Respostas interessantes marcadas com a tag

6

Não tem a ver com SQL em si e sim com o Firebird. Em algum momento o produto concluiu que algo que ele fazia estava errado e decidiu fazer diferente, mas bem pouca coisa mudou. Mas muita gente estava acostumada com a forma antiga, tem códigos que se valem da forma antiga, então você pode ter formas diferentes dele atuar de acordo com sua necessidade. ...


6

O Firebird suporta 3 dialetos SQL tanto no servidor quanto no cliente. Estes se diferenciam no formato de date-time e precisão de números. Os dialetos servem para instruir o firebase server em como processar as funções em Borland Interbase legados, anteriores a versão 6.0. Dialetos são configurados em runtime e podem ser trocados pelo cliente no momento da ...


5

Da para fazer isso somente utilizando o bom e velho SQL. Você precisaria concatenar todos os campos que quer filtrar e colocar um alias para ele. SELECT Nome+' '+Marca as campoBusca from tabela_produto O retorno desse select seria: campoBusca |Memória Ram DDR3 8Gb Notebook| Daí então seria somente utilizar um where, mas como não podemos utilizar ...


4

Esse presunção que o SQLite está no servidor ou que outro não está e que isto é mais rápido é algo incorreto. O fato do banco de dados estar no servidor ou não depende. Nem é certo que o SQLite esteja, mas geralmente está. Os demais tem mais chance de não estar, mas quase sempre está e se você quer que esteja então estará, porque acha que não? Nem vou ...


3

Você pode amarrar pela chave primaria e usar o operador NOT IN Exemplo: SELECT r.Id FROM registro r WHERE competencia = '01/2019' AND r.id NOT IN (SELECT Id FROM registro WHERE competencia = '02/2019' and Id = r.id)


2

Crie uma lista de updates e execute-as de uma só vez, algo como: EXECUTE BLOCK AS BEGIN UPDATE tabela WHERE ID = X; UPDATE tabela WHERE ID = X; UPDATE tabela WHERE ID = X; ... END; Muito fácil e rápido. Pode utilizar o mesmo laço que esta fazendo, porém, ao invés de adicionar na query e executar, adiciona em uma lista e depois executa o bloco ...


2

Use a função number_format() do PHP. Veja como fica no seu caso: $foo = (float) 700; $bar = (float) 700.00; echo '$foo formatada com casas decimais: '.number_format($foo, 2, ',', ''); // 700,00 echo '$bar formatada com casas decimais: '.number_format($bar, 2, ',', ''); // 700,00 Em dados do tipo float, as casas decimais são simplificadas quando terminam ...


2

Quando você cria uma propriedade com um DataAnnotation ForeignKey referenciando a sua propriedade de navegação (nesse caso é a propriedade Impressao), o Entity Framework cria o nome da sua ForeignKey igual a sua propriedade que possui o DataAnnotation. [Table("IMPRESSAO_DETALHE")] public class ImpressaoDetalhe { [Column("ID")] public int Id { get; ...


2

Utilizando GROUP BY para agrupar pelo CPF e HAVING COUNT onde o número de CPF iguais é maior que 1: SELECT ID,Nome FROM Usuarios GROUP BY CPF Having COUNT(CPF) > 1; Daí você recebe os ID's e deleta.


2

Eis uma solução para SQL Server: -- código #1 with empresas_seq as ( SELECT seq= row_number() over (order by cod), nome from bd1..empresas ) INSERT into bd2..empresas (cod, nome) SELECT seq, nome from empresas_seq; Para atualizar na tabela atual: -- código #2 v2 USE bd1; with empresas_seq as ( SELECT cod, seq= row_number() over (order by cod), ...


2

Você já ate esta no caminho, seu SUBSTRING quase atende, faltou coloca-lo para executar. Ex: SELECT C.NOME, SUBSTRING(C.NOME FROM POSITION(' ', C.NOME) + 1 FOR CHAR_LENGTH(C.NOME)) FROM CLIENTES C WHERE SUBSTRING(C.NOME FROM POSITION(' ', C.NOME) + 1 FOR CHAR_LENGTH(C.NOME)) LIKE :NOME_PESQUISA || '%' Basicamente estamos buscando tudo que ...


2

No Firebird você não consegue realizar esta façanha. A sintaxe do do update dele é: update NOME_TABELA set NOME_CAMPO = VALOR where xyz = xyz O JOIN tera que ser com sub-select após o WHERE Fonte


2

Sql: SELECT CLIENTES.ID_CLIENTE, CLIENTES.CLIENTE, SUM(DAV_ITENS.QUANTIDADE) AS QUANTIDADES, SUM(DAV_ITENS.VALOR_CUSTO * DAV_ITENS.QUANTIDADE) AS VALOR_CUSTO, SUM(DAV_ITENS.VALOR_TOTAL) AS VALOR_TOTAL FROM DAV LEFT OUTER JOIN DAV_ITENS ON (DAV.ID = DAV_ITENS.ID_DAV) RIGHT OUTER JOIN PRODUTOS ON (DAV_ITENS.ID_PRODUTO = PRODUTOS.ID_PRODUTO) INNER JOIN ...


1

É só utilizar um subselect verificando a existência: SELECT * FROM registro WHERE competencia = '01/2019' AND NOT EXISTS (SELECT * FROM registro WHERE competencia = '02/2019') O comando acima tem um erro. Você precisa verificar a existência ou não para o mesmo usuário e portanto precisa correlacionar as queries: SELECT * FROM registro r1 WHERE ...


1

Você pode utilizar uma subquery para buscar o próximo registro. Dessa forma também não há perigo de quebrar a lógica se houver um "buraco" nos sequenciais: SELECT t.*, (SELECT FIRST 1 t2.data_entrada FROM tranferencia t2 WHERE t2.codigo_hospede = t.codigo_hospede AND t2.transferencia > t.transferencia ORDER ...


1

Bom dia. Você pode fazer uma procedure para retornar uma lista e coloca-la em sua sql. Segue o exemplo abaixo: CREATE OR ALTER procedure GET_LISTA ( SQL_LISTA varchar(1000)) returns ( LISTA varchar(4000)) as declare variable ADD_LISTA varchar(100); begin FOR EXECUTE STATEMENT SQL_LISTA INTO :ADD_LISTA DO BEGIN IF( LISTA IS NOT NULL ) THEN ...


1

Respondendo sua pergunta de quando o List foi implementado: Adicionado na versão 2.1 Alteado na versão 2.5 Para mais informações você pode ver na documentação do Firebird Esperto ter ajudado 🖖🏻


1

Então vamos lá, primeiro recomendo verificar novamente se retorna algum erro... utilize este comando para saber, estando dentro da pasta com o cmd aberto nela. gfix -v -full caminho_da_base -user nome_usuario -pass senha_usuário Exemplo gfix -v -full C:\Sistema\banco.fdb -user SYSDBA -pass masterkey Caso retorne erro, que é muito provavél, execute esse ...


1

Utilize a construção CASE / WHEN na função de agregação: SELECT CC.CODIGO_PRODUTO AS PRODUTO, GS.GRUPO AS GRUPO, GS.CODIGO_GRUPO AS NOME_GRUPO, SUM( CASE CC.TIPO_NATUREZA WHEN "C" THEN CC.VALOR WHEN "D" THEN -1*CC.VALOR END) AS TOTAL FROM LANCAMENTOS CC INNER JOIN GRUPO GS ON GS.CODIGO_GRUPO = CC.CODIGO_GRUPO GROUP BY PRODUTO, GRUPO, NOME_GRUPO;


1

Assim você trará todos os códigos que deve deletar: SELECT c1.* FROM CADCLI c1, CADCLI c2 WHERE c1.CODIGO > c2.CODIGO AND c1.CNPJ = c2.CNPJ;


1

Depois de apanhar muito eis a solução que obtive, atendeu minha necessidade de maneira satisfatória. Antes do programa criar o Form1 é solicitado ao usuário selecionar o arquivo do banco de dados, logo o programa consegue obter o caminho do arquivo. Criei uma função(SelectBDpath) para obter o caminho do arquivo e na sequencia chamei a função e apliquei ...


1

Tem como salvar o texto de um RichEdit formatado em qualquer banco de dados ou arquivo. Para salvar em banco de dados, você preferencialmente deve utilizar o tipo de campo Blob. No Firebird, existe o Blob Text e o Blob Binary. Para este caso, utilize o Blob Binary. Veja a seguir o código para salvar o conteúdo de um TRichEdit em um TBlobField utilizando ...


1

Talvez o uso do SET TERM (Instruções set term) solucione seu problema. create procedure My_Proc as begin SET TERM ^; if(not exists(select * from alunos where nome = 'Mateus')) then insert into Alunos (Matricula, Nome, Idade, OBS) values (6, 'Mateus', 5, 'É terrível'); end ^


1

Consegui resolver o problema acrescentando os campos da tabela que desejo trazer os resultados. O código ficou assim; //Instruções SQL $sql = " SELECT **FUNCIONARIOS.NOME, FILIAIS.CNPJ, FUNCIONARIOS.COD_FUNCIONARIO, ENDERECOS_CADASTRO.LOGRADOURO, ENDERECOS_CADASTRO.CONTATO, ...


1

O problema pode estar na atribuição do parâmetro de data. No Firebird o padrão de data é mm/dd/yyyy então... IBQuery2.ParamByName('Data_Inicial').Value:= FormatDateTime('mm/dd/yyyy', strtoDate(EdDataIni.Text)); IBQuery2.ParamByName('Data_Final').Value:= FormatDateTime('mm/dd/yyyy', strtoDate(EdDataIni.Text)); Lembre-se que esta data deve estar entre aspas ...


1

Pode sempre tentar da forma abaixo: SELECT TT.produto , TT.matricula , TT.data , TT.fornecedor , TT.contador FROM tb_teste TT INNER JOIN ( SELECT COUNT(1) AS contador , produto , matricula FROM tb_teste ...


1

Nesta parte precisa de um ajuste: while not IBQuery2.eof do begin WriteLn(arquivo); IBQuery2.Next; end; para: while not IBQuery2.eof do begin vTexto := IBQuery2.FieldByName('NOME_CAMPO_1').AsString + ';' + IBQuery2.FieldByName('NOME_CAMPO_2').AsString WriteLn(arquivo, vTexto); IBQuery2.Next; end;


1

Não vejo riscos na utilização de string no lugar de params. Porém vejo benefícios na utilização de parâmetros, especialmente se seu sistema é ou algum dia será multibanco. Isso devido o FireDAC já alterar por exemplo um parâmetro de data para o formato aceito pelo banco conectado. Se desejar continuar usando params, para solucionar a questão do IN, vc pode ...


1

Utilizamos aqui Firebird também, e te asseguro que não existe risco, até porque tudo se trata de string pura que somente mais tarde será processada pelo banco de dados. FDconsult.SQL.Clear;{Dependendo do componente é ..SQL.SelectSql.Clear} FDconsult.SQL.Add('SELECT * FROM PED1A WHERE ID_LOJA IN (' + consulta + ')'); FDconsult.Open; Da na mesma. Por ...


1

Podes usar o list()|: SELECT T1.ASO_ID, T1.RIS_ID, T3.RGR_GRUPO, LIST(T4.RIS_RISCO, ', ') FROM ASO_RISCOS T1 INNER JOIN GRUPO_RISCOS T2 ON (T1.RIS_ID = T2.RIS_ID) INNER JOIN RISCO_GRUPO T3 ON (T2.RGR_ID = T3.RGR_ID) INNER JOIN RISCOS T4 ON (T2.RIS_ID = T4.RIS_ID) WHERE T1.ASO_ID = :ASO_ID GROUP BY T1.ASO_ID, T1.RIS_ID, T3.RGR_GRUPO ORDER BY ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam