0

Estou escrevendo um código em C++ e preciso ler um arquivo de distâncias que foi calculado em um outro algoritmo feito em C.

Este arquivo é mais ou menos assim:

100\n (número natural) 0.0000 58.25646 7.1556 \n5.1564 0.0000 44.00000... -> uma matriz de floats

Segue o código da parte que lê o arquivo:

int main(){
    srand(time(NULL));

    FILE *arv;
    arv = fopen("distancias_oliver30.txt", "r");

    fscanf(arv,"%d", &N_geracoes);



    float distancias[N_cidades][N_cidades];
    float feromonio[N_cidades][N_cidades];

    int i, j, k;
    for (i = 0; i < N_cidades; i++){
        for (j = 0; j < N_cidades; j++){
            fscanf(arv,"%d",&distancias[i][j]);

    }


    fclose(arv);
    ...

O problema é que o esse primeiro número natural ele lê corretamente, mas o nas distancias ele lê o primeiro elemento corretamente e o resto ele bota um número negativo esquisito (-107374176) ao invés de 58.25646, 5.1564...

Alguém sabe como resolver?

2

Assumindo esta declaração:

float distancias[N_cidades][N_cidades];

Isso está errado:

fscanf(arv,"%d",&distancias[i][j]); // ERRADO!

Este é o jeito certo de ler floats:

fscanf(arv,"%f",&distancias[i][j]); // CERTO :)
  • 1
    Puts... que erro idiota. Muito obrigado :)))))))))))))) – próton 30/09/16 às 1:38

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.