3

Como converter um tipo date e um datetime para milissegundos?

>>> ontem # tipo date
datetime.date(2015, 9, 29)
>>> hoje # tipo datetime
datetime.datetime(2015, 9, 30, 18, 15, 36, 856736)
  • milesegundos desde? – ppalacios 30/09/15 às 21:35
  • Desde 1 de Janeiro de 1970. – Paulo 30/09/15 às 21:44
4

Construa um timedelta a partir da diferença entre sua data e a data de referência, então use total_seconds para obter o total de segundos contidos no intervalo. Como esse resultado vem expresso em ponto flutuante, você pode multiplicá-lo por 1000 para obter o resultado em milissegundos (truncando se necessário):

>>> UNIX_EPOCH = datetime.datetime(1970, 1, 1)
>>> data = datetime.datetime(2015, 9, 30, 18, 15, 36, 856736)
>>> (data - UNIX_EPOCH).total_seconds()*1000
1443636936856.7358
>>> int((data - UNIX_EPOCH).total_seconds()*1000)
1443636936856

Fonte

Se sua data é timezone-aware, lembre-se de usar o mesmo fuso horário na data de referência e na data que você quer representar em milissegundos (ou melhor, converter sua data pra UTC antes de fazer essa representação, assim fica tudo canônico). Se tudo estiver em UTC, você também pode obter o valor da "Época Unix" por:

UNIX_EPOCH = datetime.datetime.utcfromtimestamp(0)

(o utcfromtimestamp espera um valor em segundos, e pode rejeitar valores fora do intervalo 1970-2038, dependendo da implementação; na minha opinião, é mais seguro declarar a constante explicitamente, sem depender desse método)


Nota: não faz sentido representar uma data por milissegundos, já que uma data corresponde a um dia inteiro. Sugiro escolher [consistentemente] um instante nessa data (por exemplo meia-noite) e criar um datetime a partir do seu date.

  • No caso o sistema passa apenas a data, antes de retornar o milissegundos é adicionado 0 horas e 0 minutos. – Paulo 30/09/15 às 22:46
2

É possível converter de várias maneiras:

Solução 1

Usando datetime.timestamp() presente no Python 3.

>>> import datetime
>>> hoje = datetime.datetime(2015, 9, 30)
>>> int(hoje.timestamp() * 1000)
1443582000000

Note que timestamp() só funciona com datetime e não com date

Então é necessário converter para datetime se estiver trabalhando com date:

>>> hoje = datetime.date(2015, 9, 30)
>>> int(datetime.datetime(*hoje.timetuple()[:3]).timestamp() * 1000)
1443582000000

Solução 2

Usando strftime().

>>> import datetime
>>> hoje = datetime.date(2015, 9, 30)
>>> int(hoje.strftime('%s')) * 1000
1441681200000

Veja que é %s com s minúsculo e não com maiúsculo. Se usar s maiúsculo retornará apenas os segundos da data (neste caso 00) e não os segundos totais desde 1970.

Observações:

Não encontrei referência sobre s minúsculo na documentação, mas funciona em Python 3 e 2 no Mac OS.

O strftime('%s') retorna apenas os segundos totais arredondados, impedindo precisão em milissegundos.

Solução 3

Usando mktime() do módulo time:

>>> import datetime, time
>>> hoje = datetime.date(2015, 9, 30)
>>> int(time.mktime(hoje.timetuple()) * 1000)
1443582000000

Note que mktime retorna apenas os segundos totais arredondados, não permitindo precisão para os milissegundos.

Solução 4

Usando total_seconds() do timedelta:

Ao realizar a diferença entre dois datetime é retornado um timedelta e a partir dele é possível retornar o número de segundos totais usando total_seconds().

>>> import datetime
>>> hoje = datetime.datetime(2015, 9, 30)
>>> (hoje - datetime.datetime.utcfromtimestamp(0)).total_seconds() * 1000
1443582000000

O utcfromtimestamp(0) retorna um datetime.datetime(1970, 1, 1, 0, 0) como mencionado por mgibsonbr.

  • Note que algumas dessas soluções têm precisão limitada em segundos, e outras podem não ser portáveis (ex.: o windows pode não dar suporte a %s). P.S. Nas duas primeiras soluções, não seria interessante multiplicar por 1000 antes de converter pra int, e não depois? (na 3ª não adianta, não sei quanto à 2ª, mas a 1ª tem precisão suficiente pra tal) – mgibsonbr 30/09/15 às 23:03
  • @mgibsonbr realmente o certo é converter para int após a multiplicação, eu estava testando datetime sem colocar horas e minutos então sempre retornava .0 no final, acabei me confundindo. Em relação a não funcionar no windows eu já não sei, estou usando Mac OS – Paulo 30/09/15 às 23:11
  • 1
    O Mac OS é POSIX, então espera-se que o %s funcione mesmo. É no Windows que ele pode ou não estar implementado (e no meu caso - Windows 7, Python 2.7 e 3.4 - não estava). – mgibsonbr 1/10/15 às 5:46
1

Tendo em vista que o objeto datetime já possui um método para representar uma data em segundos desde 1º de janeiro de 1970, basta o seguinte:

data = datetime.datetime.now()
segundos = data.timestamp()
milissegundos = segundos * 1000

Caso você tenha um objeto date, converta-o para datetime:

d = datetime.date(2015, 5, 5)    
data = datetime.datetime.fromordinal(d.toordinal())
  • Lembrando que timestamp() só funciona no Python 3 – Paulo 30/09/15 às 22:41

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.