Respostas interessantes marcadas com a tag

70

Assim disse o Mestre Programador: Mesmo que o programa tenha apenas três linhas, algum dia alguém haverá de dar manutenção. Diz a lenda que em uma longínqua província havia um monastério onde o Mestre Programador compartilhava seus ensinamentos. Um de seus diálogos foi a respeito de NULL. 'Mestre', perguntou o analista júnior da corte de Wu, 'O que ...


50

A pergunta foi editada quando já existia várias respostas, inclusive esta que era a mais adequada ao escopo inicial dela. Ela ainda é válida, mas preciso colocar isto para os que não entendem porque estou falando de Java e C++ null em Java, ou NULL (em C e C++ no estilo antigo) ou nullptr (C++ moderno) é a indeterminação de um valor. No contexto da pergunta ...


39

Um pouco de história A discussão sobre o uso de null é discutido por desenvolvedores de diversas plataformas. Já ouvi muito isso em Java também. Certa ocasião, conversando com um colega após um NullPointerException ter estourado em produção, ele estava argumentando que null não deveria existir, que alguém, não sei onde, estava tentando remover o null do ...


32

Diferença semântica Como já apontado nas respostas do Calebe Oliveira e do Alexandre Marcondes, existe uma diferença semântica entre null e undefined: o valor null é utilizado para indicar a ausência de um objeto, enquanto undefined indica a ausência de um valor qualquer. A especificação explicita isso quando define os valores undefined e null: valor ...


31

Null não é uma string concreta, é valor nulo. Sendo assim o SQL não irá retornar valor, pois você perguntou: Retorna todos os registros que contenham valor DIFERENTE de N em minha tabela Sendo assim o SQL SERVER irá retornar os registros que contenham valores verdadeiros no campo texto que sejam diferente de valor N, como por exemplo: true, false, 0, -1 ...


28

É o envio de um byte nulo (0) como um texto que mais tarde será usando em alguma parte da aplicação que provavelmente dará acesso a algum recurso que não deveria ser acessado. Como é comum strings serem tratadas com uma sequência de caracteres terminadas com um nulo, isto faria que operações de segurança que adicionam um texto protetor na string recebida ...


24

Null não é um valor. Como dito no comentário do @rray, null é ausência de valor. Seu select está trazendo todos os campos que não sejam nulos e que sejam diferentes de N. Para incluir os nulos na sua consulta você precisa deixar isso explícito: SELECT * FROM TABELA WHERE TEXTO <> 'N' OR TEXTO IS NULL Para verificar se um campo é nulo em SQL você ...


24

NULL é NULL, ele não se compara (em condições normais) com outras coisas. Sua seleção está pegando todos os dados não nulos que sejam diferentes de N. Para incluir os nulos a consulta deve dizer isto explicitamente. select * from Exemplo where texto <> 'N' or texto is null Veja funcionando no SQLFiddle. Também coloquei no GitHub para referência ...


19

Você tem razão, não faz muito sentido. Sobre cada um dos pontos que levantou: A função é chamada sem argumentos, tornando data uma variável não declarada (e resultando em erro ao avaliar data != null). Na verdade não existe esse cenário. data está sempre declarada dentro da função, pois é um argumento nomeado. Se você chamar a função sem passar nada, ela ...


15

Você não pode utilizar operadores de comparação aritméticos para validar o NULL pois eles sempre retornarão NULL. Para verificar um valor NULL utilize aos operadores IS NULL e IS NOT NULL. Um exemplo: mysql> SELECT 1 = NULL, 1 <> NULL, 1 < NULL, 1 > NULL; +----------+-----------+----------+----------+ | 1 = NULL | 1 <> NULL | 1 < ...


15

null é ausência de valor, precisa usar IS NULL para saber se a coluna possui ou não valor. São 3 valores, algo, vazio e ausência de valor(null).


15

Todos os 3 são literais constantes que valem 0, isso está correto. 0 0 é um valor numérico e pode ser usado sempre que precisa do número zero mesmo. Em alguns lugares ele acaba sendo usado para outras coisas. Onde se espera um resultado booleano o 0 é considerado falso, enquanto qualquer outro valor é considerado verdadeiro. \0 Esse é o caractere nulo. ...


13

A principal diferença é que undefined é a ausência de algo na variável. Ele indica que uma variável nunca foi definida ou que alguém atribuiu undefined para limpar uma variável. Se você usar o typeof verá que o objeto indica ser do tipo "undefined". var a; console.log(typeof a); //resultado> "undefined" console.log(typeof a === "...


13

Nenhuma diferença, o compilador inicializa os atributos de classe com null por padrão. No caso de tipos primitivos, inicializa com o valor padrão (false para boolean e 0 para double, long, int...)


12

Teoria É preciso ter muito cuidado ao utilizar NULL pois ele opera segundo a lógica ternária. Ou seja, estritamente falando, a semântica do NULL não é "ausência de valor", e sim "valor desconhecido". Veja algumas tabelas da verdade para a lógica ternária: A | não A -------------+-------------- Verdadeiro | Falso Falso | Verdadeiro ...


