2

Estou com problema no Oracle, onde tenho duas procedures que são executadas uma seguida da outra. Onde na primeira procedure, eu tenho um cursor que faz insert em uma tabela. Este insert tem aproximadamente 30 milhões de registros, que são inseridos em um tempo rápido e aceitavel.

Mas quando a procedure seguinte é executada, a que faz o update, está sim demora. Em uma ultima execução demorou cerca de 38 horas. E esta possui somente um cursor de update, menor que o primeiro e ao executar o cursor separadamente, ele é executado em menos de um minuto.

Um detalhe, é que quando as procedures estão sendo executado, e vejo que a segunda procedure está "travada", se eu paro a execução, dou um analyze table, e a executo somente a segunda procedure novamente, ela é executada normalmente, demorando cerca de 1 ou 2 horas para completar.

Alguém tem ideia de como me ajudar?

  • 1
    Pode passar alguma coisa do código das suas procedures e das tabelas relacionadas? Como são os índices delas ? – woliveirajr 21/10/14 às 13:26
  • Passar alguma coisa do código é meio complicado pois é regra de negócio da empresa. Mas básicamente na primeira procedura é um cursor de insert, e na segunda um de update. Os indices estão ok. O problema é que quando executado automatico a segunda procedure que faz o update, demora anos. Se eu executo cada uma separadamente, elas executam rápido. – Erico Souza 21/10/14 às 13:34
  • Primeiro: precisa fazer o UPDATE dessa forma? Não tem como já inserir os dados com os valores corretos ou então dar um UPDATE geral? Segundo: o problema pode ser a carga transacional acumulada. Já pensou em fazer o update em blocos, fazendo COMMIT a cada N registros? – utluiz 21/10/14 às 13:42
  • 1
    @Erico, ou, outra opçao, o Orale sabe que ele tem os dados, mas ele não tinha preparado os index. Entao, podemos imaginar que vc esta fazendo um "update" numa tabela que nao tem os index prontos, o que demora muito. Uma olhada na documentaçao Oracle, mostra que, quando vc vai fazer insert, e update cada vez ele vai modificar o index. Parece ter um "tips", indicando que para acelerar pode ser melhor destruir o index, fazer os insert/update e depois, re-construir à index: "Dropping index before a mass update and rebuilding them afterwards can improve performance significantly". – Peter 21/10/14 às 19:01
  • 1
    EXECUTE DBMS_STATS.GATHER_TABLE_STATS community.oracle.com/thread/639184 – Motta 24/10/14 às 19:25

1 Resposta 1

1

A solução que encontrei, junto a um colega de trabalho, que funcionou a melhora da perfomance, levando cerca de 1 hora para processar todas os registros. O que antes chegou a demorar cerca de 28 horas.

A solução que testamos e funcionou foi alterar SORT_AREA_SIZE da sessão. O padrão do Oracle é 65536 bytes, segundo a documentação do Oracle

Alteramos para um valor 10 vezes a mais, indo para 655360 bytes.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.