Respostas interessantes marcadas com a tag

32

A diferença entre Stateful e Stateless é que uma vai guardar o estado dos objetos(Stateful) e o outro vai reconhecer cada requisição como uma requisição nova(Stateless). Stateless: nenhum registro de todas as interações anteriores são salvos. cada interação é tratada com base nas informações disponíveis para a interação Exemplo: Protocolos de Internet (...


23

O que é a sessão Em projetos web, uma sessão consiste na utilização de uma aplicação por um usuário, compreendendo geralmente uma sequência de requisições. Por outro lado, o termo sessão também pode se referir ao conteúdo, local ou variável de armazenamento do estado armazenado. Por exemplo, em Java há o mapa de sessão, em PHP a variável superglobal $...


18

Não existe nenhum problema com sessões. O problema pode estar em que inicialmente os dados das sessões são armazenados em arquivos locais, pelo que se pretender ter vários servidores Web para o mesmo site, pode ter problemas da sessão em um servidor não ser enxergada noutro servidor. Mas isso pode ser melhorado substituindo as funções de "session handler" ...


18

Uma sessão é o que identifica o usuário. A função do session_start utiliza um arquivo localizado na pasta temporária, (/tmp/) com o nome de sess_*. O * é o mesmo valor do cookie (PHPSESSID) enviado pelo usuário ou do parâmetro contido no url, o método de enviar sessões por parâmetro não é recomendada Apenas para complementar, as sessões podem NÃO SER ...


17

Para clarificar Qualquer sistema de login implementado em PHP ou seja em que linguagem for que guarda na sessão os dados de login, em particular a password ou a combinação de password + nome de utilizador, é um sistema inseguro. A segurança dos cookies de sessão Os cookies de sessão, $_SESSION, cujos mesmos são gerados e guardados no servidor podem ser ...


14

O que é seguro é fazer certo. É dominar o assunto, conhecer todas as possíveis vulnerabilidades de cada mecanismo. Saber quando e para que pode ser usado. Depende de cada caso. Está usando SSL? Isto faz diferença na segurança. Qual é mais seguro De qualquer forma eu prefiro sessões porque ela não fica armazenada no navegador. O cookie pode ser adulterado, ...


12

Sessões geralmente dependem de cookies, mas os dados são guardados no servidor. Funciona assim: Uma sessão é iniciada no servidor, que envia um cookie ao browser com um ID único daquela sessão. Qualquer dado associado à sessão é armazenado no servidor, associado a esse ID. Em toda requisição, o browser envia de volta o cookie com o ID da sessão, o que ...


12

O erro "headers already sent" significa que já foi enviada informação para o cliente no momento em que a linha é executada. O session_start deve ser chamado no inicio, antes de qualquer HTML, visto que altera headers do HTTP. Em particular: Não pode ter nenhum texto antes do <? com o session_start; Não pode ter nenhum echo, print ou qualquer outra ...


12

Pergunta 1: Minha pergunta principal é, há alguma forma no PHP de trabalhar com sessões sem a necessidade de criação de cookie? Sim, é possível se trabalhar sem alocar o id da sua sessão em um cookie. Porém, devido o HTTP ser stateless (cada requisição ser independente da outra), essa id deve ser repassada de alguma forma, e essa segunda maneira seria via a ...


11

Se você sempre setar o valor de $geral igual a $_GET['slcGeral'] quando a GET vier vazia vai limpar a session... Você deve primeiro checar se a GET esta setada, para então definir a session: session_start(); if (isset($_GET['slcGeral'])) { $geral = $_GET['slcGeral']; $_SESSION['Geral'] = $geral; } else { $geral = $_SESSION['Geral']; } ...


11

Você já respondeu metade da pergunta. Session é um escopo de configurações para um determinado usuário. Application é um escopo de configurações para a aplicação inteira. Falando do C#, normalmente o registro da aplicação fica num fonte chamado Global.asax.cs. Ele faz o registro global de classes, de componentes utilizados e mapeamento primário de aspectos....


10

Me parece que você está buscando algo impossível. Antes de responder à sua pergunta, deixe-me fazer uma outra pergunta semelhante: Quando se registra em um site se cria um nome de usuário e senha. Sabendo-se que para prevenir o roubo da conta é melhor não compartilhar sua senha com outros usuários, então o campo password se torna um ponto de partida para ...


9

Existem algumas maneiras que você pode fazer isso vou citar 2 que venho em mente e são métodos bem simples. API HTML5 LOCAL STORAGE Você pode acessar o objeto localStorage e trabalhar com seus metodos setItem e getItem exemplo: localStorage.setItem("menu","visible"); localStorage.getItem("menu"); Aqui você pode ver alguns exemplos da API e ...


8

O @ não é uma boa pratica, apesar de poder ser usada, o recomendável para fazer verificações de variáveis é o isset. O isset diferente do array_key_exists (que também pode ser usado conforme o exemplo do Ricardo) suporta verificações multidimensionais e também pode-se verificar mais de uma variável ao mesmo tempo, por exemplo: Verificando arrays ...


8

De fato a variável estática não pode ser usada. Você precisa criar um sistema de cache baseado na sessão ou pelo menos manter a informação dentro da mesma sessão. public ActionResult MinhaAction() { Session["relatorioX"] = MontaRelatorio(); ... } public ActionResult OutraAction() { return Json(Session["relatorioX"], JsonRequestBehavior.AllowGet); }...


8

A média de registros retornados é 600, é muito para uma Session? Não. Sessions em teoria não possuem limite de armazenamento. Teria alguma outra forma melhor de se guardar esses dados? Sim, em um servidor de presistência chave-valor, como o Redis. Sessions te limitam a apenas um servidor, enquanto que o Redis pode atendê-lo em um contexto distribuído.


8

Não tem uma questão de ser muito para a sessão. Pode ser muito para a memória que você tem disponível. Se você tiver 600 registros na sessão. É pouco. Se se você tiver 1000 sessões simultâneas, 600 mil pode ser muito. Pode não ser. Eu respondi algo sobre isto. Ali falo que a melhor solução é um sistema de cache. Ele é mais adequado na maioria das situações ...


8

Como Cigano e Maniero disseram, não, não há limites. Porém se seu problema é performance em uma base de dados Oracle, eu tenho uma sugestão: Materialized Views. Uma Materialized View é basicamente um snapshot de uma query cacheada no banco de dados, que pode ser indexada. Este é um exemplo de criação de Materialized View: CREATE MATERIALIZED VIEW ...


8

Falando sobre a API nativa do PHP, os dados da sessão ficam em um arquivo do lado do servidor, que geralmente fica em uma pasta fora, public_html ou www, e isto torna o acesso para o usuário final impossível. No entanto, quem desenvolve o sistema pode sim acabar expondo os dados de alguma maneira, então podemos dizer que depende da maneira que foi ...


7

Um problema adicional nesse Logout, além do que já foi mencionado pelo @PapaCharlie, é que qualquer link de fora para a página de logout complica a experiência do usuário. Do jeito que está, basta um clique acidental no histórico ou um autocompletar errado e o cara fica "escapando" da sessão "deslogando" sem querer. Além disso, algum "concorrente" malicioso ...


7

Como funciona esta opção (em geral) O comportamento pode variar, mas geralmente está associado ao cliente não precisar logar no site toda vez que a sessão expirar ou ele fechar o navegador. Isso é comum em vários sites, evitando que você precisa logar em dezenas de contas de variados serviços (e-mail, redes sociais, etc.) cada vez que ligar o computador ou ...


7

Sessão é cada usuário conectado a uma aplicação web. Os dados da sessão são úteis quando são individuais ao usuário. Por exemplo, cada usuário logado aqui no fórum tem a sua Sessão. Um carrinho de compras em uma loja web é armazenado como dado de Sessão pois é individual ao usuário que está acessando. Quando o navegador/aba é fechado, ou faço logoff esses ...


7

Pelo que entendi, você quer saber se uma outra sessão, que não a do usuário em questão, existe, certo? Se sim: O PHP guarda os dados das sessões em uma pasta temporária no servidor, que você pode descobrir qual é, ou até mesmo definir, usando session_save_path(). Para cada sessão, o PHP cria um arquivo sess_{SESSION_ID} nessa pasta. Você pode pegar a ...


6

Posso estar a interpretar mal mas não percebi bem a questão pois, exceptuando o reenvio das credenciais em cada pedido (request), a unica forma de manter um utilizador autenticado é através de um tipo qualquer de sessão (session). Ainda assim, se se estiver a referir ao session manager nativo do PHP, de facto, a implementação por defeito das sessões em PHP ...


6

Atualização Você pode fazer subgrupos na sessão: $_SESSION['login'] = array( 'email' => 'email@domain.com' , 'senha' => 'userpassword' ); $_SESSION['games'] = array( 'palavra' => 'Helicóptero' , 'letra' => 'a' ); Sua sessão será em 2 grupos: dados do login(email, senha), e dados do jogo(palavra, letra...) [login] => Array('email' => '...


6

Com esta solução você verifica se a chave do array session (ou qualquer outro) existe. if (array_key_exists("login", $_SESSION)) { echo "O Usuario esta logado"; } Com esta solução não será exibido mais notices como o Unexpected Index (é o que a pergunta pede) porem não resolve do Unexpected Index. Para configurar o php.ini para não exibir as ...


6

Pequenos exemplos demonstrando como pode ser feito: COOKIE: O PHP suporta transparentemente cookies HTTP. Cookies é um mecanismo para guardar dados no navegador remoto e permite o ratreamento ou identificação do retorno de usuários. Você pode criar cookies usando a função setcookie() ou setrawcookie(). Os cookies são uma parte do cabeçalho HTTP, logo ...


6

Considero para essa resposta que você quer os valores "selecionados após dar um $_POST no formulário", sendo assim não é necessário manter esses dados na sessão, apenas na página submetida pelo formulário. Não existe uma maneira igual para todos os tipos de campo, então sugiro ter funções para cada tipo, abaixo descrevo exemplos de funções para os tipos ...


6

As variáveis de sessão no PHP são cookies server-side, ou seja, são cookies salvos no servidor. Usuários comuns sem acesso administrativo ao servidor não tem acesso aos arquivos, desde que estejam num diretório privado e, por padrão, o PHP salva os cookies num diretório privado. Contudo, é preciso ter cuidado onde os cookies são salvos no servidor pois o ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam