Use Stack Overflow for Teams no trabalho para encontrar respostas num ambiente privado e seguro. Os primeiros 10 usuários são grátis. Registre-se

Respostas interessantes marcadas com a tag

30

Já tive uma boa experiência com microserviços, vamos lá: Vantagens: Divisão dos times: Quando seu sistema cresce e o time de desenvolvimento também acaba vindo a necessidade de quebrar uma equipe grande em equipes menores para facilitar a comunicação e divisão de tarefas. Com o paradigma de microserviços, equipes podem atacar serviços diferentes sem o ...


22

Acho que partir para uma transação distribuída é o último caso usando micro serviços. Eu entendo que certas atividades de uma solução são isoladas e podem ser um microsserviço fácil. Mas outras me parecem integradas demais para poderem ser separadas. É provável, então, que elas não devam ser separadas. Mais ainda, o que pode parecer se mostrar ...


13

Dividir para Conquistar É meio que um clichê, mas é basicamente isso. Vou tentar colocar o que eu entendo que a arquitetura tenta resolver, mas é claro que o assunto é bem extenso. De forma resumida eu colocaria os seguintes pontos abaixo como principais. Complexidade de funcionalidades e de integração. Grande volume de transações que demandam tempo de ...


13

Em uma infraestrutura baseada em Docker, gerenciar um só servidor, ou 2 servidores é uma tarefa simples. Mas há cenários em que você tem centenas ou até milhares de servidores, e as decisões que precisam ser tomadas são: Mover container do servidor A para o servidor B Eliminar um container (e precisa descobrir em qual servidor ele está) Subir um conjunto de ...


11

De acordo com o próprio site do fabricante, Kubernetes é um sistema para automatizar a implantação, escalabilidade e gerenciamento de aplicações conteinerizadas. Qual o propósito e benefício do uso desta ferramenta? Com Kubernetes é possível: Executar diversos containers em diferentes máquinas; Escalar adicionado ou removendo containers de acordo ...


9

Vou tentar passar um pouco do que tenho aprendido ao estudar, trabalhar e fazer parte da comunidade do Apache Kafka® O kafka é uma plataforma de streaming distribuída. E na pratica o que seria isso? Com ele você consegue publicar, armazenar, processar e consumir um grande fluxo de dados. Desta forma, estamos desacoplando o fluxo dos dados. Ok! Pode ...


9

Qual o propósito e benefício do uso desta ferramenta? Criação e implantação ágil de aplicativos: Maior facilidade e eficiência da criação de imagens de contêiner em comparação ao uso de imagens da VM. Desenvolvimento, integração e implementação contínuos: Proporciona criação e implantação confiável e freqüente de imagens de contêiner com reversões rápidas e ...


9

O que é o Kubernetes? Preambulo As tecnologias de containers, como o Docker, estão permitindo uma nova abordagem à maneira como os desenvolvedores criam e implantam aplicativos. Com containers, um desenvolvedor pode facilmente empacotar um aplicativo com todas os componentes necessários, incluindo bibliotecas e outras dependências, e enviá-lo como um único ...


8

Sem duvidas uma das partes mais difíceis numa arquitetura de microserviço são os dados. Concordo com você quando diz q ela não é bem "vendida". Recentemente também caí na mesma linha de raciocínio que geraram essas mesmas dúvidas. Tem um site que me ajudou a entender como os microservices podem se comunicar: http://microservices.io/ Na verdade, você não ...


6

Você obrigatoriamente vai ter que levar os dados de um lugar até o outro, e todos estes meios envolvem de uma forma ou de outra, o uso de sockets. As estratégias que você pode usar dependem muito de cada caso em específico. Dentre as técnicas que você pode usar (e pode combinar várias delas), temos: Uso de HTTP padrão (POST, GET, PUT, DELETE e PATCH). ...


5

Não sou especialista em microsserviços, no máximo gosto de indicar como microsserviços não são úteis na imensa maioria dos casos, e ele só acrescenta complexidade sem dar ganhos reais, exceto nos casos de extrema complexidade do domínio, necessidade de escala absurdamente alta, e onde o microsserviço encaixa naturalmente. Mas entendo que microsserviços seja ...


5

AngularJs é feito para single page, certo? Sim, Angular é um framework para aplicações de página única - o que significa que seu modelo operacional previne reloads completos (como numa navegação para outra página, por exemplo, onde o browser descarta a página atual e carrega todos os recursos indicados na nova página). E se eu usar o mesmo para uma ...


4

A questão principal é que recursos você quer consumir do Azure? Pois para cada serviço oferecido existem vários "Níveis de serviço". A alguns recursos tem níveis até gratuitos. Por exemplo, para o serviço de Aplicativo Web, existem os níveis: Gratuita e Compartilhada Plano de serviço Básico Plano de serviço Standard Plano de serviço Premium Plano de ...


4

Os atores são componentes isolados, single-threads que encapsulam seu estado e comportamento. Isto é muito semelhante ao funcionamento dos serviços de mensagens convencionais, já que os atores recebem parâmetros de entrada por meio de mensagens. MicroServices são componentes autônomos que por definição servem a uma única finalidade. Em teoria, os atores são ...


3

O que é? Service Fabric é uma plataforma de sistemas distribuídos que facilita o empacotamento, implantação e gerenciamento de microsserviços escalonáveis e confiáveis. Ele resolve os desafios significativos de desenvolvimento e gerenciamento de aplicativos em nuvem. Fazendo com que desenvolvedores e administradores possam evitar a resolução de problemas ...


3

Não leve muito ao pé da letra esta questão de descoplar pois corre o risco de fazê-lo no lugar errado. Tente trazer a idéia de micro serviço para o mundo real e veja o que acontece. Imagine a seguinte situação: Você entra em um restaurante e senta em uma MESA; O garçom vem e tira o PEDIDO e anota o número da MESA; O garçom, leva o PEDIDO até a cozinha que ...


3

O que eu quero saber é: realmente chega-se facilmente a custos tão altos no Azure? Sim, bem facilmente, pois é muito fácil escalar qualquer serviço nele - exitem instancia de Azure SQL que custam USD 22K/mes. Ele de fato é inviável para um aplicativo que está começando e, portanto, não terá muita receita durante um bom tempo? Não, claro que não, se vc ...


3

Realmente chega-se facilmente a custos tão altos no Azure? Sim, você consegue chegar a custos altos se não configurar adequadamente os recursos que realmente precisam. A proposta do Cloud Elástico é exatamente escalar à medida que for necessário, ou seja, você pode utilizar o Azure pagando absolutamente 0 ou tendo o custo altíssimo, isso tudo vai da ...


2

A API deveria retornar HTML? Isso é uma boa prática? E porque não seria? Se você está falando explicitamente a respeito de APIs REST, a resposta é provavelmente não porque você não estaria retornando objetos em algum tipo de envelope de dados (JSON, XML, etc.) Porém se sua API possuir aspectos não-REST, nada lhe impede de retornar conteúdo text-html a ...


2

Apesar de você conseguir alguns resultados idênticos com as 3 opções, é necessário avaliar o cenário que mais se encaixa no seu problema, uma vez que não faz muito sentido subir um site simples com Contêiner ou Service Fabric. Azure Contêiner Service O Azure Container Service facilita a criação, configuração e gerenciamento de um cluster de máquinas ...


2

Dividir uma aplicação em outras menores faz parte do conceito de microserviços, mas não é tudo. Existem várias definições, mas uma importante é que cada microserviço deve refletir um aspecto relevante do sistema. A comunicação entre os serviços geralmente é feita usando HTTP e algum protocolo de mais alto nível. Pode ser um ad hoc com REST e JSON mesmo ou ...


2

Com certeza isso pode ser uma grande questão em se tratando de sistemas distribuídos como microserviços, você pode distribuir as classes em comum em um JAR separado e utilizar nos projetos, mas para que isso realmente funcione a cobertura de Testes e o correto versionamento das dependências é fundamental, porque imagine uma possível alteração nesta lib, isto ...


2

Quando usamos o spring-boot, por padrão há algo embedded/in-memory para quase tudo, desde containers, serviços de mensageria e bancos de dados, que é este caso. Devido a isto você consegue incluir e recuperar dados em uma execução, mas ao reiniciar o banco é removido (por padrão será sempre create-drop nas bases em memória, independente se SQL ou NoSQL). ...


2

Antes de trocar o Firebird, eu sugeriria tentar uma solução usando um outro banco de dados transacional como o MariaDB. Para você ter um ideia, o MariaDB é usado pela wikipedia que tem um volume de transações monstruoso (embora a wikipedia esteja longe de ser completamente transacional). Outra sugestão seria o PostgreSQL. Pessoalmente não considero o ...


2

Segue uma alternativa. Espero que ajude! Interface: public interface UserService { User getById(Integer id); } Implementações: @Bean(name = "userLocalService") public class UserServiceImpl implements UserService{ @Override public User getById(Integer id){ //todo here } } @Bean(name = "userRemoteService") public class UserRemoteServiceImpl ...


1

Não existe uma forma certa de se fazer, claro que pode existir a formar mais coerente pra você. Cada caso é um caso, se eu estivesse com o mesmo problema que você eu usuária apenas 1 cluster dependendo da demanda,tudo depende da configuração da sua máquina e do número de requisição para a sua aplicação. Se você estiver usando node abaixo de 200k/req eu acho ...


1

Migrar para uma arquitetura de microsserviços pode não ser uma tarefa tão simples e por isso requer bastante planejamento e motivações claras. Normalmente essa migração ocorre quando temos uma aplicação monolítica de grande porte e percebemos nela indicativos de que essa mudança pode ser necessária. Exemplos disso são a dificuldade na escalabilidade e ...


1

Vamos ao que se refere ao Kafka. Talvez esteja chegando tarde mas.... O Kafka consegue lidar ai com 100.000 tpm. Então ele trabalha com volumes bem altos tranquilo, claro que vai muito da infra que você tem disponível para ele, visto que a cada requisição ele abre um numero de arquivos do sistema operacional, armazena todas essas requisições em um ...


1

Achei a solução: Você registra seu micro serviço via REST. https://github.com/Netflix/eureka/wiki/Eureka-REST-operations Exemplo de json: { "instance": { "hostName": "rails-checkin", "app": "rails-checkin", "vipAddress": "com.automationrhapsody.eureka.app", "secureVipAddress": "com.automationrhapsody.eureka.app", ...


1

Como você está trabalhando com Angular utilizando o padrão de SPA (Single Page Application) sua sistema conversa HTTP diretamente com o servidor. Hoje o protocolo mais utilizado para este cenário é o OAuth 2.0. O Auth 2.0 se concentra na simplicidade do desenvolvedor de clientes ao mesmo tempo em que fornece fluxos de autorização específicos para ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam