O Java Persistence API (JPA) define um caminho para mapear Plain Old Java Objects (POJOs) para um banco de dados, estes POJOs são chamados de beans de entidade.

Java Persistence API (ou simplesmente JPA) é uma API padrão da linguagem Java para persistência de dados que deve ser implementada por frameworks que desejem seguir tal padrão. A JPA define um meio de mapeamento objeto-relacional para objetos Java simples e comuns (POJOs), denominados beans de entidade. Diversos frameworks de mapeamento objeto/relacional como o Hibernate implementam a JPA. Também gerencia o desenvolvimento de entidades do Modelo Relacional usando a plataforma nativa Java SE e Java EE.

Originou-se num projeto comum entre os desenvolvedores para se criar o padrão. Fortemente baseado nas ideias trazidas pelo Hibernate, tanto que o líder da primeira versão dessa especificação é o criador do framework.

Fonte do fragmento: Introdução à Java Persistence API – JPA
Fonte do wiki: Java Persistence API - Wikipédia

histórico | histórico do fragmento

Linguagem de Código (usado para realce de sintaxe): lang-java