Respostas interessantes marcadas com a tag

6

O código é confuso e parece ter algumas coisas erradas até conceitualmente, daí fica até complicado fazer o certo ou mesmo responder esta pergunta. Se a classe chama Perguntas deveria ter várias perguntas ali e não apenas uma. É para ser uma, certo? Então ela deveria chamar Pergunta. Se a pergunta tem resposta estabelecida em múltipla escolha, porque ...


5

O t veio da palavra Math e o problema está nos índices que você passa para substring (os valores acabam coincidindo com o t). De qualquer forma, para resolver isso com regex, estou assumindo algumas premissas: a base sempre é x (mas no final coloco uma alternativa para bases que não sejam x) o expoente sempre é um número (e não uma expressão mais complexa, ...


5

Nesse caso você pode fazer dois tipos de getter: um que retorna o array inteiro e outro que retorna só um item do array. //retorna o array inteiro ArrayList<String> getOpcao() { return this.opcao; } //retorna uma opcao especifica String getOpcao(int indice) { return this.opcao.get(indice); } Eu mudaria o nome da variável opcao para opcoes, ...


5

Diretamente assim não tem como porque a linguagem não faz covariância automática. Você pode fazer isso com generics. Vou colocar aqui um código a grosso modo, não quer dizer que ele compile exatamente assim (eu sei fazer em C#, não em Java, mas deve ser bem parecido): public abstract class ServiceData { /*...*/ } public class EchoData extends ServiceData { /...


4

Acho que isso te ajuda.. String teste = "345,421,888,211"; //Vou dividir a string quando encontrar o caractere "," String[] teste2 = teste.split(","); //Aqui vou percorrer o array criado e printar o código for(int i=0; i<teste2.length; i++) { System.out.println("Codigo:" + teste2[i]); }


4

Conforme eu já disse aqui, aqui e aqui: Datas não têm formato Uma data é apenas um conceito, uma ideia: ela representa um ponto específico no calendário. A data de "1 de janeiro de 1970" representa isso: o ponto específico do calendário que corresponde ao dia 1 do mês de janeiro do ano de 1970. Para expressar essa ideia em forma de texto, eu posso escrevê-...


4

Primeiramente, nomes de pacotes devem ter todas as letras em minúsculas e nomes de identificadores devem seguir o padrão camelCase. Veja mais aqui sobre as convenções. Além disso, os nomes das classes devem ser descritivos, e portanto é bom evitar abreviações obscuras, como no caso dos seus prefixos M e D. Chame suas classes de Conexao, de TotalProduto e de ...


4

O papel do que chamamos de Controllers é de orquestração dos dados recebidos pela sua aplicação Java. Ele deve tratar as entradas do sistema com algumas verificações, como de tipos de dados, por exemplo, se um parâmetro obrigatório foi enviado na requisição. Depois dessas verificações, o Controller deve passar os dados recebidos pela requisição para o que ...


4

Como exemplo criei três classe Commissioned, Hourly e Salaried. Para simplificar o exemplo adicionei apenas um campo a cada classe Commissioned.name, Hourly.age e Salaried.salary. Copiei os ArrayList c, h e s da sua pergunta e os populei com um objeto cada. Criei o ArrayList<Object> employees e o populei com c, h e s. Não usei ArrayList<Objects&...


4

Não sei se entendi o que quer saber, mas já adianto que nenhuma classe é sobrescrita, esta não é uma qualidade que classes possuem. Métodos podem ser sobrescritos. E sim, todos os métodos tradicionais em Java que são virtuais são sobrescritos não importa a profundidade da hierarquia e eles substituem o método das classes mães, portanto este código irá ...


3

Não sei se entendi exatamente o que você queria, mas não seria só retornar o vtc no método pesquisa_bin? Alterei também o que está sendo salvo no txt, esta marcado no código onde alterei. Encontrado na posição: 49 | Tempo gasto:1.3941877 | Número procurado: 11 Encontrado na posição: 499 | Tempo gasto:8.3070148 | Número procurado: 55 Encontrado na posição: ...


3

Aqui tem o que tu precisa: https://developer.android.com/guide/topics/data/data-storage?hl=pt-BR Para obter um objeto SharedPreferences para o aplicativo, use um destes dois métodos: getSharedPreferences() — use esse método se precisar de vários arquivos de preferência, identificados por nome e especificados no primeiro parâmetro. getPreferences() — use ...


3

Basta você atualizar o versão do java que você quer utilizar. Para listar todas as versões instaladas use o comando update-java-alternatives --list Para atualizar basta digitar o seguinte: sudo update-java-alternatives --set /caminho/para/versao/java Onde /caminho/para/versao/java pode ser, por exemplo: /usr/lib/jvm/java-8-openjdk-amd64


3

Matheus, seu entendimento está correto, é um trecho de um algoritmo de implementação de FILA, como você deve saber, o conceito nos diz: São estruturas de dados do tipo FIFO (first-in first-out), onde o primeiro elemento a ser inserido, será o primeiro a ser retirado, ou seja, adiciona-se itens no fim e remove-se do início. Basicamente as FILAS ...


3

Isso acontece porque, ao fechar o Scanner, você também fecha o objeto que ele encapsula. No caso, você acaba fechando o System.in. Só que o System.in é um recurso "especial", gerenciado pela JVM, e uma vez fechado, ele não pode ser reaberto. Então o que acontece é: você chama o método menu, que cria o Scanner, lê a opção e fecha o Scanner (e ...


3

O botão submit dentro de um <form> envia apenas os dados que estão dentro desse <form>. Logo, apenas o campo user_password vai ser enviado. A solução é usar isso: <form action="../update" method="post"> <div id="userEdit"></div> <div> <label for="userpassword">Password:</label&...


3

Você pode fazer assim: Dentro do try vai fazer o tratamento. try { obj = new JSONObject(jsonResposta); JSONArray usuarioJArray = (JSONArray) obj.get("result"); obj = (JSONObject) usuarioJArray.get(0); } catch (JSONException e) { //erro } Na primeira linha do try eu transformo em um JSONObject, se seu JSON não tiver um array pode já ...


3

at br.com.drogaria.dao.FabricanteDAO.excluir(FabricanteDAO.java:33) Essa linha é a seguinte: comando.setLong(1, f.getCodigo()); Sabemos que comando não é null e que f também não é null. Logo, o suspeito é que o resultado de f.getCodigo() seja null. De acordo com o javadoc, o segundo parâmetro é do tipo long. Assim sendo, se você passar null no lugar ...


3

Sua solução atende o necessário, porém ela não irá obter performance satisfatória quanto mais sua lista de elementos crescer. Algumas estruturas nos fornecem algoritmos (lembre-se de que estruturas não possuem complexidade, os algoritmos possuem :) ) que possuem tempo de busca padrões, eu recomendo você dar uma olhada neste site de onde irei tirar algumas ...


3

Não achei o erro no seu código, porem deixo algumas dicas. Normalmente nome de classe começa com letra Maiúscula. As funções e variáveis da sua class media estão todas static então você não precisa criar uma instancia dela new media() você pode acessar direto pela classe Ex. media.getMediatotal(). Na main você esta dando print no retorno da getMediatotal ...


3

A sintaxe da tua query esta errada por isso acusa esse erro. a sintaxe para inserir: INSERT INTO table_name (column1, column2, column3, ...) VALUES (value1, value2, value3, ...); e na tua query tens INSERT INTO from, é de notar a key VALUES esta faltando. terias de ter algo do tipo: INSERT INTO Produtos (nomeCliente, nomeProduto, pesoProduto, ...


2

No método onDrag(), da sua implementação do OnDragListener, verifique se o id da view recebida é aquela que quer, caso não seja retorne false: @Override public boolean onDrag(View v, DragEvent event) { if(v.getId() != R.id.imgu) return false; ... ... }


2

No meu sistema, usando NamedParameterJdbcTemplate do Spring, faço assim: public boolean tabelaExiste(String tableName) { HashMap<String, String> param = new HashMap<>(); param.put("table_name", tableName); return namedJdbcTemplate.query("select 1 from sqlite_master where name = :table_name COLLATE NOCASE and type = 'table'", param, ...


2

1. Você anota seu método com: As requisições também são anotadas, por exemplo> @Get("/") 2. Tenta enviar parâmetros na requisição e recebe o status 405 na resposta: mas quando eu tenho que enviar parâmetros o STATUS CODE é 405 Aparentemente está tentando realizar um POST em um método que espera uma requisição do tipo GET. Tente alterar a anotação do ...


2

Você pode sobrescrever o método toString() retornando uma String concatenada com os dados que você quer... Exemplo: public String toString(){ return "Nome: " + this.nomeCompleto + ", Nascimento: " + this.dataNas + ", Email: " + this.email; } Sobre o método construtor acredito que você possa fazer isso de um jeito melhor... O método construtor precisa ...


2

Não sei se isso que procura, mas você pode usar a sobrecarga do método Connection.prepareStatement(String sql, int autogeneratekeys) que aceita uma flag indicando como chaves auto-geradas devem ser retornadas. Passe a constante Statement.RETURN_GENERATED_KEYS como flag indicando que as chaves auto-geradas devem estar disponíveis para consulta. Para ...


2

Você não vai fazer retornar automaticamente os 10 registros do banco(para isso, você iria precisar alterar a query), porém, é possível você capturar esses 10 registros da lista completa. Utilize o List<E> subList(int fromIndex,int toIndex) para capturar a partição de registros da lista alvo da seguinte forma: historicoRemessaService.listar(...


2

Fala Jefferson, Você pode realizar isso utilizando a annotation @EventListener, ela atua como listener para executar certo método dependendo do evento de inicialização gerado. Os eventos derivam de ApplicationEvent, podendo ser utilizados os SpringApplicationEvent ou ApplicationContextEvent Basta você colocar a annotation no método e indicar o evento em ...


2

Até onde sei, isso não é possível. Cada aplicação tem o seu pool de conexões separado. Desconheço soluções que busquem compartilhar pools de conexões entre diferentes aplicações. O que daria para fazer seria criar uma terceira aplicação que é responsável pelo acesso ao banco de dados e fazer as outras duas aplicações (ou quantas outras forem) acessá-la via ...


2

Para obter uma string no formato desejado, independentemente do dispositivo/configurações do usuário, faça assim: //Obtenha um Calendar com a data actual Calendar calendar = Calendar.getInstance(); // manipule a data como pretender, // por exemplo, adicionar 5 dias calendar.add(Calendar.DAY_OF_MONTH, 5) //Construa um DateFormat, com o o formato pretendido ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam