1

É fato que existe em Assembly (Nasm) e é fato que esta é uma rápida forma de seguir para um ponto do programa entre vários. Aqui há um exemplo de código para x64 onde se escolhe um de cinco códigos de impressão setando 0 ou 1 ou 2 ou 3 ou até 4 na linha mov eax, 2 (no caso, começa setado 2 e printa Label 2!\n).

section .text
    global _start
_start:
    mov eax, 2       ;la index
    mov ebx, 1       ;file descriptor (stdout)
    mov rcx, [la+8*eax]
    mov edx, 9       ;message length
    mov eax, 4       ;system call number (sys_write)
    jmp rcx
_l0:
    mov ecx, l0      ;message to write
    int 0x80         ;call kernel
    jmp _end
_l1:
    mov ecx, l1      ;message to write
    int 0x80         ;call kernel
    jmp _end
_l2:
    mov ecx, l2      ;message to write
    int 0x80         ;call kernel
    jmp _end
_l3:
    mov ecx, l3      ;message to write
    int 0x80         ;call kernel
    jmp _end
_l4:
    mov ecx, l4      ;message to write
    int 0x80         ;call kernel
_end:
    mov eax, 1       ;system call number (sys_exit)
    int 0x80         ;call kernel

section .data

nu  db  '%08X',10
l0  db  'Label 0!',10
l1  db  'Label 1!',10
l2  db  'Label 2!',10
l3  db  'Label 3!',10
l4  db  'Label 4!',10
la  dq  _l0 , _l1 , _l2 , _l3 , _l4

É possível fazer isso em C/C++? Tipo algo mais ou menos assim.

void print( int index ){
    const label_t print[5] = { _print0 , _print1 , _print2 , _print3 , _print4 } ;
    goto print[index%5] ;
_print0:
    printf("Label 0!\n") ;
    return ;
_print1:
    printf("Label 1!\n") ;
    return ;
_print2:
    printf("Label 2!\n") ;
    return ;
_print3:
    printf("Label 3!\n") ;
    return ;
_print4:
    printf("Label 4!\n") ;
    return ;
}

Sou obrigado a usar switch-case e torcer para que ocompilador use array de labels ou há uma maneira de garantir esse funcionamento de array de labels sempre que o programador souber que um valor estará restrito a valores de índice, mesmo que o compilador não saiba?

  • Posso perguntar porquê gostaria de tal? Se for ganho de performance: o ganho nisto é tão irrelevante mas acredito que o código fique menos legível e você perde manutenibilidade, no geral, perde com isto. – Kevin Kouketsu 29/05/19 às 15:37
  • Em caso de fórmulas matemáticas complicadas, dá de muitas maneiras para otimizar muito e permitir uso frequente da função sem peso na consciência, tipo em jogos digitais onde cada frame tem que executar a tempo. – RHER WOLF 30/05/19 às 12:42
  • Obviamente, há N maneiras de otimizar um código. O exemplo dado nem faz sentido pra ganho de performance. Na grande maioria das vezes, na minha opinião, o seu esforço vai ser muito maior para otimizar e o ganho disso basicamente nada (isso assumindo que você não está na fase de prototipagem, onde geralmente é feito códigos pra "funcionar", depois melhorado). – Kevin Kouketsu 30/05/19 às 12:46
  • Falta experiência para imaginar o que falo. Flw. – RHER WOLF 30/05/19 às 12:47
  • Desculpe, não entendi seu argumento. – Kevin Kouketsu 30/05/19 às 12:49

1 Resposta 1

1

Minha resposta anterior estava errada, e por isso a eliminei, ainda que outras respostas a suportassem. 1 2 3

Como você disse, é dizer do que não sabe, mas como você afirmou que existia suporte à tal, busquei e encontrei.

Existe uma extensão do GCC (e apenas deste):

void *s[3] = {&&s0, &&s1, &&s2};

if (n >= 0 && n <=2)
    goto *s[n];

s0:
...
s1:
...
s2:
...

Veja: Labels as Values

  • Vou dar uma olhada para saber se realmente me serve, pois uso VC++. De qualquer forma, só de saber que existe em dialeto de C de uma extensão do GCC, isso já muda muita coisa. – RHER WOLF 18/03/19 às 20:41
  • Parece que não há. De qualquer forma, você respondeu corretamente. Vlw. – RHER WOLF 18/03/19 às 21:22

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.