Julia é uma linguagem de programação dinâmica, de alto nível, projetada para atender os requisitos de alto desempenho em computação científica, mas também é eficaz para a programação de propósito geral, uso na web e como linguagem de especificação.

Julia é uma linguagem de programação de código aberto, dinâmica, de alto nível, projetada para atender requisitos de alto desempenho em computação científica e, ao mesmo tempo, possui uma sintaxe que é familiar para usuários de outras linguagens de computação técnica, como Ruby, Python, R ou MATLAB.

Ela possui um compilador JIT sofisticado, execução concorrente, paralela, distribuída e um conjunto extenso de funções matemáticas em sua biblioteca básica.

Essa biblioteca, em grande parte desenvolvida com própria linguagem Julia, também agrega bibliotecas em C e FORTRAN maduras, de alta qualidade e desempenho para uso em álgebra linear, geração eficiente de números aleatórios, FFT e processamento de strings.

O núcleo (core) da linguagem é implementado em C e C++, e o parser, em linguagem Scheme ("femtolisp").

Para gerar o código binário otimizado em 32-bit ou 64-bit, Julia utiliza o framework LLVM como compilador JIT (dependendo da plataforma ou de opções configuradas pelo usuário).

A API permite execucão direta de funções em bibliotecas exeternas (desenvolvidas, por exemplo, em C ou FORTRAN), sem a necessidade de utilizar wrappers.

Programas em Julia possuem desempenho semelhante a programas desenvolvidos em C ou FORTRAN, mas a programação é tão simples quanto MATLAB, R ou Python, devido a semelhança na sintaxe.

Apesar de ainda estar na "infância" (fevereiro de 2012), sua evolução tem ocorrido de forma rápida.

Links:


Texto adaptado das seguintes fontes:

StackOverflow - Tag Info - julia-lang

Wikipedia - Julia - em português

Wikipedia - Julia - em inglês

histórico | histórico do fragmento