let imagens: Array<any> = []; this.db.collection('contatos').doc(key).collection('imagens') .snapshotChanges() .subscribe(response=> { imagens=[...response] // ou só imagens=response console.log('imagens',imagens); })


1

it('should select a task', () => { const obj ={ select: function()=>{} } const getElementById = spyOn(document, 'getElementById').and.returnValue(obj); const select = spyOn(obj, 'select'); component.select(task[0].name); expect(getElementById).toHaveBeenCalled(); expect(select).toHaveBeenCalled(); });


1

A comunicação entre componentes pode ser feita tanto pai para o filho como o inverso. Porém, pelo que entendi do seu problema, a solução adequada é através ViewChild. Porém lembrando a arquitetura de componentes analise se realmente precisa dos campos do formulário no componente pai ou se precisa apenas dos valores dos campos. A ideia desse pensamento é ...


1

Pode usar a propriedade clip-path para exibir apenas uma parte do ::after. No exemplo abaixo recortei o ::after do elemento em forma de triângulo com 3 coordenadas. As coordenadas são responsivas em relação às dimensões do ::after usando o valor em porcentagem (%), portanto você pode dimensionar o ::after do tamanho que quiser. Veja o exemplo: ....


1

constructor( private route: ActivatedRoute, ) { } ngOnInit(){ let lastRoute=this.route; while(lastRoute.firstChild){ lastRoute=firstChild } this.lastRoute.data.subscribe(data=>console.log(data) } }


1

Adicione a dependência do módulo spring security e implemente a classe abstrata WebSecurityConfigurerAdapter, você poderá no método definir as restrições de acesso a cada path da sua aplicação, você poderá adicionar eventualmente um filtro JWT e então para acessar os recursos será necessário que sua aplicação front passe um token a cada requisição para ter ...


1

Rapaz... Muita coisa mudou desde a versão 2 até a versão 8 (atualmente), certos pacotes mudaram de nome ou foram substituídos. No seu caso, eu criaria um projeto novo, e iria fazendo parte por parte (lazy loading, Observable, ...) Aqui tem um site que diz o que precisa atualizar de uma versão para outra: Update Angular Cli Existe vários artigos no site ...


1

Utilize $loop->iteration que vai disponibilizar a posição de cada item desse foreach, exemplo: @foreach($buildings as $building) <input type="checkbox" id="campo{{ $loop->iteration }}" name="campo{{ $loop->iteration }}><td>{{$name_building}}</td> <br /> @endforeach esse recurso é a partir do Laravel 5.3 ...


1

A imagem esta em um CDATA, logo ele é como texto para o DOMParser e não como HTML, então não vai encontrar nada, por isso .getElementsByTagName('img') retorna um NodeList vazio Outra coisa, tags com namespace como <content:encoded> precisam usar uma função para tal, se getElementsByTagName pega elementos normais então para elementos com namespace deve-...


1

Ele trabalha com componentização, exemplo: @Component({ selector: 'app-home', templateUrl: 'home.page.html', styleUrls: ['home.page.dark.scss'], }) Se você usa materials: function changeTheme(themeName) { document.getElementById('themeAsset').href = `/path/to/my/${themeName}.css`; }


1

Eu faria algo assim: import { Directive, HostListener } from '@angular/core'; @Directive({ selector: '[blockClicks]' }) export class NoDblClickMatDirective { lastClick = 0; constructor() { } @HostListener('click', ['$event']) clickEvent(event) { const currentTime = new Date().getTime(); const ultimoClick = ...


1

Para resolver simplesmente seu problema, vc pode fazer dessa forma: export class BlaComponent { public motivo: any; ngAfterViewInit() { const self = this; let motivo: string = 'blz'; this.bla.x(this.fazAlgumaCoisa(motivo, self)); } fazAlgumaCoisa(confirmacaoMotivo: any, self: any) { return (confirmacaoMotivo: any, self: any) ...


1

Essa sua questão independe de Typescript é o que é chamado de escopo sendo o básico de Javascript. Você não consegue acessar variáveis ou seus valores declaradas fora do escopo onde foram criadas. Repare que no exemplo abaixo a variável fora pode ser acessada tanto dentro quanto fora da função já a variável dentro pertence ao escopo da função, não podendo ...


1

Não entendi se é o caso, mas acredito que você deseja abrir uma modal em outro componente e não está recebendo os parametros corretamente. No componente que chama você utiliza esses dados: import { NgbModal } from '@ng-bootstrap/ng-bootstrap'; import { ComponenteModal } from '...'; constructor(private modal: NgbModal) {} abrirModal(objetoPraPassar: any) {...


1

A regra CSS que está lá na verdade é essa, porém repare que ele colocam um display:inline-block direto na tag sobrescrevendo o que está no CSS. O que eu te indico é fazer um regra mais forte tipo .kendo-toolbar.k-toolbar .kendo-toolbar-renderer:last-of-type{ display: none !important; } Se isso não der certo um artifício é colocar o CSS depois que o JS ...


1

O (click) assim como o parametro 'click' em @HostListener irão executar como addEventListner, o evento click funciona mesmo somente com o click esquerdo, se deseja fazer mais iterações com o mouse deve usar mousedown, exemplo: @HostListener('mousedown', ['$event']) teste(event: MouseEvent) { switch (event.button) { case 1: console....


1

Achei a solução ideal com a ajuda da resposta do @Gaspar Eu criei uma array global e fiz um push com os dados do colaboradores e adicionei mais 1 dados: this.arrayColabs.push({ MATRICULA: colabs[index].MATRICULA, CCT: colabs[index].CCT, NOME: colabs[index].NOME, FILIAL: colabs[index].FILIAL, _redName: true }) let cont = (<any&...


1

Primeiro e muito importante, vamos entender o DOM: DOM (Document Object Model) É o modelo de objetos usados num documento Web, ou por assim dizer, uma página Web. Ele define como é modelagem dos objetos que compõe a página, coisas por exemplo que a raiz do documento é o <html>, que tem como filhos por exemplo <head> e <body>, que dentro ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam