7

Sei que foi introduzido na versão 2.8 da linguagem (veja aqui), mas apesar de ter lido essas notas de release, ainda não consegui entender o funcionamento de infer.

  • Como funciona?
  • Qual o seu real objetivo?

1 Resposta 1

6

O infer é usado em conjunto a condições de tipos no TypeScript. Isso porque ele irá tentar inferir um tipo, e caso não seja possível algo deve acontecer. Por isso deve sempre estar em um conditional type.

Basicamente, infer irá criar um novo tipo, cujo nome virá à sua frente:

infer NewType

Em que NewType será o tipo que for inferido.

Um exemplo para explicação:

type GetArrayMemberType<T> = T extends Array<infer Member> ? Member : T;

type A = GetArrayMemberType<string[]>; // A inferido para `string`
type B = GetArrayMemberType<string[][]>; // B inferido para `string[]`
type C = GetArrayMemberType<number>; // C inferido para `number`

Link para o playground.

É importante notar o uso de condicionais de tipos. Vale pensar nelas como um tipo de "função" a nível dos tipos, já que você pode utilizá-las para aplicar um certo tipo de lógica — mesmo que mínima — a nível dos tipos.

Quando tipos condicionais são usados em conjunto com o infer (que deve ocupar o primeiro operando da condicional), o tipo do segundo operando (que geralmente é composto a partir do tipo inferido) é retornado. Caso a inferência do tipo não seja possível, o terceiro operando será retornado.

Veja essa estrutura:

//                             ┌ Primeiro operando. O `infer` deve ficar nele.
//                             │
//                             │           ╔ Nome que será atribuído ao tipo inferido pelo `infer`.
//                            ┌┴───────────║────┐
//                            │           ╔╩═══╗│
type UnpackArr<T> = T extends Array<infer Member>
//   ┌ O segundo operando da condição será retornado caso a inferência tenha sido possível.
//   │ Geralmente, esse tipo é composto a partir daquele que foi inferido (no caso, `Member`).
//  ┌┴─────────────┐
  ? { type: Member }
//   ┌ O terceiro operando da condição será retronado caso a inferência não tenha sido possível.
//   | Neste caso, só estamos retornando o tipo passado (`T`).
//  ┌┴──────────────┐
  : T;

Vale notar, também, que um nome sempre deve ser colocado após o infer. É o nome que será dado ao tipo que será inferido. O nome poderá ser usado no segundo operando da condição de tipos.

Qual o seu real objetivo?

O objetivo é conseguir inferir tipos. Geralmente, é usado para "decompor" um tipo, obtendo o valor de um tipo "interno".

Por exemplo, até a versão do TypeScript atual para quando escrevo esta resposta, a palavra-chave awaited ainda não existe no TypeScript. Portanto, a única forma de obter o tipo T de uma Promise<T> é a partir do infer. Veja:

type Awaited<T> = T extends Promise<infer Member> ? Member : T;

type A = Awaited<Promise<string>>; // A inferido `string`.
type B = Awaited<Promise<{ name: string, age: number }>>; // B inferido `{ name: string, age: number }`.

Link para o playground.

Futuramente, awaited Promise<T> (uma construção que ainda não existe no TypeScript) retornará o tipo T, mas por ora a única forma de conseguir isso é usando condicionais de tipos em conjunto com infer.

Geralmente isso é mais útil para autores de bibliotecas ou alguma coisa que exija uma tipagem um pouco mais complexa.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.