Respostas interessantes marcadas com a tag

19

Há um Gist em que as diferenças e especificidades são colocadas em detalhes. Há também este documento em que se ponderam vários aspectos mais macro entre os dois padrões, que na avaliação final o SASS é superior, embora o LESS tenha várias coisas a seu favor. Recomendo ler também a parte dos comentários. Há ainda um padrão chamado Stylus, muito sucinto e ...


16

se eles cumprem o mesmo papel, ou se possuem uma abordagem diferente. Essa sua frase define o tom da sua pergunta. Vou procurar basear minha resposta em ambos os pontos citados. Eles cumprem o mesmo papel? Basicamente, sim. O papel do pré-processador é fornecer o ferramental necessário para que seja possível contornar alguns problemas recorrentes da ...


10

Pré-processadores de CSS3 são linguagens com o propósito de ajudar na criação de estilos compatíveis com todos os navegadores e com diversos recursos para nos ajudar, principalmente quando temos CSS's enormes. O mais importante é reconhecer a sintaxe, e para nossa sorte todos esses pré-processadores usam uma linguagem semelhante entre si. Sass e LESS ...


7

Compilar o arquivo Less enquanto em desenvolvimento é opção do programador. Eu prefiro compilar (grunt faz isso sozinho para mim). Portanto, mesmo em desenvolvimento, utilizo o CSS, e não os arquivos Less. Em produção, sem dúvidas deve ser distribuído o arquivo CSS, e não o Less. Respostas às suas perguntas individuais: 1. Um arquivo Less não é mais leve ...


6

Com CSS puro vc pode fazer usando custom variables, não é exatamente como vc quer mas pode te ajudar Caso queira uma cor especial para o :hover, basta no :root vc tb declarar uma cor que vai usar no :hover, no caso a var(--red), e no p.azul:hover vc muda o valor de --azul para var(--red) 😉 Veja o exemplo para entender melhor: :root { --azul: ...


5

É importante lembrar que os navegadores não entendem LESS nativamente! Sendo assim, só adicionar o estilo em formato LESS à sua página não funcionaria mesmo. Para contornar isto você tem basicamente duas soluções: Solução 1: Less.js Faça o download do LESS e importe o arquivo less.js no seu projeto junto do seu arquivo .less: <link rel="stylesheet/...


5

Você pode instalar o Node.js na sua máquina. Ele serve para rodar diversas aplicações que você pode baixar no NPM, dentre elas o Gulp. O Gulp automatiza diversas operações para você. Aliado ao gulp-sass, por exemplo, você poderá compilar seus arquivos SASS automaticamente a cada vez que forem salvos - o plugin fica observando o diretório onde eles estão e ...


4

LESS é uma linguagem de folhas de estilo dinâmica, mas não uma linguagem de programação - pois não é Turing-complete. Suas principais características são: Variáveis @pale-green-color: #4D926F; // Definição de variável #header { color: @pale-green-color; // utilização de variável } h2 { color: @pale-green-color; } Mixins .rounded-corners (@radius: ...


4

Primeiro você deve utilizar o arquivo Less do Bootstrap ao invés do bootstrap.min.css e no lugar de adicionar o bootstrap no seu HTML você importa no seu arquivo .less com @import '../caminho-do-seu-bootstrap/bootstrap/less/bootstrap.less'; antes das suas definições. Dessa forma o código acima já vai funcionar e você não precisa nem do !important já que pela ...


4

Se a sua folha de estilos LESS estiver sendo processada no browser (e não enviada como CSS do servidor) você pode sim alterar as variáveis em tempo de execução. O arquivo não será carregado novamente, mas ele será recompilado. Sua folha de estilos Less deve estar sendo carregada no browser, então você deve ter algo como: <link rel="stylesheet/less" ...


4

Você precisa baixar e incluir o interpretador de LESS em JavaScript para isso funcionar: <script src="less.js" type="text/javascript"></script> Referência: http://lesscss.org/#client-side-usage


4

Tem algum fix pra resolver isso? Com puro CSS, NÃO. Quem diz isso são os overlords do Mozilla, na sua documentação: ...In contrast, an element that is positioned absolutely is taken out of the flow and thus takes up no space when placing other elements. The absolutely positioned element is positioned relative to nearest positioned ancestor. If a ...


4

Essa fórmula vai fazer a progressão das colunas em PX até 1272px $grid__cols: 12; @for $i from 1 through $grid__cols { .col-#{$i} { flex-basis: (1272 / ($grid__cols / $i) ) * 1px; } } OUTPUT .col-1 { flex-basis: 106px; } .col-2 { flex-basis: 212px; } .col-3 { flex-basis: 318px; } .col-4 { flex-basis: 424px; } .col-5 { flex-basis: 530px; } ....


3

Seu css está errado, não pode colocar um elemento dentro do outro como você colocou, deveria ser assim: .mockup{ padding-bottom: 70px; display: block; position: relative; overflow: auto; height: 270px; } .mockup img{ position: absolute; top: 0; left: 0; }


3

Adicione as tasks que o Grunt terá que executar após esses arquivos serem modificados. Utilize o plugin grunt-contrib-less para converter o código less em css. less: { development: { options: { compress: true}, files: { 'saida.css': '**/*.less' } } }, watch: { all: { files: ['**/*.html','**/*.less'], tasks: ['less'], ...


3

Antes de qualquer coisa, tente dar uma olhada a mais nesse link: http://getbootstrap.com/css/#grid ele mostra como trabalhar com a estrutura do bootstrap, pelo próprio bootstrap. A seguir, tenta essa estrutura abaixo: ... <div class="row"> <div class="col-sm-4 categories"> <ul class="list-unstyled filter-category"> <li>&...


2

Não é possível alterar uma variável do LESS com JavaScript. Antes de ser interpretado pelo browser, o LESS é compilado como CSS (que não tem suporte a variáveis), e as referências à variável são substituídas pelo respectivo valor. O que você pode fazer por js é alterar os valores um a um.


2

Você precisa referenciar o arquivo onde encontra-se esse mixin, fazendo o @import. /* mixin.less */ .title(){ text-decoration: none } /* reset.less */ @import "mixin.less"; .title { .title(); } Uma forma de organizar seus arquivos é criar uma estrutura semelhante a esta: - less |- build | |- mixin.less | - variables.less | - functions.less .....


2

Esse .vertical(#f5f5f5, #f9f9f9) é o que o Less chama de mixin pramétrico, que é como uma função que recebe parâmetros. Ele precisa ser declarado em algum lugar. Imagino que você esteja querendo algo assim: .vertical(@cor1, @cor2) { /* Fallback (could use .jpg/.png alternatively) */ background-color: @cor1; /* SVG fallback for IE 9 (could be data ...


2

Resolvido o problema! Para isso: Usar um compilador(não sei se é esse o nome) para o less. Direcionar o para o arquivo CSS que esse compilador vai gerar. Aqui funcionou! Estou rodando em cima do WAMP, não testei fora dele. O ficou assim: <link rel="stylesheet" type="text/css" href="css/bootstrap.css"> <script type="text/javascript" src="js/...


2

Veja dessa forma. Cria uma classe que chama sua função com o valor do param. .tamanhoColuna(@x){ min-width: @x; } .chamaFuncao { .tamanhoColuna(10px); } <p class="chamaFuncao"> Teste :D </p> Atenção Você não vai conseguir passar o valor em tempo real, a não ser que compile o LESS em tempo real.


2

Use @{nome_da_variavel}: Por exemplo: @address: "/ui/lib/fonts/opensans/v8"; @font-face { font-family: "Open Sans"; font-style: normal; font-weight: 400; src: local("Segoe UI"), local("Open Sans"), local("OpenSans"), url("@{address}/K88pR3goAWT7BTt32Z01mz8E0i7KZn-EPnyo3HZu7kw.woff") format('woff'); }


2

Opa, depois de tentar bastante consegui!!! Less: @name: stack; @level: 900; @nameVariable: ~'@{name}@{level}'; @@nameVariable; // chama variável: @stack900 O porquê de se utilizar @{name}@{level} ao invés de @name@level é: Exemplo: @{name}@{level} // stack900 @name@level // stack 900 e o ~é para remover as aspas ' '


2

Tudo indica que o problema está nos tamanhos das colunas do seu grid. A largura sem deve totalizar 12, se ultrapassar irá haver quebra de linha. <div class="container"> <div class="row"> <div class="col-sm-4 categories">...</div> <div class="col-sm-8">...</div> <div class="col-sm-8">...&...


2

Cara na minha opinião os pre-processadores são ótimos, fazem o que promete. Onde os seus pontos positivos é passado por toda aquela facilidade e flexibilidade proposta para o nosso amigo CSS, que é uma linguagem que está evoluindo bastante em termos de codificar programação nas folhas de estilo. Agora os seus contras é toda aquela questão de não serem ...


2

ONMOUSEOVER A abordagem mais direta, através de JavaScript puro, utiliza onmouseover para chamar uma função e, dessa forma, alterar a exibição dos itens: function mudar(val) { var x = document.getElementsByClassName('conteudo'); for(var i = 0; i < x.length; i++) x[i].style.display = 'none'; document.getElementById('conteudo'+val).style....


2

A diferença é que o PHP processa no lado do servidor, ou seja para o usuário vai realmente chegar um arquivo CSS. Já que o front-end não interage diretamente com o back-end. Já o LESS/SASS e afins podem ser processados pelo navegador usando JavaScript, o que ocorre no lado do cliente, exemplo com LESS: <link rel="stylesheet/less" type="text/css" href="...


2

Depende um pouco dos pacotes que estiveres a usar mas eu uso o watcher-lessc que escuta mudanças nos ficheiros e recompila em milisegundos. npm install watcher-lessc watcher-lessc -i ./css/style.less -o ./css/style.css


1

O nome desse recurso é guarded mixins, e serve para testar expressões, semelhante às estruturas condicionais existentes em várias linguagens. Porém, ao invés de if/else, o less faz isso com a palavra chave when. Pegando o exemplo da sua pergunta: .box-shadow(@style, @c) when (iscolor(@c)){ -webkit-box-shadow: @style @c; box-shadow: @style @c; } ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam