Respostas interessantes marcadas com a tag

49

MySQLi: Vantagens: API Orientada a objetos e procedural; Performace elevada; Sintaxe relativamente mais simples (e similar a antiga API mysql_*); Desvantagens: Só funciona com bancos MySQL; Não possui parâmetros nomeados; Não possui prepared statements do lado cliente; PDO: Vantagens: Funciona com 12 drivers de bancos de dados diferentes (4D, MS SQL ...


41

Se você está preocupado com performance e não tem interesse em portabilidade, a melhor opção é sempre o mysqli. Uma das diferenças é que com o mysqli as consultas preparadas são implementadas no lado do servidor do banco de dados, enquanto com o PDO são emuladas no lado do cliente. Isto significa que cada vez que roda um script de PHP, com o PDO as ...


21

Basta usar o date_default_timezone_set do php e definir o fuso-horário como o horário de Brasília, neste caso 'America/Sao_Paulo'. Aqui você pode consultar a lista de Timezones Suportados. OBS.: Se o seu servidor estiver no local do fuso-horário desejado(Ex.: São Paulo) você não precisa usar o date_default_timezone_set. // DEFINE O FUSO HORARIO COMO O ...


17

A grande vantagem do PDO comparado ao mysqli é que ele possui suporte a vários bancos de dados e permite o uso de nomes parametrizados nas consultas preparadas enquanto o mysqli suporta apenas o MySQL e nas consulta preparads usa-se apenas ?. No manual existe uma comparações das funcionalidades PDO, mysqli e mysql nesse link. Segue outros links que fazem a ...


16

Vai depender do seu projeto, a diferença do PDO não é lá tão grande como pararece, como exemplo, o Drupal que é um senhor CMS usa PDO, e como exmplo o eclipse usa o drupal no seu market place. Minha recomendação: Use o PDO. A não ser que sua aplicação dependa vitalmente da velocidade, nesse caso use o MySQLi


14

Eu resolvi responder, mesmo sabendo que essa resposta nunca terá mais votos e parecerá que ela não é tão boa, porque tem havido muita informação falsa sendo espalhada por aí, as respostas não detalham e por causa da superficialidade ficam parecendo opinião, ainda que podem ser colocadas, e aí começa ter a informação falsa sendo espalhada, mesmo que não seja ...


13

Na maior parte dos casos é só mudar tudo que começa com mysql para mysqli :) Claro que não é só isto. Há algumas diferenças de parâmetros e algumas funções diferentes. Já viu a documentação? Eu aconselho você continuar com a sintaxe procedural já que está acostumado e a alteração ficaria mais simples. A sintaxe trabalhando com objetos não traz nenhuma ...


12

Não existe uma maneira certa, tanto o estilo orientado a objetos e o procedural servem para um determinado caso. Em projetos novos de preferencia ao estilo OO é mais prático por que não é necessario passar a variável de conexão para outros métodos como o query(), fetch_all() etc. <?php //Estilo orientado a objetos $mysqli = new mysqli("localhost", "user"...


12

Use htmlentities. Ex.: <?php echo htmlentities($row_rs['original']); ?>


11

Prevenir-se contra ataques, às vezes é fácil, e às vezes é difícil, isso dependendo do conhecimento de quem está a criar essas barreiras. Atualmente existem várias bibliotecas do tipo Open Source pela internet, capazes de lidar com uma boa parte dos ataques até hoje elaborados. Quanto as funções/bibliotecas "padrão" se posso assim dizer, atualmente, existem ...


11

Usando a função INSERT Para acrescentar caracteres num resultado, você pode usar a função INSERT. Não confundir com a sintaxe INSERT INTO, estamos falando da função de string. SELECT INSERT( INSERT( INSERT( cpf, 10, 0, '-' ), 7, 0, '.' ), 4, 0, '.' ) Explicando: o INSERT mais interno adiciona o - na décima posição, e remove 0 caracteres (o segundo ...


10

Você pode fazer algo do gênero: var cache = {}; $(document).ready(function() { addKeyupEvent($('#termo_busca')); } function addKeyupEvent(element) { element.keyup(function(e) { var keyword = $(this).val(); clearTimeout($.data(this, 'timer')); if (e.keyCode == 13) updateListData(search(keyword, true)); ...


10

Praticamente todas as funções do mysqli usam como primeiro parâmetro o "link" de conexão com o banco. Você faz: $bd="admin_site"; E tenta usar $result = mysqli_query($bd, $sql); Sendo que o 1º parâmetro deve ser a conexão, e não o nome do DB. O correto seria: $result = mysqli_query( $mysqli, $sql ); Sugestão de melhoria: Para não fazer uma confusão ...


9

Você pode criar um script que será executado pelo servidor em determinado momento para remover da tabela os usuários com valor ativo=0 se o tempo de expiração já tiver sido alcançado. Ou talvez uma aplicação paralela para fazer isso. Se escolher a primeira opção, você pode usar o cron - do Linux - ou o agendador de tarefas - do Windows - para executar o ...


9

Bem, batendo o olho vi alguns problemas em sua query. Não é preciso colocar o nome do banco entre aspas simples. Se o banco de dados já existir, ele retornará um erro como esperado. É preciso dar um DROP senão não será possível cria-la (não faça isso em produção) ou adicionar IF NOT EXISTS na sua query para evitar um erro caso a database já esteja criada. ...