12

De acordo com a documentação do ECMAScript, o valor undefined é utilizado quando uma variável não possui um valor. Já o null é utilizado quando se quer intencionalmente dizer que há uma ausência de qualquer valor de objeto para aquela variável. Um exemplo prático é a chamada dos métodos ou variáveis como getElementById, childNodes[n], parentNode, etc., e ...


11

Não a título de resposta completa, mas sim de contribuição com o assunto: Um possível uso do Null é diferenciar valores em que numérico zero e string vazia tenham significados diferentes de campos com informação faltando. Um exemplo simplificado, só para esclarecer: Você tem uma aplicação de cadastro, e um dos campos é o fiador do contrato. Na sua UI você ...


11

No site do Macoratti, ele define NULL da seguinte forma: Null Um valor que indica dados ausentes ou desconhecidos em um campo. Você pode usar valores Null em expressões. Valores Null podem ser inseridos em campos dos quais informações são desconhecidas, assim como em expressões e consultas. Na minha concepção ele é um tipo de dados que não é vazio e ...


11

A segunda não será chamada. Isso chama-se short circuit evaluation (em português). Quando a expressão já obtém um valor final garantindo, não tem porque continuar verificando o resto e a execução encerra. No caso como o operador relacional é um "AND" e os dois operando precisam ser verdadeiros para resultar em true, se o primeiro já for false já se sabe que ...


11

A string vazia é um texto que possui zero caracteres, mas é um texto. O nulo é a indeterminação de valor. Nem um texto tem ali. Alguns acham que é ausência de valor, mas um nulo é um valor. E portanto não é nada também. Sabe quando tem uma pesquisa onde tem as opções "sim", "não" e "não quero responder". O nulo é mais um "não quero responder". Ainda que ...


10

A resposta é não, não tem efeito algum na performance. Se a ideia é libertar memória, também não terá consequência, ela só será libertada quando o GC determinar que é a melhor altura para isso. Tentar forçar a libertação de memória pode até provocar perdas de performance.


10

Não gosto muto desta solução, mas pode capturar a exceção que será gerada por causa do erro: var a = {}; try { console.log(a.b.c); } catch (e) { console.log("indefinido"); } Coloquei no GitHub para referência futura. Se quiser só simplificar sem eliminar a verificação individual pode se valer do short-circuit, se for só aninhamento ...


10

É o "igual" que trata do nulos sem causar problemas. Então o nulo é tratado como um valor normal mas diferente de todos os outros. O comportamento normal é que uma operação que envolver um valor NULL sempre resulte em NULL Ele muda isto. mysql> SELECT 1 <=> 1, NULL <=> NULL, 1 <=> NULL; -> 1, 1, 0 mysql> SELECT 1 = 1, NULL ...


10

Veja na própria documentação. Isto é um nulo: $valor = null; Isto é uma string vazia, nada de nulo: $valor = ""; Assim compara nulo, só que uma string vazia é considerada nula também, é um completo non-sense, mas o PHP é assim: if($valor == null){} Isto verifica se é uma string vazia: if($valor == "") {} Costuma-se considerar uma forma melhor de ...


10

Java possui tipos por valor como é o caso de float. Este tipos não podem ser nulos. Mas Java criou tipos por referência, ou seja, tipos criados como classes, equivalentes aos tipos primitivos. Então existe o tipo Float. Ele é essencialmente igual ao float, mas é um objeto isolado. Ele é bem menos eficiente em todos os sentidos, mas possui um valor nulo ...


10

Vamos por partes: O ?. é para evitar comparações do tipo obj != null ? obj.prop : null, ou seja, ele verificará se o que tem antes da interrogação é diferente de null, por exemplo: //Se qualquer obj for nulo, ele retornará nulo, caso contrário retornará prop return obj?.objFilho?.objNeto?.prop; //Equivalente a if(obj != null && obj.objFilho != ...


9

Queria fazer uma adenda á resposta do @Maniero. O Standard C nao obriga que NULL seja definido com os bits todos a 0. §7.20.3.2 ... 2 The calloc function allocates space for an array of nmemb objects, each of whose size is size. The space is initialized to all bits zero.255) ... 255) Note that this need not be the same as the ...


9

O nome deste recurso é null propagation e isso não existe no JavaScript. Você pode usar o lodash pra fazer algo similar. Ele tem uma função chamada get, que recebe como parâmetro o objeto, as propriedades que você quer acessar e o valor default para o retorno, caso não seja possível encontrar as propriedades especificadas. // Exemplo onde a propriedade ...


9

Um tipo por valor sempre terá atribuído um valor. Declarou a variável e ela entrou no escopo tem um valor. Se o código não definir nenhum será a adotado o valor padrão que é 0. Se precisa definir se uma variável tinha um valor e depois passou ou não ter outro tem que controlar isto separadamente em outra variável ou dizendo se teve alteração de valor ou ...


8

Eu geralmente utilizo NULL em uma coluna, quando preciso utilizar uma FK em em algumas situações, e em outras, não. Exemplo: Tenho uma tabela chamada evento, que registra eventos ocorridos no sistema. Certos registros de evento são relacionados com um registro da tabela tarefa, através de uma chave estrangeira que guarda o ID do registro da tabela ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam