Respostas interessantes marcadas com a tag

8

Para criar um JAR executável é necessário que o Manifest.mf do mesmo informe o nome completo (pacote.Classe) da classe que contém o método main() que deve ser executado. Verifique se este é o caso. Abra o JAR (pode ser com um programa Unzip) e veja o conteúdo de META-INF/Manifest.mf. Ele deve conter a seguinte linha em algum lugar, com o pacote/nome da sua ...


6

O exec() do PHP executa um comando server-side, já que não é uma linguagem client-side. Executando um JAR pelo navegador Para executar um jar no navegador, como você deseja, o que eu indicaria é utilizar uma applet, como é vista nessa resposta e chamá-la pelo javascript, como no exemplo a seguir: <applet name="myapp" archive="myjar.jar" code="com....


5

Quando não acontece nada ao tentar abrir o programa, é por que ele lançou uma exceção antes mesmo de carregar a parte gráfica, logo não é mostrado nenhum erro para o usuário. Para conseguir ver qual é a exceção que está sendo lançada você pode executar seu jar através do prompt de comando ou terminal, pois ele lançará a exceção que está ocorrendo e então ...


5

Existe também o Maven Shade Plugin que permite empacotar o artefato em um super-jar, incluindo suas dependências, e ainda renomear os pacotes de algumas dependências se você desejar. Veja um exemplo: <project> ... <build> <plugins> <plugin> <groupId>org.apache.maven.plugins</groupId> <...


4

Quando se cria o processo com o método exec() é retornada uma instância de Process. Então você pode guardar essa referência e destruí-la posteriormente com o método destroy(). Exemplo: Process p = Runtime.getRuntime().exec("**NOMEDOPROGRAMA**"); ... p.destroy();


4

Faltou você configurar como o maven-assembly-plugin será executado, ou seja, qual goal e em qual fase do maven também. Para empacotar um jar com as dependências durante a fase de package, a configuração fica assim: <plugin> <groupId>org.apache.maven.plugins</groupId> <artifactId>maven-assembly-plugin</artifactId> &...


4

Definir bibliotecas sem alterar o Java Não é recomendável definir um classpath global. Pode causar efeitos colaterais indesejados em outros programas. Para evitar repetição, crie um arquivo shell script contendo os comando que você precisa, use o chmod para definir permissões de execução para o arquivo e use o novo "executável" ao invés de chamar o Java ...


4

Ele não descobre. O .jar normalmente inclui um arquivo chamado Manifest.mf que fica dentro da pasta META-INF e que contém uma linha que indica qual é a classe executável, semelhante a essa: Main-class: nome.do.pacote.ClasseExecutavel Como o @Techies informou, ela deve conter esse método: public static void main(String [] args) e deve ficar na pasta ...


3

Tem sim, são chamados Step Filters. Você pode acessar as configurações em: Java > Debug > Step Filtering O botão (Shift+F5) habilita / desabilita os filtros (na perspectiva Debug).


3

De acordo com esse relatório de bugs da própria NetBeans isso é um bug e para consertar basta atualizar para a versão 7.4 ou mais atual.


3

Caso você não tenha dependências externas de outros JARs basta usar o maven-jar-plugin e colocar a referencia completa para sua classe que possui o método public static void mais(String[] args) como no exemplo abaixo. <build> <finalName>meu_main</finalName> <plugins> <plugin> <groupId>org....


3

Verifique se alguma dependência adicionada no seu POM.XML pode ser removida. Além disso, muitas vezes uma dependência depende de várias outras libs. Se vc tem certeza que alguma delas não está em uso vc pode removê-la usando Ex: <dependency> <groupId>br.com.teste</groupId> <artifactId>artefato-teste</artifactId> &...


3

Além de seguir o conselho dos colegas e rever dependências e dependências transitivas, existem ferramentas que podem te ajudar. Uma primeira maneira de reduzir o tamanho do Jar é compactar utilizando Pac200. Você pode fazer isso com o Maven utilizando o plugin Maven Pack200 Plugin. Outra maneira é utilizar um plugin como o Apache Maven Shade Plugin capaz ...


3

Este código é bom, pois é versátil, simples, útil e flexível. Dá para deixá-lo um pouquinho melhor assim: public static void adicionarAoClasspath(String caminho) throws IOException { adicionarAoClasspath(new File(caminho).toURI().toURL()); } public static void adicionarAoClasspath(URL url) throws IOException { URLClassLoader sysloader = (...


3

Um erro do tipo IncompatibleClassChangeError normalmente é efeito de um processo de compilação inadequado. Por exemplo: Crie as seguintes classes: public class Teste { public static void main(String[] args) { Teste2.hello(); } } public class Teste2 { public static void hello() { System.out.println("Oi"); } } Compile as ...


2

Adicionalmente, você pode adicionar os jars dependentes usando o método tradicional: File > Project Properties > Libraries > Run-Time Libraries


2

Verifique se, no Java Build Path, você marcou "Include" neste jar. Pode ser que ele não esteja sendo incluído ao compilar e gerar o APK do seu aplicativo. Algo como na imagem abaixo:


2

Você deve ter esquecido uma dependência, especificamente: jcommon-1.0.23.jar (rev. 1.0.23 pode variar, essa vem com o ultimo release do JFreeChar) Você encontra a informação da dependência na pagina de download do JFreeChart: JCommon Dependency JFreeChart requires the JCommon class library. The JCommon runtime jar file is included in the JFreeChart ...


2

Não é contra-indicado carregar jars em tempo de execução, pelo contrário. Desenvolver aplicações que funcionem dessa forma é o desejável. Porque assim podemos alterar uma parte do software sem precisar recompilá-lo por completo e sem sequer parar a execução do mesmo. Seu pensamento está correto. O uso deste tipo de abordagem pode ser observado nos plugins. ...


2

Provavelmente, na hora de criar o arquivo, a opção "Launch Configuration" está selecionada a classe errada...


2

Já resolvi o problema. Eis abaixo como: Na IDE Intellij: File -> Project Structure… -> Artifacts Em “Avaliable Elements” tinha a library que eu necessitava. Mas eu clicava com o botão direito em cima da library e escolhia “Put Into Output Root” e não funcionava. Então escolhi “Extract Into Output Root” e agora funcionou.


1

Vamos lá!! Depois de muita busca sem sentido no Google, acabei encontrar 3 link que me ajudaram a gerar o meu JAR com as Dependências / Libraries customizada / Diretórios Resources. Segue a sequencia de link do que você vai encontrar em cada uma das fontes. Fonte 1: Adicionar JAR próprios ou baixados da internet ao Repositório do Maven Local: MkYoung.com | ...


1

Conforme seu próprio tutorial, o Jar gerado pelo Maven não incluirá as dependências. A solução proposta pelo tutorial é utilizar o plugin One-Jar para gerar um Uber Jar incluindo as classes do seu projeto e todas as dependências: <!-- Includes the runtime dependencies --> <plugin> <groupId>org.dstovall</groupId> <...


1

Tu precisa passar o classpath na hora de executar o javac javac -classpath jfreechart.jar minhaClasse.java


1

Como você diz já ter o arquivo MANIFEST.MF dentro da pasta META-INF, o que lhe falta agora é indicar nesse arquivo o endereço completo da sua classe principal, assim: Main-Class: com.pacote.Classe Para seu caso ficaria: Main-Class: REDE.chatserver Entretanto, observe que tanto o nome do seu pacote como o nome da sua classe fogem da convenção de ...


1

Primeiro você precisa empacotar o seu projeto incluindo todas as sias dependências, recomento que pesquise um poco mais sobre ANT e Big jar. Para o netbeans AQUI tem um exemplo de como fazer compilar o seu projeto com todas as suas dependências. Você pode utilizar alguns instalador como o Inno Setup ou Install Creator para juntar o instalador do My SQL e a ...


1

Pra quem achar minha pergunta persistente achei uma solução otimizada. Digito o conteúdo abaixo no pom, e escreve mvn clean source:jar package Obs.: lembrando que o quando você cria o projeto já existe uma tag <package> não é necessário anunciá-lo, e caso não escolha nenhum package ele criará por padrão o "jar". <build> <sourceDirectory>...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam