Use Stack Overflow for Teams no trabalho para encontrar respostas num ambiente privado e seguro. Os primeiros 10 usuários são grátis. Registre-se

Novas respostas marcadas com a tag

3

Em R base, pode fazer o que a pergunta pede com a função ave. É preciso notar que a saída de ave é da mesma classe que o primeiro argumento, portanto deve-se passar a coluna date como um vetor numérico. dados$date <- as.Date(dados$date, "%m/%d/%y") dados$ordem2 <- ave(as.numeric(dados$date), dados$id, FUN = order) dados # id date ordem ...


1

Vou supor que os dataframes têm nomes com algo em comum, neste caso: Começam com "analise"; Terminam em números. Então uma combinação de ls/mget pode automatizar a criação de uma lista a ser passada a Reduce. df_names <- ls(pattern = "^analise\\d+$") df_list <- mget(df_names) Reduce(rbind, df_list) X Y A #1 -1.20706575 0....


0

Uma solução R base, utilizando o exemplo da resposta do Marcus Nunes, mas com set.seed e com o nome do dataframe mudado. set.seed(1234) df1 <- data.frame( empresas = sample(c("GLO", "AZU"), 10, replace = TRUE) ) model.matrix(~ 0 + empresas, df1) # empresasAZU empresasGLO #1 1 0 #2 1 0 #3 1 0 ...


1

O pacote onehot faz isso automaticamente: library(onehot) empresas <- data.frame( empresas = sample(c("GLO", "AZU"), 10, replace = TRUE) ) empresas ## empresas ## 1 AZU ## 2 AZU ## 3 GLO ## 4 GLO ## 5 AZU ## 6 AZU ## 7 GLO ## 8 AZU ## 9 AZU ## 10 AZU dummy <- predict(onehot(empresas), ...


1

Aqui estão três maneiras de fazer o que a pergunta pede, duas em R base e uma com o pacote dplyr. 1. aggregate. aggregate(Peso ~ Animal, dados, FUN = function(x) x[which.min(abs(x - 120))]) # Animal Peso #1 Animal1 128 #2 Animal2 113 2. tapply. p <- with(dados, tapply(Peso, Animal, function(x) x[which.min(abs(x - 120))])) dados[dados$Peso %in% p &...


1

No help da função sciplot::lineplot.CI, vemos o seguinte argumento: err.width = if(length(levels(as.factor(x.factor))) > 10) 0 else 0.1 Ou seja, se o número de níveis no eixo x for maior do que 10, a largura da barra de erro será 0. Caso contrário, será 0.1. Portanto, como length(levels(as.factor(dados$Dias))) é 11, e 11 > 10, temos que por padrão a ...


0

Você pode adicionar valores em quaisquer posições diretamente, não é necessário criar um objeto só para isso: df <- data.frame(x = 1:15, y = 1:15) df[nrow(df)+1, "x"] <- 4 > tail(df) x y 11 11 11 12 12 12 13 13 13 14 14 14 15 15 15 16 4 NA Se a posição já existir, o valor é substituído. Se não, o data.frame é ...


2

Crie o data frame z com as observações desejadas, atentando para que os nomes de suas colunas condigam com os nomes das colunas de df: x <- c(1:15) y <- c(1:15) df <- data.frame(x,y) names(df) # [1] "x" "y" z <- data.frame(x = 4, y = NA) df <- rbind(df, z) df # x y # 1 1 1 # 2 2 2 # 3 3 3 # 4 4 4 # 5 5 5 # 6 6 6 # 7 ...


1

Esta é uma alternativa e não uma resposta. O ggplot tem por filosofia não implementar recursos que levam à visualizações ruins. É o caso de dois eixos Y para dados do mesmo tipo: é muito fácil se confundir na leitura dos dados. Uma opção é ter gráficos individuais empilhados. Pode usar facet_wrap para isso, mas aqui está uma solução usando ggpubr::...


1

Para mim o que funcionou foi usar o RJDBC. O arranjo que estou propondo usa dois arquivos na pasta. Um com o jar do driver e outro arquivo de textos para esconder as credenciais de acesso do código-fonte. O primeiro arquivo pode ser baixado aqui. Digamos que o segundo arquivo se chamasse config.oracle. Seu conteúdo é similar a esse: jdbc:oracle:thin:@//{...


2

Para anotar os eixos com os valores dos dados pode-se usar uma de scale_?_discrete dados inteiros ou "factor"; scale_?_continuous dados numéricos contínuos. Mas é preciso ter atenção aos valores de breaks e labels que estas funções não herdam aes(). library(ggplot2) ggplot(dados1, aes(x = Ano, y = PIB)) + geom_line(size = 1) + scale_x_continuous(...


1

O pacote ggfortify adiciona ao ggplot a capacidade de reconhecer objetos da classe ts, entre outras. A detecção da escala pelo ggplot costuma ser boa (no caso, irá exibir meses e anos automaticamente), mas você pode usar scale_date para personalizar. library(ggplot2) library(ggfortify) autoplot(PREVISAO_VL_TR) + scale_x_date(date_labels = "%B/%Y", ...


5

Você pode usar o pacote humanize: Numero = 80000000000 humanize::count_as_word(Numero) # [1] "80.0 billion"


0

Quanto à primeira pergunta, basta transformar Trimestre em vetor de classe "factor" com os níveis (levels) na ordem pretendida. Quanto à segunta pergunta, a função percent tem um argumento accuracy que substitui o anterior digits. Este argumento deve ser 0.1 para arredondar os números para uma só casa decimal. library(ggplot2) library(scales) dados$...


1

Use o geom_text para inserir o texto e a função percent do pacote scales para fazer a transformação. library(ggplot2) library(scales) SP=data.frame( Setores=c("Extrativa mineral", "Indústria de transformação", "Serviços Industr de Utilidade Pública", "Construção Civil","Comércio", "Serviços","Adm. Pública", "Agro., extr. vegetal, caça e pesca"), ...


3

Basta colocar o argumento show.legend = FALSE dentro da função geom_label: ggplot(data=CS, aes(x=Situação, y=Quantidade, fill=Setores)) + geom_bar(aes(fill = Setores), stat="identity", position="dodge") + geom_label(aes(label =round(Quantidade,0), group = Setores), colour = "black", position = position_dodge(width=1), show....


1

Os dados não estão na ordem correta e estão incompletos, na pergunta só estão 9 linhas quando são necessárias 12, tantas quantos os pontos da figura. Incluo os dados corrigidos no fim. Aqui vão duas maneiras de desenhar a cruz. A primeira só com R base. plot(0, type = "n", xlim = range(dados$x), ylim = range(dados$y)) segments(x0 = dados$x, y0 = dados$y, ...


1

Para corrigir o erro dos dados da pergunta, usei a função rep para criar o vetor enem. A variável curso foi definida como sendo categórica ou "factor" para manter a ordem das barras do gráfico em baixo. curso <- c("Eng Aeroespacial", "Eng Ambiental", "Eng de Controle e Automação", "Eng de Minas", "Eng de Produção", "Eng ...


3

Pode usar tryCatch para apanhar os erros de execução do código e depois agir de acordo com o resultado. Criei ainda uma função auxiliar, is.error, para testar a saída de splinefun. is.error <- function(x) inherits(x, "error") interpolar <- function(x, y){ f <- tryCatch(splinefun(x, y, method = "hyman", ties=mean), error = ...


1

Você pode usar o pacote readxl, que resolve o problema automaticamente: > library(readxl) > read_xlsx("Drogas.xlsx") # A tibble: 3 x 1 Drogas <chr> 1 Antipsicótico 2 Benzodiazepínico 3 Antidepressivo Tricíclico Eu particularmente prefiro o readxl para ler arquivos do excel em R.


1

Use a função inner_join do pacote dplyr: df1 <- data.frame(nome = c("Ana", "Bernardo", "Carlos"), telefone = c("123", "456", "789"), altura = c(1.70, 1.75, 1.80)) ## nome telefone altura ## 1 Ana 123 1.70 ## 2 Bernardo 456 1.75 ## 3 Carlos 789 1.80 df2 <- data.frame(nome = c("...


2

Use a função pca3d do pacote de mesmo nome: library(pca3d) irisPCA <- prcomp(iris[, -5], center = TRUE, scale. = TRUE) pca3d(irisPCA, group = iris$Species)


2

Vou mostar aqui duas opções por meio de um exemplo. O exemplo será um data frame com duas colunas. Para cada linha da coluna, vou criar um Rmd que vai fazer a soma das duas colunas. Opção 1: um script R e um script Rmd Você terá um script R principal que fará as análises e vai chamar o escript Rmd em um loop. O script Rmd terá então as diferentes variáveis ...


0

Adiciona wrap = FALSE a animação do ggplot. Por exemplo transition_states(gear, transition_length = 2, state_length = 1,wrap = FALSE)


0

Acho que esse link resolve seu problema https://www.r-bloggers.com/anova-and-tukeys-test-on-r/


2

Uma maneira de substituir as vírgulas decimais por pontos é com as.numeric/sub. Como o dataframe da pergunta não está muito claro, não tenho a certeza se a primeira coluna é mesmo uma coluna ou se são os row.names, vou primeiro determinar em que colunas há vírgulas. Essas colunas terão um valorTRUE no vetor cols. cols <- sapply(dados, function(x) any(...


0

Tentar algo assim: library(xml2) library(magrittr) library(jsonlite) url <- "http://site/api/transparencia.asmx/json_frota_veiculos?fbclid=IwAR3YRmwhEGVcePgavCUDwsCmeb_Z4ddgIwTH8Lp5Gv5elTy6fXRixkHFHeE" page <- read_xml(url) %>% xml_text() %>% fromJSON()


As 50 principais respostas recentes são incluídas