Respostas interessantes marcadas com a tag

5

Basta forneça um array para o método axios.all. Depois utilize o método axios.spread, que converte um array para múltiplos argumentos. $npm install axios axios.all([ axios.get('https://api.tuuris/cities'), axios.get('https://api.tuuris/expenses') ]).then(axios.spread((citiesRes, expensesRes) => { this.cities = citiesRes.data ...


5

Eu criei minha própria função para retry: /** * Try to request the following URL using the maximumRetry option * * @param {string} url - The URL to connect * @param {object} options - The options to pass to axios * @param {number} attempt - The current attempt number * @param {number} delay - The time in milliseconds to wait before request * * @...


5

A maneira correta não é colocar uma div dentro do catch, mas sim mudar o state para que essa div seja mostrada... Assim no catch usa: componentDidMount() { axios.get(API_ListaEmpresa) .then(response => { this.setState({ lista: response.data }); console.log(response.message) }) .catch(error => { this....


5

É impossível esconder HTML, CSS ou JavaScript do cliente. O máximo que você pode fazer é usar ferramentas de minificação (conforme sugerido pelo @Costamilam) ou obfusfação. Mesmo assim, se o código está no cliente, nenhuma dessas opções é realmente efetiva para esconder o código, já que se uma pessoa realmente quiser ver como funciona o código, ela irá ...


4

O problema é que this no contexto dessa função de callback não é mais a sua instância do Vue. Você pode usar uma arrow function: .then( res => { console.log(res); console.log(res.data.results); this.pokemons = res.data.results; }); Ou guardar uma referência à instância do Vue antes: buscaPokemons: function(){ var vm = this; axios....


4

No caso, como disse nos comentários, eu geralmente salvo o token do JWT no localStorage. Primeiramente sobre o bloqueio de rotas, eu costumo bloquear toda e qualquer requisição criando um interceptor no axios. Para isto, pode-se criar um arquivo js como, por exemplo um http.js que faz esse controle de requisições e intercepta-as verificando se o usuário ...


4

É necessário habilitar o CORS no lado na API que você está querendo utilizar. HTTP access control (CORS)


4

Gabriel você precisa fazer um map dentro de outro apenas isso, vc já está com os dados na mão só percorrer ! Criei uma lista para vc ver como é simples !! var lista = [{ "ax_cnpj" :223132123, "lista_departamento":[{ "ax_desc_dept": "Pesquisa e Desenvolvimento" }] }]; ------------------------------------- Aqui acessando a lista -------------------- ...


4

No Node.js vamos usar um middleware para tratar de arquivos para o tipo 'multipart/form-data'. Eu utilizo o multer. Para o app.js: const multer = require("multer"); ... ... let upload = multer(); // Esta e a rota a ser usada pelo 'axios': http://localhost:3000/image-upload. // O campo 'fileimage' sera a chave que o multer ira procurar pelo ...


4

Não... Se você precisa passar todos esses dados do cliente pro servidor afim de cadastrar o usuário (ou fazer qualquer outra coisa), o cliente, em algum momento, vai precisar desses dados, não tem como deixar oculto dele ou remove-los (se remover, o servidor não irá recebe-los) O mesmo vale pro código JavaScript, o cliente precisa de todo esse código para ...


3

Se GetAll é uma função ela precisa de ter um return. Neste momento assim como está a função não retorna nada... quando deveria retornar uma Promise. Adiciona um return aqui: var GetAll = function () { return axios.all([ Repara ainda que para consumires o resultado de uma Promise tens de usar o then. Assim o resto do código tem de estar dentro de um then....


3

Caso queira aplicar o async no código do mounted você pode faze-lo da seguinte forma: ... async mounted() { try { let response = await axios.get('http://localhost:8080/wp-json/api/v1/skills'); this.skills = response; } catch(e) { console.error(e); } } ... Funções assíncronas A declaração async function define uma função assíncrona, ...


3

Isso é simples, basta você declarar assim <script> export default{ data(){ return{ checkbox: [] } }, methods: { api(){ axios.get('http://localhost:6000/API/Lojas', { params: { deletado: this.checkbox // Se for falso sera ...


3

A documentação explica como usar/criar plugins, mas basicamente funciona assim: Para utilizar um plugin você precisa "instalar" ele na sua instância usando o método Vue.use(). Este método global vai chamar o método MeuPlugin.install() quando um plugin for instalado (veja no código fonte do Vue.js). Então a explicação mais simples é que o método install ...