9

Em geral ele é mais seguro. Não que não dê para dar segurança com a query normal mas muitos não sabem como fazer. É bem verdade que boa parte das pessoas que não sabem como fazer também não se preocupam com a segurança, só se preocupam se o código aparenta estar funcionando. Usando esta forma você evita SQL Injection. Além disto é possível ter algum ganho ...


9

Você está tentando excluir um registro que contenha o valor 'user_id'. Altere sua linha 2 do excluir.php para: $id = $_GET['user_id'];


9

O problema é organizar a lógica (que é simples). Basicamente para um horário não coincidir com outro, você precisa de apenas duas condições: Se quiser obter Horário não coincidente - "livre" são só essas duas: Data de início do evento A maior (ou igual) que o fim do evento B OU Data de final do evento A menor (ou igual) que o começo do evento B Que em ...


8

Eu criei isso e funcionou. Se você fizer o mesmo e não funcionar, você tem algum problema na sua instalação ou na configuração do MySQL. Só vendo o erro fornecido pelo MySQL para ter certeza. Mas possivelmente desta forma nem aconteça o erro. Há possibilidade ser apenas um problema de sintaxe, eu não usei o apóstrofe no nome no banco de dados. <?php $...


8

A grande vantagem dos prepared statements é a seguinte: A query precisa ser analizada (parsed) ou preparada apenas uma vez, mas pode ser executada múltiplas vezes com os mesmos ou diferentes parâmetros. Quando a query é preparada, o banco de dados vai analizar, compilar e otimizar o seu plano para a execução da query. Para queries complexas, ...


8

Depois de fazer a conexão com o banco, chame set_charset, para mudar o charset. Use character_set_name() para saber o charset atual. $this->con = mysqli_connect(DB_HOST, DB_USERNAME, DB_PASSWORD, DB_NAME); $this->con->set_charset("utf8");


8

Mas não estás a especificar a coluna da mensagem, para que coluna da tabela pedidos vai esse texto ($mensagem)? Deves especificar: mysqli_query($odb, "INSERT INTO pedidos (<NOME DA COLUNA AQUI>) VALUES ('$mensagem')"); http://www.w3schools.com/php/func_mysqli_query.asp E devias usar prepared statements, http://php.net/manual/en/mysqli.quickstart....


8

Caso queira fazer uma busca pela fonética das palavras adaptada para o português execute a função: DROP FUNCTION IF EXISTS transformar_fonetica; DELIMITER $ CREATE FUNCTION transformar_fonetica(ptexto TEXT) RETURNS TEXT BEGIN DECLARE vtexto TEXT; DECLARE vtexto_apoio TEXT; DECLARE vposicao_atual INT; DECLARE vcaracter_anterior ...


8

MD5 já não é confiável, é uma função de hash que está já obsoleta. Se por acaso um atacante tiver acesso à tua BD e extrair as hashes basta usar isto, https://hashkiller.co.uk/md5-decrypter.aspx , como centenas de outras ferramentas para cracar hashes deste tipo, ficando a saber as passwords reais respectivas às hashes armazenadas na BD. Não digo que ...


8

Você está testando $result, sendo que guardou o objeto de resultado na query na variável $sql $sql = mysqli_query("DELETE FROM images WHERE id='$id' "); ^^^^ if ($result) { ^^^^^^^ A nomenclatura está ruim, pois SQL é o que está entre aspas, e não o retorno do mysqli_query, que como mencionado é um objeto. Você está fazendo queries sem por o link da ...


8

O problema está em: $result = mysqli_query($bd, $sql) Vocês está passando o valor de $db como parâmetro, mas $bd é apenas uma string, tenta passar como parâmetro a variável $mysqli Segundo a documentação é esperado um link como primeiro argumento da função mysqli_query


7

O que você deseja fazer não é possível via php-mysqli. Repare nos atributos de mysqli_stmt na documentação, no máximo você vai conseguir extrair o $errno (int) ou o $error (string). Caso a query chegue a ser disparada (mesmo que com erros), para fins de debug eu acho bacana ativar o log de queries do MySQL. Aí você pode acompanhar em tempo real com um tail ...


7

Basta você usar uma query imediatamente antes do verificador que simplesmente delete todos os registros que passaram de determinado tempo, e cujo ativo seja zero. Se fizer essa query em um arquivo PHP separado, pode usar várias técnicas simultaneamente: Chamar este PHP com require_once alguma(s) linha(s) antes de fazer a ativação. Isto pode ser feito ...


7

Riscos Os riscos estão por toda parte. Por exemplo, o código mostrado está atribuindo 'sim' para $campo. E mandando imprimir algo que nunca será impresso. Pode parecer algo bobo para se observar, mas as falhas ocorrem por coisas bobas assim. Então, como mostrado nessa pergunta a validação deve ocorrer com qualquer dado que venha de fonte que você não ...


7

Ao utilizar prepared staments com MySQLi em um select, primeiro é necessário passar o resultado do banco para o php, isso é feito com o método/função get_result() a grande vantagem dele é o fato de não precisar especificar as colunas individualmente como é feite com bind_result() Altera seu método para: $query->execute(); $result = $query->...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam