Respostas interessantes marcadas com a tag

9

Como eu descobri uma maneira de fazer isso, vou postar como resposta à minha própria pergunta. Ainda assim, estou aberto a mais respostas. Inclusive vou utilizar uma abordagem de uma dimensão e caso se encontre soluções adequadas a múltiplas dimensões eu as olharei com prazer e possivelmente dou o acerto para uma resposta diferente da minha. Só lembrando ...


8

Ok. Sua pergunta é interessante, mas na verdade tem mais de um assunto nela. Vou dividir a resposta em duas partes. Geração Procedural de Conteúdo Como o colega @Bacco já explicou nos comentários, o conjunto de técnicas utilizadas na criação de cidades, planetas, labirintos, plataformas, música (sim, até música!), enfim, qualquer tipo de "conteúdo" em um ...


6

Engine neste contexto pode ser um framework, uma biblioteca, um conjunto de ferramentas, um SDK, ou seja, softwares que estão disponíveis para desempenhar uma tarefa específica e que fora desenvolvido, provavelmente, por especialistas. O desenvolver provavelmente tratará como SDK ou algo semelhante quando está desenvolvendo. Mas quando estiver rodando não ...


5

Engine é como se fosse um motor com suporte a varias funções especificas para cada tipo de uso no caso do Razor como citado é uma engine View que trabalha com modo gráfico HTML e CSS, as engines são feitas para facilitar a vida em geral de um programador trazendo com ela funções pré-programadas facilitando seu uso no dia a dia. Existem vários tipos de ...


4

Falta um UNSIGNED em brinquedo_categoria_id já que na tabela original foi definido SERIAL, que também não pode ser negativo.


3

Se entendi corretamente sua pergunta, como você já realiza os cálculos utilizando sua própria classe HTransform em vez de utilizar as funções clássicas do OpenGL clássico gltranslatef(), glRotatef() , glScalef() e etc. Então, basicamente, para que você possa mover, redimensionar e rotacionar um objeto utilizando sua matriz, antes você deve carregá-la no ...


3

Uma gratuita e boa é o Unity 3D, ele compila para praticamente todas platoformas e sim, possui versionamento. É possivel programar os código em C# ou javascript além disso o help deles é muito bom, com ele você já consegue entender bastante das funcionalidades. Na internet existe bastante material também. Agora se você quer algo menos robusto e mais fácil ...


2

Solucionei o problema de outra forma. Primeiro pare o serviço do banco de dados por meio do Startup/Shutdown Depois acesse a opção Options File Na tela do Options File na aba General temos a segunda opção federated desabilitada. Habilite o check box e informe o valor de ON no campo a frente. Após isso clique em apply e depois apply novamente na nova ...


2

Segundo essa resposta do SOen o arquivo alterado deve ser o my.ini da pasta: C:\ProgramData\MySQL\MySQL Server 5.6, para ativar o engine federated Pare o serviço do mysql. Abra o my.ini adicione uma nova linha com o conteúdo federated logo a baixo da seção [mysqld]. Inicie o serviço novamente e execute a consulta: show engines. O resultado deve ser algo ...


2

À primeira vista, existe uma particularidade na ordem em que você está aplicando duas transformações: m_WorldTransform.translate(m_WorldPosition); m_WorldTransform.scale(m_WorldScaling); Se você mover primeiro, e redimensionar depois, a translação acabará sendo afetada pelo redimensionamento. Por exemplo, se você mover +10 no eixo X, e depois ...


2

Isto é português de Portugal. Por defeito seria por default, ou por padrão como costumamos usar no Brasil. É o valor que será usado na falta de um determinado valor explicitamente no momento que ele será usado. Então se é o MyISAM na maioria dos casos que deseja usar é o mais correto. Se quase sempre quer usar o InooDB então seria interessante mudar, mas ...


1

Após uma pesquisa um pouco mais aprofundada, encontrei uma solução para o problema. Se fazia necessário desabilitar temporariamente o modo estrito, utilizando set session sql_mode = 'No_engine_substitution'; Após isso, foi necessário atualizar os valores 0000-00-00 para Null, e então, realizar a alteração para InnoDB.


1

Pelo que percebi, o suporte para os chamados plugins foi descontinuado no rails 4. No entanto ao criar um novo engine isso é transparente. No entanto o que se faz ao gerar um novo engine é na verdade criar uma gem. No guide já tem um tutorial a explicar os passos todos para criar um engine em rails 4. http://guides.rubyonrails.org/engines.html


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam