6

Percebi que algumas pessoas têm dúvidas a respeito da utilização dessas duas funções, ou se não têm dúvidas, parecem aplicar desnecessariamente uma dessas funções, sendo que em determinados casos a outra atende melhor.

Por exemplo, para verificar que um valor não existe ou se ele é falso, algumas pessoas fariam assim:

if ( ! isset($var) || $var == false)
{
   // Não existe ou é false
}

Sendo que poderia ser feito simplesmente:

if (empty($var)) {
  // Não existe ou é falsa
}

Pensando nesses tipos de complicações que geramos - digo em relação ao tamanho e complexidade de um código - resolvi elaborar essas perguntas.

  • Em que casos, dos casos mais comuns, eu poderia utilizar empty ou isset, como maneira de simplificar a forma de verificar se um valor é realmente vazio?

  • O que devo considerar quando utilizo a função empty para que não ocorrer condições indesejáveis para a lógica do código?

Para ajudar na pergunta, tenho casos de usos elaborados, para podermos aplicar as respostas - usando empty ou isset.

  • Quero saber se determinado valor da variável $_SESSION existe, porém esse valor deve ser true (tanto faz se é 1 ou true, só precisa ser um valor equivalente a verdadeiro).

  • Quero saber se um arrayde resultados de uma consulta ao banco veio como array vazio ou não.

  • Quero saber se uma variável existe e se ela não tem o valor igual a 0.

5

Os próprios nomes das funções já dizem tudo, isset() para checar se realmente a variável está definida e prevenir erros, empty() é complicado, para você realmente saber se um valor é vazio (sem espaços, null, etc), você sempre deve tratar a variável, eu recomendo sempre o uso desta lib https://github.com/Respect/Validation isto responde suas duas primeiras questões, vamos as próximas:

Quero saber se determinado valor da variável $_SESSION existe, porém esse valor deve ser true (tanto faz se é 1 ou true, só precisa ser um valor equivalente a verdadeiro).

isset($_SESSION['var']) && $_SESSION['var'] === true

Quero saber se um arrayde resultados de uma consulta ao banco veio como array vazio ou não.

is_array($var) && !empty($var)

Quero saber se uma variável existe e se ela não tem o valor igual a 0

isset($var) && $var === 0
3

Bom, para isso vou selecionar, e responder as perguntas uma a uma.

Em que casos, dos casos mais comuns, eu poderia utilizar empty ou isset, como maneira de simplificar a forma de verificar se um valor é realmente vazio?

Quanto a isso é realmente um bocado complicado explicar, até porque normalmente vazio pode ter vários significados, desde "vago" a "oco". No PHP e noutras linguagens, a lógica e o significado é o mesmo.

O que devo considerar quando utilizo a função empty para que não ocorrer condições indesejáveis para a lógica do código?

A única coisa que deves considerar quando utilizas a função empty(), é que a variável, ou o retorno esperado tenha valor nulo (NULL).

Para ajudar na pergunta, tenho casos de usos elaborados, para podermos aplicar as respostas - usando empty ou isset.

isset() Simplesmente verificas se o valor existe, ou se está definido que praticamente a mesma coisa, verificas se aquele determinado resultado existe, nada mais que isso. Equivale a algo que pode ser medido, ou causar alterações.

Quero saber se determinado valor da variável $_SESSION existe, porém esse valor deve ser true (tanto faz se é 1 ou true, só precisa ser um valor equivalente a verdadeiro).

Utilizando o isset() consegues verificar se essa mesma sessão já foi inicializada, ou ainda verificar se possui algum valor.

Quero saber se um array de resultados de uma consulta ao banco veio como array vazio ou não.

Para array pode-se utilizar o empty(), porque normalmente quando um(a) array vem sem qualquer valor, logo, enquadra na categoria de vazio, simples.

Quero saber se uma variável existe e se ela não tem o valor igual a 0.

Para isso, deves usar ambas, primeiro verificas se a variável recebeu algum valor, apesar de 0, zero é uma existência nula (O.o), pois é, e depois deve-se então verificar se o seu valor é ou não nulo.

Alguns exemplos de valores nulos

$var = ""; # String vazia é NULL mas para o isset() está definida por ser String
$var = null; # null é NULL
$var = 0; # Zero é NULL
$var = 0.0; # 0.0 é NULL
$var = "0" # String 0 é NULL
$var = false; # é NULL
$var = array(); # Array vazia é NULL
Bits\Bytes Nulos também contam, é possível observar isso nalguns exemplos aqui

NOTA: Podes sempre ler a minha resposta, no link nas referências, lá expliquei também um pouco sobre valores nulos, e tipos de verificações.


Referências:

Com base no que acabei de responder, pode ser que ainda restem algumas dúvidas, lá isso é compreensível, porque trabalhar com valores deste tipo e funções semelhantes às vezes é confuso, contudo, recomendo que continues a procurar por outras definições, ou explicações de pessoas diferentes, de modo a chegares a um conclusão, se achares que estas não são suficientes. Aprender baseia-se nisso.

NULL (NULO) - Wikipedia

Como validar cada tipo de dado recebido de um formulário?

2

Para resumir, aqui está exatamente o que você precisa saber. Onde estiver vazio, retornará bool(false):

| valor com variável ($var) | isset($var) | empty($var) | is_null($var) |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
| "" (string vazia)         | bool(true) | bool(true)   |               |                |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| " " (espaço)              | bool(true) |              |               |   
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| FALSE (boleano)           | bool(true) | bool(true)   |               |   
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| TRUE  (boleano)           | bool(true) |              |               |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| array() (vetor vazio)     | bool(true) | bool(true)   |               |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| NULL (nulo)               |            | bool(true)   | bool(true)    |   
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| "0" (0 como string)       | bool(true) | bool(true)   |               |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
|  0 (0 como inteiro)       | bool(true) | bool(true)   |               |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| 0.0 (0 como um float)     | bool(true) | bool(true)   |               |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| var $var; (a variável     |            |              |               |
|            declarada      |            | bool(true)   | bool(true)    |
|       sem definir valor)  |            |              |               |
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   
| NULL byte ("\ 0")         | bool(true) |              |               |   
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++   

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.