Novas respostas marcadas com a tag

3

TL; DR É improvável que precise de um método que dê o tamanho de um nome completo sem criar este nome completo, então este método não faz sentido (estou especulando, não sei detalhes do problema), a solução seria ver qual é real necessidade e fazer isto, provavelmente seria criar o nome completo e este novo objeto tem exatamente o tamanho que deseja de ...


1

Fora o que o Artsher Developer exemplificou na resposta dele, o return do modo que fez retorna apenas o primeiro elemento encontrado, ou seja, o nome. Para você imprimir também o nome completo por exemplo, pode retornar um objeto { } ou um array [ ]: Objeto: function tamanhoNomeCompleto(nome, sobrenome) { return { tamanho: nome.length + ...


1

Você não vai conseguir dessa forma porque ele você precisa concatenar strings primeiro. para você usar o length. dessa forma funcionará seu código function tamanhoNomeCompleto(nome, sobrenome) { return (nome + ' ' + sobrenome).length } console.log(tamanhoNomeCompleto('Kusther', 'Developer'));


3

Por detrás dos panos, ao atribuir outro texto em a, ele vai criar outra instância de a. É isso mesmo ou estou falando algo equivocado? Não exatamente, neste exemplo está "criando" outra instância, mas nem sempre isso é verdade, atribuir um valor a uma variável e criar instância são coisas distintas. Embora essa instância específica já esteja no executável, ...


4

Claramente tem erro aí. Você está alocando 10 bytes. Depois permite alguém entrar dados livremente, ou seja, alguém pode digitar algo maior que 10 bytes sem nenhuma restrição, o que já vai corromper a memória e em geral não haverá reclamação dor parte o compilador ou runtime (é possível ligar certas opções que pegam esse tipo de problema), depois por alguma ...


4

A função das chaves é evitar ambiguidade. Como na interpolação é possível usar qualquer expressão válida em código em algumas situações pode ser que o compilador não saiba o que fazer e determinar onde terminou a expressão. É exatamente o que aconteceu com o primeiro caso. Ele entendeu que a expressão era só a palavra seguinte ao $, o resto seria texto, ...


3

A função é interpolar a string, sem necessidade concatenar ou converter dados. Veja esse exemplo: print("O nome é ${widget.nome}"); Sem o ${ precisaria fazer dessa maneira, concatenando com +: print("O nome é " + widget.nome); Agora imagine que tenha uma propriedade "idade" que seja inteiro, ficaria assim: print("A idade é ${widget.idade}"); Veja ...


3

Isso acontece porque todo o conteúdo da frase é invertido, já que o slice [::-1] opera sobre toda a string. Se quer que cada palavra da frase seja invertida individualmente, você precisa separar a frase em palavras, inverter cada palavra e depois juntá-las. Para isso, basta usar o método split para separar a frase em palavras. Assumindo que as palavras ...


0

Utilize o método split para separar cada palavra da string e depois inverta elas. Exemplo: new_string = "" frase = input('Digite uma frase: ') #A função input retorna sempre uma string print(' Você digitou: {}'.format(frase)) for palavra in frase.split(" "): new_string += palavra[::-1]+" " print('A frase que você digitou invertida fica: {}'.format(...


0

De acordo com esta resposta no overflow, efetuar exec() de uma string multilinhas gera complicações na formatação do código, logo é necessário introduzir a função em outra função que previnirá o erro. O código corrigido é: import asyncio from pyppeteer import launch async def main(a): exec(f'async def __ex(): ' + ''.join(f'\n {l}' for l in a....


4

A resposta do usuário nullptbr está quase correta, porém ela vai capturar da primeira ocorrência de ENERGIA ELETRICA CONSUMOaté a última ocorrência do caractere %. Então caso haja mais de uma ocorrência de porcentagem e o arquivo não esteja separado por quebras de linhas, haverão capturas indesejadas. Eu recomendo usar essa regex: (ENERGIA ELETRICA CONSUMO(...


6

Apenas complementando as outras respostas, a melhor opção para o seu caso específico seria de fato a primeira regex da resposta do @Jefferson Quesado: ENERGIA ELETRICA CONSUMO[^%]*% Ela usa uma classe de caracteres negados [^%], que significa "qualquer coisa que não seja o %". Só tem um detalhe, se o texto tiver algo como: ENERGIA ELETRICA CONSUMO% A ...


4

Considerando que o delimitador terminal só pode aparecer uma única vez, e que ele é de apenas um caracter no seu exemplo é o %), fiz um pequeno ajuste na resposta do nullptr para tal fim: ENERGIA ELETRICA CONSUMO[^%]*% Agora, em termos gerais: Para qualquer sequência iniciadora INIT, podendo ela ser repetida na sequência, e um terminador @ de um caracter ...


1

Simples assim: ENERGIA ELETRICA CONSUMO.*% EDIT Removendo o %: ENERGIA ELETRICA CONSUMO.*(?=%) A exclusão dos delimitadores podem ser alcançados através de lookaround Veja funcionando aqui


0

Após verificar que há um método para coletar o hostname (getenv("COMPUTERNAME"), este para windows), realizei alguns testes concatenando o retorno do getenv com a extensão do arquivo e funcionou, segue abaixo o código para criação de arquivo com nome dinâmico. #include <string> void appendKeyLog(Text key, string hostName){ ofstream logfile; ...


2

Não concordo que seja uma questão de comparar qual é melhor e nem necessariamente qual as vantagens de uma sob a outra, sprintf() pode até parecer "mais fácil" ou vantajoso, mas o que define isto é a necessidade, então a vantagem é quando "for necessário", não estou dizendo que vai ter desvantagens em usar deliberadamente, realmente não vai ter "grandes ...


0

Você pode utilizar uma função rmv, que recebe a String str e faz as modificações e faz as modificações na própria variável. #include<stdio.h> void rmv(char *str){ int count=0,i; for(i=0;str[i];i++){ if(str[i]!=' '){ str[count++]=str[i]; } } str[count]=0; } int main(){ char str[]="Lorem ipsum dolor sit ...


0

Verifiquei o binário do banco de dados do projeto e conforme a imagem abaixo pode ser que exista um erro de digitação na hora de ter adicionado os dados de teste e por conta disso o resultado da expressão string == str('Carlos Gimenes' é falso. Na imagem verificamos a existência de 'Carlos GimenesV' com o V no final da string. Conforme o @EltonNunes falou ...


1

Como o próprio enunciado diz, você precisa ignorar tanto os espaços, e as diferenças entre maiúsculas e minusculas, então antes de comparar as strings você poderia normaliza-las: char nome[255], normalizado[255], inversa[255]; int i, j, k, tam, qtd, resultado; // ... gets(nome); // Encontra o tamanho da string de entrada tam = strlen(nome); // Percorre ...


1

A partir do ES6 você pode usar esse template: let soMany = 10; console.log(`This is ${soMany} times easier!`); // "This is 10 times easier! Link da resposta detalhada


4

Note que na sua classe cl você diz que existe uma lista de strings chamada de dados mas você não iniciou ela. Ao criar esta classe, esta lista existe mas é nula até você a instanciar. Antes da sua linha c.dados.Add("teste"); apenas faça: c.dados = new List<string>(); e isto deve resolver seu problema. Outra opção seria criar um construtor para sua ...


4

Você precisa criar uma instância da sua List. Você pode fazer assim: public List<string> dados { get; set; } = new List<string>(); O código acima cria uma instância da List de strings, sendo assim, seu objeto estará acessível, isto é, devidamente instanciado e pronto para uso. E seu problema estará resolvido. Classes em C# não são ...


1

Apenas complementando, a outra resposta não leva em conta um detalhe importante da pergunta: os caracteres } devem estar no final da linha. Ou seja, se tivermos um texto assim: abc } def blablabla xyz } A regex não deve considerar o } da primeira linha, pois ele está não está no final da linha. Mas a solução proposta pela outra resposta considera este caso ...


2

Você poderia criar constantes e usar estas constantes para comparação, como por exemplo: const string NOME1 = "Fulano"; if ("nome" == NOME1) ... Outra opção seria usar o enum como disse e na comparação fazer: if ("nome" == tipoEnum.fulano.ToString()) Uma terceira opção seria converter o string para enum e depois comparar como enum ou em switch. Segue ...


2

A resposta aceita tem algo que funciona, mas não é eficiente tendo diversos laços escondidos que tornam a execução bem lenta, assim faz o mesmo de forma eficiente (isto é um mini parser): #include<stdio.h> void StrlDel(char *s1, char *s2) { int i = 0; int notFound = 1; while (s1[i]) { int j; for (j = 0; s2[j] && s2[...


6

Primeiro, sem o contexto de onde esta declaração está fica complicado dar uma boa resposta. Se ela for global é uma coisa, se for local é outra. Vou considerar que é local, mas se for global não é assim que funciona. A forma como declarou a variável irá ocupar 40 bytes sendo que 39 poderão ser usados para colocar caracteres (strings sempre precisam de 1 ...


3

Apagar, não tem como. Não tem como fazer as variáveis nas posições que você quer, por exemplo na posição 6,7,8 simplesmente deixarem de existir, o que dá para fazer é identificar onde ocorre s2 (neste caso, somente a primeira vez), e copiar s1 até o último caractere antes da primeira ocorrência de s2, depois continuar copiando de s1 a partir do primeiro ...


0

Uma vez declarado char nome[40] irá ser alocado 40 char na memoria no momento da compilação, esse valor não pode ser alterado, porém você pode utilizar um ponteiro para especificar o tamanho do vetor na declaração da variável. char nome[40] = "carlos"; // 40 bytes char *nome2 = "carlos"; // 6 bytes


-1

Da maneira como você fez você está atribuindo à variável nome a variável carlos. Creio que não é o que você deseja. Em C utiliza-se a função strcpy, de <string.h>, para copiar strings. Estude sobre array e ponteiros para entender. Para inicializar uma string você pode utilizar: char nome[40] = "carlos"; A declaração acima reservará uma área de ...


As 50 principais respostas recentes são incluídas