Novas respostas marcadas com a tag

0

O "@" como prefixo de uma expressão que está uma linha acima de uma declaração de função ou de classe é um "decorador" (decorator em inglês) . O que são e o funcionamento de decoradores está explicado na pergunta que foi marcada como sugestão de que esta seria uma duplicata: Como funcionam decoradores em Python? @ como decorador: @modificar_funcao def ...


1

Apresento abaixo minha solução. É uma implementação particular de um princípio mais geral que pode ser utilizado para implementar uma solução mais simples. O princípio é: crie listas com os valores de cada coluna separadamente e então use o dataframe constructor do pandas (pd.DataFrame) para criar o novo dataframe. Segue: import pandas as pd def reshape(...


1

O jeito mais fácil é usar um Counter, classe da biblioteca padrão collections. Ele aje como um dicionário e pode ser inicializado com uma lista, ou, nesse caso, uma expressão geradora: from collections import Counter # especie,nome listaAnimais = [ ('leao', 'Simba'), ('javali', 'Pumba'), ('leao', 'Scar'), ('hiena', 'Banzai'), ('leao', ...


2

Você não precisa usar a lista inteira dentro do for loop já que você só precisa do primeiro elemento das tuplas. Um solução seria criar uma sub-lista a partir da primeira e só então fazer a iteração. Veja: listaAnimais=[('leao', 'Simba'), ('javali', 'Pumba'), ('leao', 'Scar'), ('hiena', 'Banzai'), ('leao', 'Mufasa')] #especie,nome lista_especies = [t[0] for ...


0

with open('Pedentes.csv') as pendente: arq1 = pendente.readlines() with open('Cancelados.csv') as cancelamentos: arq2 = cancelamentos.readlines() with open('resultado.csv', 'w') as res: for i in arq1: for y in arq2: if arq1 in arq2: r = res.write(arq1 + '\n') ...


1

Por padrão, os serializadores aninhados são somente leitura. Se você deseja oferecer suporte a operações de gravação em um campo serializador aninhado, precisará criar create() e / ou update() métodos para especificar explicitamente como os relacionamentos filhos devem ser salvos. exemplo: class TrackSerializer(serializers.ModelSerializer): class ...


-3

A função utiliza um operador ternário para calcular o MDC de dois números def mdc(a,b): return b if (a == 0) else mdc(b % a, a)


-2

def mdc(a,b): return b if (a == 0) else mdc(b % a, a)


0

Você deve usar o método seek para mover o cursor para a primeira posição antes de executar o read. filename = input('Informe o nome do arquivo: ') filename += '.txt' arquivo = open(filename,'w+') arquivo.write(input('O que deseja escrever?: ')) # Voltar para a posição inicial arquivo.seek(0) # O método read() retorna o conteúdo do arquivo conteudo = ...


0

Bash script funciona em um interpretador Bash. Em resumo, tu teria que criar um interpretador shell do zero usando Python e fornecer o suporte à Django na aplicação... Opinião pessoal: usa direto o Python e seus recursos. Ele consegue abrir as mais diversas aplicações pelo terminal, você só precisa importar manualmente cada um dos arquivos.


0

Esta solução utiliza operador ternário. from bs4 import BeautifulSoup, Comment soup = BeautifulSoup(html, 'html.parser') [x.parent.decompose() for x in soup.find_all(text=lambda x: isinstance(x, Comment))]


1

Estou atrasado em uns dois anos, mas na minha solução, como o enunciado pedia acerca de números maiores que zero, fiz a implementação de um if casual que dá acesso a todo o while em questão, caso contrário, ele só exibe uma mensagem dizendo que o número é inválido. numero = int(input('numero: ')) if numero > 0: soma = 0 while numero !...


2

Uma forma 100% garantida de fazer isso não existe. No entanto, dá para criar a coisa de forma que sem fazer uma engenharia reversa do seu código a pessoa não tenha como usar - e se fizer, vai saber que está violando o contrato de cessão do software e sujeito a ser acionado na justiça. O mais tranquilo, se você vai optar por esse modelo de negócio, seria ...


1

Eu não sou um especialista em criar funções recursivas mas eu dei o meu melhor para conseguir responder sua questão. É possível fazer à mão uma função como o walk através de recursividade só que ainda assim eu precisei utilizar algumas funções do módulo os para completar essa tarefa. Abaixo está a função search() que verifica todas as pastas e sub-pastas ...


0

Consegui resolver o meu problema utilizando o código abaixo: for i in df.index: df["maxx"] = df.max(axis = 1) df["minn"] = df.min(axis = 1)


1

Uma forma é criando campos ocultos (type="hidden") dentro do último form (o form que sofrerá o submit). Cada campo input terá um name correspondente a cada opção dos botões clicados nas abas anteriores: <input type="hidden" name="method"> <input type="hidden" name="acquirer"> <input type="hidden" name="mode"> Feito isso, adicione uma ...


1

Você tem que editar sua view para receber estes valores, no flask eu sei que tem o request.form.ge["nome do campo"] no django nome_do_campo = request.POST.get('nome_do_campo') Obs.: tem que ver caso o form seja POST , mas pode ser request.GET.get('nome_do_campo')


1

Boa tarde. Cachorro_Louco, infelizmente eu acho que não tem como fazer uma única coisa mágica que vai te impedir de replicar a "condição" nesses 50 ou 100 métodos. Use property e faz o if nos métodos que achas necessário. class Tv(object): def __init__(self, ligado = False, volume = 0): self._ligado = ligado self._volume = volume ...


0

Não retorna nenhum erro? tenta mudar:WAVE_OUTPUT_FILENAME = "tmp.wav" para WAVE_OUTPUT_FILENAME = "tmp.wave"


0

Assim como o @jsbueno indicou, a sintaxe do programa esta errada. O python define seus blocos de código com a identação, se quiser lembrar de uma maneira facil é só pensar que a cada : que você usa, a linha de baixo tem de ter dois espaços a mais, e quando você quer sair desse escopo é só tirar dois espaços. Ex a = 1 if a == 1: #aqui abrimos um escopo (...


0

Eu acredito que muita coisa pode ser refatorada baseado no trecho de codigo que você forneceu, mas para a sua em especifico eu: criaria um dicionario codigo:regex iteraria na lista list_nome_serial_valor em cada iteração eu iteraria no dicionario usando items() executaria o re.search com o valor do items() e o nome caso o retorno for diferente de None (...


0

Eu tentaria mover o código que há em comum em todas as ramificações do if para fora dele (seja antes ou depois). Colocar todos esses ifs em uma função a parte também ajuda. def criar_setor(lista): if "SAME" in lista: return Setores("48", "SAME") if "PORTARIA CENTRAL" in lista or "RECEPCAO MULTIPROFISSIONAL" in lista: return Setores("40", "...


1

Esse é um bom caso onde utilizamos as exceções. Exceções são quando algo imprevisto acontece, elas são provenientes de erros de lógica ou acesso a recursos não disponíveis. Sempre que uma exceção ocorre, a pilha de execução do programa é interrompida até que algum tratamento seja feito, senão o próprio programa é interrompido lançando a exceção no console. ...


-4

impressoras = [] setores = [] impressoras_utilizadas = [] setores_servidos = [] while True: a = raw_input('quer cadstrar alguma impressora? S/N').upper() if a == 'S': IMP = raw_input('Digite o nome da impressora:') impressoras.append(IMP) elif a == 'N': break else: a = raw_input('quer cadstrar ...


1

Não entendi direito, mas acho que você quer impedir o acesso direto aos atributos da classe. Se for esse o caso terá de nomear os atributos com dunderscore ou underline duas vezes antes do nome da variável, exemplo:self.volume = volume para self.__volume = volume. Espero ter ajudado.


0

Primeiro de tudo, você deve saber se há padrão na sua string. Sua string sempre será nesse mesmo formatado que você mostrou ? Se sim, podemos separar então cada linha da sua string através do método split passando como divisor o caractere \n para obter cada "campo", dessa forma: info = """STATS info League: Copa São Paulo Corinthians(*) x Palmeiras Attack: (...


2

Uma vez treinado seu modelo, é possível salvá-lo com o módulo pickle. Para salvar um modelo já treinado, basta fazer: import pickle filename = 'modelo_final.pkl' with open(filename, 'wb') as file: pickle.dump(modelo, file) Depois, para carregar: import pickle filename = 'modelo_final.pkl' with open(filename, 'rb') as file: modelo_carregado =...


3

A ordem da annotation (a marcação de tipo) e os valores default é ao contrário do que você está tentando fazer: primeiro o nome do parâmetro, o sinal de :, a anotação, e aí sim o sinal de = seguido do valor padrão: def count_elements(lista_a: list, lista_b: list = [1,2,3])->int: result = len(lista_a)+len(lista_b) return result Esse código tem um ...


-2

Você pode criar um arquivo usando arquivo = open('arquivodeconfig.cfg', 'r') #assim você pode usar arquivo.read() para aparecer o que está no arquivo print(arquivo.read()) arquivo = open('arquivodeconfig.cfg', 'w') #ao abrir o arquivo no modo w(Write) ele formata o arquivo input = input('') arquivo.write(input) #assim ele escreve um input no arquivo Você ...


1

Você possui o Curses instalado? Para instalar vá para o CMD(Windows) ou terminal(Linux) e escreva pip3 install curses ou pip install curses e caso seu arquivo do código se chame curses.py mude o nome dele e teste. Espero ter ajudado


-1

Olá, o nome do seu arquivo é pygame.py? Se for mude o nome dele, o Python detecta como se você estivesse importando o arquivo pygame.py.


1

Primeiro de tudo, os valores salvos na lista rhos serão variáveis do tipo ponto flutuante, não strings(textos), portanto não é necessário limitar a quantidade de virgulas, fazer isso ainda provocaria perda na precisão dos seus cálculos. No momento de apresentar esses dados ao usuário é que devemos limitar as virgulas, para tal, deve-se usar a formatação de ...


-2

def Verificar_tipo(num): try: num / 2 except TypeError: print("Não é um numero") return exit() else: exit() Verificar_tipo('Número')


1

Você está tentando usar a biblioteca da forma errada - a chamada search não é uma função da biblioteca googlesearch, e sim, um método da classe GoogleSearch. Esta classe sim, pode ser importada da biblioteca. Isso é facilmente observável no exemplo curto de uso na página de download da biblioteca (https://pypi.org/project/google-search/): from ...


0

Você pode inserir linha por linha, bastando usar um for: with open("arquivo.json", encoding="utf-8") as arq: for linha in arq: cursor.execute("INSERT INTO tabela (coluna) VALUES (%s)", (linha,)) Repare na virgula em (linha,), essa virgula é muito importante pois cria uma tupla de um único elemento, que é o que o execute pede. Caso prefira usar o ...


0

Bom, provavelmente você tem mais de uma versão do python instalado e acabou instalando o pyinput em uma versão diferente da que você está usando. Essa confusão é comum quando o path default do pip refere-se a uma versão diferente do path do python. Para verificar se esse é o caso, abra o terminal (Ctrl+Alt+T), e digite o seguinte comando para listar as ...


0

Você precisa usar a função yield para o codigo só continuar quando a animação terminar para que não haja saltos, você pode encontrar na documentação da godot. seu code ficaria assim def get_attack_input(): if Input.is_action_pressed("ui_accept") and not charging_bow and can_shoot | attack and not charging_bow and can_shoot: charging_bow = true ...


3

Em Python, as chamadas variáveis globais não são verdadeiramente "globais" - felizmente. Isso as torna gerenciáveis. O modelo que você está tentando fazer não é o melhor - mas faça assim, ganhe alguma experiência e com o tempo vai achar jeitos mais consistentes. Então - quando uma variável é declarada como global dentro de um módulo, ela se torna uma ...


0

Importante lembrar que em python as string são imutáveis com isso se passar um tipo imutável em um método não será passado sua referencia, consequentemente não será possível alterar. Porém se fizer isso com um objeto mutável, como uma lista, por exemplo. Será feita a passagem de referencia através do método e sendo assim será possível alterar o objeto. ...


1

Primeiro de tudo, você deve saber que a variável Resposta e a variável X na sua função são diferentes. Primeiro porque a nomenclatura é diferente, então se você quiser alterar a variável Resposta, você deveria ter dentro da sua função uma variável com o mesmo nome. Exemplo: def Pergunta(Y): Resposta = input(Y) Note duas coisas nesse exemplo acima. A ...


1

Isso de sair de loops aninhados realmente é um problema de programação que dura gerações. O comando break, como você deve saber, sai de um único for ou while, e tem que estar diretamente dentro desse for ou while- não poderia estar dentro de uma função chamada para esse fim. Então, se o break fosse a única coisa existente, a única forma de resolver seria ...


6

TDD não é isto TDD não é o que você parece acreditar ser. Ela é uma metodologia de desenvolvimento usada para entender melhor o problema e especificar formalmente como o código deve resultar. Acontece mais ou menos como OOP, as pessoas acham que é um mecanismo, mas é uma técnica para construir um sistema melhor. O objetivo de OOP não é construir objetos ...


0

Não entendi o que você quer fazer realmente, pois pelo que vi vc fez uma função que simplesmente ela não sai do loop... mas vou tentar resolver veja abaixo se é isso que você quer, eu tirei estas condicionais que deixavam o loop infinito, pois para continuar o programa basta satisfazer a pergunta com y, mas fica claro que com o exit() o programa sai por ...


0

É só você fazer o download do git, ter uma conta no Github, e ir nas configurações do git no pycharm e adcionar o caminho até o git.exe pronto!


1

Além da abordagem com intercept_, é possível fazer da forma que escreveu. Porém, vou levantar alguns pontos incorretos no seu código. Em lm.fit, é preciso ajustar o formato do x_train. Então, a maneira correta ficaria lm.fit(x_train.values.reshape(-1,1), y_train) Além disso, também é preciso ajustar o formato do input em lm.predict. predictions = lm....


1

Vamos lá, primeiro instale o Numpy via pip um pip install numpy deve resolver a questão... Vamos precisar dele pra fazer o decode de forma rápida, neste código também uso ele pra converter listas em vetores, também uso a função clip que funciona como um limiter no áudio, quando vc mixa algo vc apenas soma os vetores, ao fazer isso inevitavelmente vc irá ...


9

Existe uma implementação de Python 2 chamada "Jython" - ela permite que você execute código Python dentro do ambiente da JVM, importando e instanciando classes em Java normalmente. Isso é o que normalmente se entende por "programar Python e Java junto". Agora, há a abordagem sistemas distribuídos - em que sistemas independentes compartilham dados e eventos ...


2

O regressor LinearRegression() do sklearn tem o atributo intercept_, que retorna o y onde o regressor intercepta o eixo Y, ou seja, em x = 0. Inclusive, no exemplo da documentação do sklearn.linear_model.LinearRegression é utilizado este atributo. No seu exemplo, como o regressor chama lm, basta fazer: lm.intercept_


4

Eu rodei o teu código e eu vou te dizer o que esta acontecendo com ele. Primeiro vamos a mensagem de erro Traceback (most recent call last): File "C:\Users\Lucas\Downloads\teste.py", line 28, in <module> game(method1(), method2()) File "C:\Users\Lucas\Downloads\teste.py", line 8, in game init() TypeError: 'NoneType' object is not callable ...


0

ValueError: empty separator Ao inves de .split(""), faça .split(" ") So lembrando que o input retorna uma string, ou seja, se quiser usar como operandos tera que transformar para inteiro ou float. E tambem neste tipo de entrada a validação tem que ser feita, pois o usuario pode por 3 espaços entre cada numero, ai vai da merda...


As 50 principais respostas recentes são incluídas