Estamos recompensando usuários que escrevem perguntas & reputações serão recalculadas! Saiba mais.

O calendário gregoriano é o calendário civil internacional de facto, além de ser atualmente o calendário oficial da maioria dos países (há países que possuem outros calendários oficiais, como o Etíope, Hebraico, Hindu, etc, mas adotam o calendário gregoriano para uso civil). Veja mais em http://pt.wikipedia.org/wiki/Calend%C3%A1rio_gregoriano.

O calendário gregoriano foi promulgado pelo Papa Gregório XIII em outubro de 1582, substituindo o calendário juliano, que havia sido instituído pelo imperador romano Júlio César por volta de 46 A.C.

O calendário juliano considerava anos bissextos a cada quatro anos e isso causava um desvio nos anos, reduzindo sua duração a cerca de 0,0075 dias em média. Ao longo dos séculos esta diferença foi se acumulando e percebeu-se que este calendário estava com uma diferença de cerca de 10 dias se comparado à realidade. Esta diferença era notada sobretudo em datas especiais, como os equinócios da primavera e do outono.

O calendário gregoriano foi criado com o intuito de corrigir esta diferença, definindo que anos bissextos são aqueles divisíveis por quatro, exceto os que são múltiplos de 100 e não são múltiplos de 400. Então 2016 é um ano bissexto, pois é divisível por 4 (e não é divisível por 100). Já o ano 1900 não é bissexto porque é múltiplo de 100, mas não de 400. O ano 2000, por sua vez, é bissexto por ser múltiplo de 100 e de 400.

A mudança de calendários foi instituída no dia 4 de outubro de 1582, e por isso ele foi seguido diretamente pelo dia 15 de outubro de 1582 - os dias entre 5 e 14 foram "pulados" para corrigir a distorção causada pelo calendário juliano.

Um detalhe é que nem todos os países adotaram este calendário ao mesmo tempo. A Grécia, por exemplo, só adotou o calendário gregoriano em 1923, então datas históricas costumam ser ambíguas, pois depende de qual calendário estava sendo usado em cada lugar, em cada época.

histórico | histórico do fragmento