Respostas interessantes marcadas com a tag

4

positive look behind A busca deve fazer uso do operador "positive look behind" (?<=nao_retorna)vai_retornar. Este operador vai começar a busca pela expressão regular apenas depois de encontrar o padrão dentro dos parêntes (?<=aqui) Para ver como funciona esse operador, recomendo rodar o seguinte código: d %>% pull(value) %>% str_view("(?...


4

Basta fazer com que a parte dos milhares seja opcional: str_extract_all(empilhado$`empilhado[-1, ]`, "-?R\\$\\d{1,3}([.,]\\d{3})*[.,]\\d{2}") Ou seja, o trecho ([.,]\\d{3}) (ponto ou vírgula seguido de exatamente 3 dígitos) pode se repetir zero ou mais vezes - a repetição é indicada pelo quantificador *. Assim a regex pega valores menores que 1000 ...


3

As referências seguem um padrão, só que não de tamanho. O formato geral é: SOBRENOME, NOME; SOBRENOME, NOME . Titulo do artigo. TITULO DO PERIODICO, v. X, p. X-X, ANO. Como os campos são delimitados por combinações de pontos e vírgulas, pode separá-los sequencialmente: library(stringr) # Separa os autores: spli1 <- str_split(ref$artigo, " \\. ",...


3

Os pacotes dplyr e stringr podem te ajudar nisso. Primeiro, vou criar o conjunto de dados: NOME <- c("LEITO 1", "LEITO 2 - HPP", "LEITO 3 - HPP", "LEITO 4") VALOR <- c(10, 20, 30, 40) dados <- data.frame(NOME, VALOR) A seguir, carrego os pacotes necessários: library(dplyr) library(stringr) Por fim, uma combinação das funções filter, que ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam