Respostas interessantes marcadas com a tag

4

Eu sei que o objeto é x, mas ele é a instância? Se sim, é a instância de qual classe? Profissao ou Ferreiro? Eu não diria que x é o objeto, diria que x é uma referência para o objeto. O objeto é a região da memória que foi alocada pela chamada new Ferreiro(), logo uma instância da classe Ferreiro. E como um objeto do tipo Profissao pode receber atributos ...


2

O quick.db usa SQLite. Se voce abstrair razoavelmente a sua camada de DB, sim, quando vc precisar de mais escala, ficaria menos invasivo. Agora, sobre voce criar o seu proprio Model, dai fica arriscado. Vc vai ter que dedicar muito tempo implementando o seu proprio. Experimente o Prisma, ele da suporte pro SQLite e tem uma boa e moderna solucao de models.


2

Amigo, sei que já se passaram anos, mas outras pessoas podem ter a mesma dúvida. A resposta do nosso amigo Zignd é a melhor, mais correta, mas difícil de entender. Sua definição de static está errado. Mas porque você acha isso? Motivo: em C uma FUNÇÃO static é visível apenas ao seu arquivo de origem. Em Java um método static quer dizer outra coisa. Em Java,...


1

Pense assim: quando você cria um objeto, como essa lista, você recebe de volta uma referência a ele, que permite acessá-lo e manipulá-lo. No seu exemplo, a variável itens é quem guarda referência da lista recém-criada. Essa variável foi criada em determinado escopo, e sempre será acessível a partir desse escopo – como o seu exemplo mostra. Ao criar a ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam