O Enterprise Service Bus (ESB) se refere à arquitetura de construção de software tipicamente implementado em tecnologias encontradas na categoria de produtos de infra-estrutura de middleware. Normalmente baseado no reconhecimento de padrões, que fornecem uma base de serviços para arquiteturas mais complexas via um driver de evento e padrões baseados em mensagens (BUS). Se a dúvida não for sobre o "ESB", não use esta tag.

O Enterprise Service Bus (ESB) se refere à arquitetura de construção de software tipicamente implementado em tecnologias encontradas na categoria de produtos de infra-estrutura de middleware. Normalmente baseado no reconhecimento de padrões, que fornecem uma base de serviços para arquiteturas mais complexas via um driver de evento e padrões baseados em mensagens (BUS).

Arquitetura ESB

A palavra "bus" é a referência para o meio físico que carrega bits entre dispositivos em um computador. O ESB serve a uma função análoga a alto nível de abstração. Em uma arquitetura empresarial fazendo uso de um ESB, uma aplicação irá comunicar via barramento, que atua como um message broker entre aplicações. A principal vantagem de com uma aproximação é a redução de conexões ponto a ponto necessárias para permitir a comunicação entre aplicações. Isto por sua vez afeta diretamente na simplificação das mudanças de sistema. Por reduzir o número de conexões ponto a ponto para uma aplicação específica, o processo de adaptar um sistema às mudanças em um de seus componentes torna-se mais fácil.

Referencias Bibliográficas:

  • Enterprise Service Bus: Theory in Practice – July 2, 2004 by David Chappell.