5

Eu percebo que no Laravel 4 Framework, quando temos um relacionamento, ao invés de utilizar um JOIN do Mysql no código fonte do Eloquent, ele usa um select.

Por exemplo. Tenho esses dois Models.

class Usuario extends Eloquent{

   public function nivel()
   {
       return $this->belongsTo('Nivel');
   }
}

class Nivel extends Eloquent
{

}

Quando eu faço a seguinte consulta:

$usuarios = Usuario::with('nivel')->get();

foreach($usuarios as $usuario) {

   echo $usuario->nivel->nome;
}

E utilizo o DB::getQueryLog(), ao invés de exibir isso:

SELECT * FROM usuarios JOIN niveis ON niveis.id = usuarios.nivel_id

Ele faz isso

SELECT * FROM usuarios
SELECT * FROM niveis WHERE id IN(5, 7, 8, 9, 10)

E isso porque eu usei o with('nivel'). Pois se eu utilizasse fizesse isso:

$usuarios = Usuario::all();

foreach($usuarios as $usuario){

   echo $usuario->nivel->nome;
}

O retorno do DB::getQueryLog() seria esse, caso existam 3 usuários:

SELECT * FROM usuarios
SELECT * FROM niveis WHERE id = 1
SELECT * FROM niveis WHERE id = 1
SELECT * FROM niveis WHERE id = 3

Ou seja, quando não especifico o with, se eu tiver 100 usuários no resultado, ele fará 100 selects para relacionar com a tabela níveis

Gosto muito de usar o Laravel 4 por conta de sua ótima produtividade e organização.

Porém gostaria de saber se esse "select separado" que ele faz poderia implicar em perda de performance.

4

Esse recurso do qual você está falando se chama eager loading. Ele verifica as os vínculos entre as tabelas e diminui o número de queries para aumentar a performance da sua aplicação.

Num primeiro momento, é mais fácil analisar o seu problema considerando-se a quantidade de queries executadas: o número caiu de 1+n para apenas 1 ou 2 queries, no caso de haver resultados para a primeira query. Nesse caso é bastante provável que o eager loading tenha ajudado sua aplicação em termos de performance.

Quando ao fato do Laravel fazer duas queries ao invés de fazer apenas uma usando JOIN, acredito que o motivo seja o fato dele desconhecer a estrutura do seu banco de dados. Provavelmente a decisão técnica do Eloquent fazer duas consulta é que, na segunda consulta, ele a faz usando a chave primária da tabela que, por característica, já é indexada e com certeza traz bons resultados.

Por outro lado, consultas com JOINs, em muitos casos, costumam ser custosas e nesse caso o próprio desenvolvedor deveria escrever as queries na aplicação, ao invés de confiar no Eloquent para isso.

  • +1. principalmente por agora eu conseguir entender o que era esse tal de Eager Loading! – Wallace Maxters 29/01/15 às 15:20
  • 3
    Gosto de usar o laravel-debugbar para monitorar as querys da minha aplicação. Além de mostrar todas as querys executadas tem uma opção dele que roda automaticamente o explain da query. – gmsantos 29/01/15 às 16:16
  • 1
    Esse debugbar é muito bom. Usei nos projetos Laravel com os que trabalhei, também. – Rodrigo Rigotti 29/01/15 às 16:17

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.