1

Criei dois arquivo para testar o uso do MySQL com o NodeJS conforme segue abaixo, mas estou achando meio lenta a resposta e acho que estou fazendo algo errado:

DÚVIDAS:

1) Essa forma de acessar o banco de dados é a mais correta? Ou seja, toda vez que eu precisar salvar ou acessar algo no banco terei que criar a conexão com mysql.createPool, getConnection e executar o release() para cada operação?

2) Quando executo retrieveno meu arquivo test.js, recupero os dados usando callback mesmo conforme indiquei?

model.js

var mysql = require('mysql');
var pool  = mysql.createPool({
  connectionLimit : 10,
  host     : 'localhost',
  database : 'dbtest',
  user     : 'root',
  password : '123456'
});

exports.retrieveOne = function(id, callback) {
    var sql = "SELECT * FROM test WHERE id = ?";
    var params  = [];

    params.push(id);
    sql = mysql.format(sql, params);

    pool.getConnection(function(err, connection) {
        if (err)
            console.log('Connection error: ', err);
        else
            connection.query(sql, callback);

        connection.release();
    });
}

exports.retrieveAll = function(callback) {
    var sql = "SELECT * FROM test";
    pool.getConnection(function(err, connection) {
        if (err)
            console.log('Connection error: ', err);
        else
            connection.query(sql, callback);

        connection.release();
    });
}

//exports.create = function() { }
//exports.update = function() { }
//exports.delete = function() { }

test.js

var getRow = require('./model.js');

//Retorna todos os registros
getRow.retrieveAll(function(err, rows) {
    console.log('Err: ', err);
    console.log('Rows: \n', rows);
});

// Retorna 1 registro
var id = 2;
getRow.retrieveOne(id, function(err, rows) {
    console.log('Err: ', err);
    console.log('Rows: \n', rows);
});
1

No teu model.js chamas uma vez mysql.createPool. Isso está correto e só acontece uma vez, quando o programa carrega, depois a cada chamada à base de dados usas getConnection e release.

Para usares o retorno do MySQL deves usar lógica assíncrona, podes usar por exemplo callbacks ou promisses.

Se fizeres isso com promises poderia ficar assim:

model.js

exports.retrieve = function(id) {
  var sql = "SELECT * FROM test WHERE id = ?";
  var params = [];
  params.push(id);
  sql = mysql.format(sql, params);

  return new Promise(function(res, rej) {
    pool.getConnection(function(err, connection) {
      if (err) rej(err);
      connection.query(sql, function(err, rows) {
        if (err) rej(err);
        else res(rows);
        connection.release();
      });
    });
  });

}

teste.js

getRow.retrieve('4').then(rows => {
    console.log(rows);
})
  • 1
    Sergio, perfeito!! Era EXATAMENTE isso que eu precisava, pois não estou retornando os resultados para o browser e sim para um outro script que irá manipular os dados. Só para registro, editei minha pergunta a apresentei a forma como eu já estava fazendo (que funcionou também...). Vou usar dessa forma que você indicou, pois acredito que seja mais correta do que a minha. – wBB 23/07/17 às 18:35
  • @wBB podes usar como tinhas também. Promisses são mais seguras em caso de erro pois não param o servidor, o erro é controlado de outra forma. Ainda bem que pude ser útil. – Sergio 23/07/17 às 18:38
  • Ah sim, sim dúvida. Já estava até usando o tratamento de erro que acrescentei ao seu código: getRow.retrievePromise('4').then(_success, _error); executando corretamente function _success(data) { console.log('DATA: ', data); } e em caso de erro function _error(err) { console.log('ERROR: ', err); } – wBB 23/07/17 às 18:52
  • por gentileza @Sergio, tenho uma dúvida sobre a questão da conexão: eu crio um arquivo a parte chamado "conn.js" por exemplo, em que monto a conexão var mysql = require('mysql'); e var pool = mysql.createPool({......etc, etc. Aí faço o require('./conn') em todos outros arquivos em que vou acessar o banco de dados. Com isso, em todo require estou abrindo uma nova conexão em vez de reaproveitar uma conexão já existente, não é? – wBB 24/07/17 às 14:31
  • @wBB depende de como esse ficheiro estiver. Se fixeres export somente de pool então só cria 1 vez. Cada require não faz correr o código todo de novo. Testa colocar um console.log('lalala'); no ficheiro conn.js fora do export e dentro do export e vais ver que o que está fora do export só é chamado 1 vez. – Sergio 24/07/17 às 15:16

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.