1

Estou lutando há mais de mês para fazer funcionar uma simples app que mostrasse um mapa. Consegui, conforme um outro post, que funcionasse na versão 3.2, mas não na 4.1 e, pelos comentários dos amigos, isto deveria ser por causa do hardware do tablet da 4.1 do que propriamente um problema da aplicação em si.

Por enquanto, desisti disto.

Tenho uma outra pergunta: como fazer funcionar o Google Maps tanto na versão 3.2 (aquela que funciona) quanto na versão 2.2?

A pergunta decorre da impossibilidade de se usar fragmentos na versão 2.2 e, pelo que li, a API Key obtida do API Console da versão atual exige fragmentos.

Como sair deste problema?

2

O Android suporta fragmentos em versões antigas (até 1.6) desde que você substitua as classes relacionadas a essa funcionalidade por classes equivalentes que se encontram na biblioteca de suporte revisão 4. Para utilizar essas classes, você precisa incluir o .jar dessa biblioteca no classpath do seu projeto. Esse .jar fica em {diretório_do_android}\sdk\extras\android\support\v4\android-support-v4.jar.

Veja quais classes você deve substituir:

android.app.Fragment --> android.support.v4.app.Fragment
android.app.Activity --> android.support.v4.app.FragmentActivity
android.app.FragmentManager --> android.support.v4.app.SupportFragmentManager
com.google.android.gms.maps.MapFragment --> com.google.android.gms.maps.SupportMapFragment

Observe que no caso de Fragment o nome da classe não mudou, apenas o nome do pacote. Cuidado com os imports.

Sua Activity deve estender então de FragmentActivity, dentro dela você deve chamar getFragmentSupportManager() ao invés de getFragmentManager() e você deve substituir as demais classes pelas versões correspondentes.

Veja detalhes neste post.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.