0

Boa tarde!

Tenho um pequeno banco de dados que armazena o registro de várias pessoas. Infelizmente não foi criado um comportamento para registrar a data e horário do registro salvo no banco de dados.

É possível descobrir a data e horário em que o registro foi inserido no banco de dados?

Eu tentei usar esse comando:

select TABLE_NAME, CREATE_TIME from information_schema.TABLES where TABLE_SCHEMA = ''

Mas mostra somente a data da última atualização na tabela mas eu preciso da data de cada registro da tabela.

Conto com a ajuda de vocês, muito obrigado. (:

fechada como não está clara o suficiente por Darlei Fernando Zillmer, Andrei Coelho, PauloHDSousa, Maniero 30/08 às 11:26

Esclareça seu problema específico ou acrescente outros detalhes para destacar exatamente o que precisa. Do modo como está escrito aqui, é difícil saber exatamente o que você está perguntando. Consulte a página Como perguntar para obter ajuda no esclarecimento desta pergunta. Conheça as regras na central de ajuda e edite a pergunta para que fique adequada.

  • 2
    Pode criar uma trigger para alterar os valores de duas colunas como criado_em e ultima_atualizacao – rray 31/07 às 20:04
  • Boa tarde, obrigado pela resposta, poderia demonstrar/ensinar como faço essa trigger? – ESP 31/07 às 20:19
  • Eu recomendaria tu fazer salvar a data pela sua aplicação e não por trigger. As tabelas que tu precisa saber a data que foi inserido/atualizado tu inseri uma coluna nessa tabela pra guardar a data de inserção/atualização, e na hora de inserir um novo registro tu envia a data junto. – fajuchem 31/07 às 20:30
  • 2
    Mas ele quer resgatar a data e hora dos registros que já estão salvos de determinada tabela que não possui nenhum campo registrando data e hora. – Victor Carnaval 31/07 às 20:35
  • 2
    @VictorCarnaval Nesse caso não tem como. – fajuchem 31/07 às 20:41
2

É uma boa prática em sistemas comerciais manter um log de operações(quem/ fez o que/ quando), isso lhe dá a possibilidade de fazer:

  • Uma auditoria em seu sistema em caso de solicitação direta ou judicial.
  • Levantamento do histórico de operação. Seu caso.
  • Obter informação complementar para restauração parcial de backup devido a mal uso do sistema.

Quanto a situação em que você se encontra talvez o sistema interno de logs do SQL possa lhe salvar.

Log binário é um conjunto de arquivos de log que contém informações sobre as modificações nos dados feitas na instancia do servidor MySql.

O log é habilitado iniciando o servidor com a opção --log-bin. Então a primeira coisa que você tem que fazer é verificar como que o seu servidor inicializa a instancia do MySql. Normalmente em instancias corporativas ou provimento web essa opção é selecionada. Em caso de servidores domésticos ou small office normalmente essa opção é dispensada.

Caso você nunca tenha usado opção --log-bin eu sinto muito mas essas datas são irrecuperáveis.

Mas caso você tenha sorte todas as operações de sua firma tenham sido logadas entre no shell do mysql e digite:

mysql> SHOW BINARY LOGS;

Esse comando exibirá o conjunto de arquivos de logs de operação do MySql:

+---------------+-----------+
| Log_name      | File_size |
+---------------+-----------+
| binlog.000015 |    724935 |
| binlog.000016 |    733481 |
+---------------+-----------+

Para saber qual o diretório em que se encontra esses arquivos digite:

mysql> SHOW VARIABLES LIKE 'datadir';

+---------------+---------------------------------------------+
| Variable_name | Value                                       |
+---------------+---------------------------------------------+
| datadir       | C:\ProgramData\MySQL\MySQL Server 8.0\Data\ |
+---------------+---------------------------------------------+
1 row in set (0.00 sec)

Vá para esse diretório e use a ferramenta mysqlbinlog para ler o conteúdo dos logs:

C:\ProgramData\MySQL\MySQL Server 8.0\Data\> mysqlbinlog binlog.000015

uma linha do binlog

Cada operação registrada começa com a data no formato ddyymm e hora.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.