Não há recomendações de uso para esta tag... ainda!

Recomendação de uso, também conhecida como Wiki da Tag, é uma sinopse que descreve quando e porque uma tag deve ser usada neste site.

O controle WebBrowser fornece um conteúdo gerenciado para o controle do WebBrowser ActiveX. O conteúdo gerenciado permite que você exiba páginas da Web em suas aplicações do Windows Forms. Você pode usar o controle do WebBrowser para duplicar a funcionalidade de navegação na Web do Internet Explorer na sua aplicação ou pode desabilitar a funcionalidade padrão do Internet Explorer e usar o controle como um simples visualizador de documentos HTML.

Você também pode usar o controle para adicionar elementos de interface de usuário baseados em DHTML em seu formulário e ocultar o fato de estarem hospedados no controle do WebBrowser. Essa abordagem permite que você combine perfeitamente os controles da Web com os controles do Windows Forms em uma única aplicação.

Propriedades, métodos e eventos usados ​​com frequência

O controle WebBrowser possui várias propriedades, métodos e eventos que você pode usar para implementar controles encontrados no Internet Explorer. Por exemplo, você pode usar o método Navigate para implementar uma barra de endereços e os métodos GoBack, GoForward, Stop e Refresh para implementar botões de navegação em uma barra de ferramentas. Você pode manipular o evento Navigated para atualizar a barra de endereços com o valor da propriedade URL e a barra de título com o valor da propriedade DocumentTitle.

Se você quiser gerar seu próprio conteúdo de página em sua aplicação, você pode definir a propriedade DocumentText. Se você estiver familiarizado com o Document Object Model (DOM) do HTML, você também pode manipular o conteúdo da página Web atual através da propriedade Document. Com esta propriedade, você pode armazenar e modificar documentos na memória em vez de navegar entre os arquivos.

A propriedade Document também permite chamar os métodos implementados no script da página a partir do código da sua aplicação. Para acessar o código da sua aplicação à partir do seu script, defina a propriedade ObjectForScripting. O objeto que você especificar pode ser acessado pelo seu script como objeto window.external.

Fonte e documentação:

histórico | histórico do fragmento