3

Você não esta exportando a função autenticacao. Use ... export function autenticacao(email, senha) {


3

Esse serviço que você está tentando acessar é externo, portanto não tem como configurar o CORS dele na sua aplicação. O que você pode fazer é uma rota no seu backend que acessa esse serviço, por exemplo: Route::get('address/{cep}', 'Api\v1\AddressController@cepSearch'); E somente um exemplo para se ter ideia de como fazer, sem nenhuma tratativa de erro ...


3

Você não está esperando a resposta da requisição chegar antes de tentar mostrar os dados. Tente assim: axios.get(this.api_url(this.dom.value)).then((resposta)=>{ this.objCep.setEndereco(resposta.data.cidade, resposta.data.bairro, resposta.data.logradouro) this.view.update(this.objCep); });


3

Você está enviando cases_ids: caso.id, sendo que caso.id não existe no escopo da função e pode enviar esse id por parâmetro para função, assim: <button onClick={() => handleInsc(caso.id)} e alterar o método para: async function handleInsc(id) { e na hora de enviar o ID para o back-end, coloca ele no corpo da requisição assim: cases_ids: id


2

Basta criar o arquivo com o Blog e passando o mime type. Depois abra um novo link passando a url encodada. Você também pode utilizar o link criado em itens do tipo a e iframe. axios.get('/server/pdfs') .then(function(response) { var blob = new Blob([response.data], { type: 'application/pdf' }); var url = window.URL.createObjectURL(blob)...


2

O problema é com o CORS, só consegui resolver o problema dessa forma: var cors = require('cors'); app.use(cors({origin:true,credentials: true})); E também setando os headers: app.use(function (req, res, next) { res.header('Access-Control-Allow-Credentials', true); res.header('Access-Control-Allow-Origin', req.headers.origin); res.header('...


2

Esse método getAll chama uma promise e o setState tem de ser chamado dentro do then para ser encadeado na natureza assíncrona desse axios.get. Assim o código deve ser: .then(res => { this.setState({list: res.data}); }); Podes ler mais sobre encadeamentos assíncronos aqui (link).


2

Não deves usar computed dessa maneira, o computed é ideal para lógica síncrona e deve ser uma função pura. Usa o watch para seguir mudanças em turmas_checked e com imediate: true para correr o watcher quando o componente monta. O código poderia ficar assim: <template> <div> <ul> {{ modulos_encontrados }} </ul> <...


2

Vou tentar ajudar com base no que eu entendi e as suas respostas no comentário. Há alguns detalhes que podem estar influenciando o seu problema. 1. data () sempre deve ser uma função e ela deve retornar um objeto; O seu código está assim: data() { accounts: [] }, Quando deveria estar assim: data () { return { accounts: [] } }, Ou assim: ...


2

Acredito que seja por causa da ordem que você está passando os argumentos para o Axios. Se você olhar a API, vai ver que a chamada do put é da seguinte maneira: axios.put(url[, data[, config]]) Ou seja, sua chamada deveria ser: Axios.put(`${this.state.url}/api/user/{${this.state.selectedOption}}`, body, header) .then(...) .catch(...)


2

A sigla Ajax em português significa JavaScript e XML Assíncronos. De forma bem resumida, trata de requisições http sem a necessidade de refresh. Em outras palavras qualquer aplicação que use AJAX pode enviar e receber dados do servidor sem precisar recarregar a página inteira. Perceba que AJAX está mais pra um conceito, que é implementado pelo JQuery. ...


2

Esse erro está acontecendo por um erro de sintaxe. Ao se criar uma instancia do AXIOS, você deveria estar usando a propriedade baseURL, não baseUrl. Outra melhoria que você poderia fazer no código é adicionar um bloco try/catch, pois do jeito que está, quando uma requisição falha, o único erro que você irá receber é que uma exceção foi lançada e não foi ...


2

for (let repo in repos) { elementLi = document.createElement('li') var textItem = document.createTextNode(repos[repo].name) elementLi.appendChild(textItem) list.appendChild(elementLi) } Além da variável que você estava sobrepondo, o seu repo no for retorna um array e você tem que passar o índice: repos[repo].name.


2

Não entendi muito bem, mas pq vc joga isso em um array se é um unico objeto ? Se forem diversos objetos em um array, não tem como pegar usando user.name Se for um unico objeto retornando,vc nao precisa declarar esse estado como array. Se for um unico objeto, tenta assim para ver se vai: { user && user.name }


2

Bastante pessoas vem com a mesma duvida, no seu caso na props a informação não tem um estado local então o seu código no array do useEffect pode ser sem nenhum item, para que o mesmo seja executado na criação do componente, exemplo: import React, { useState, useEffect } from 'react' import api from '../../services/api' function User(props) { const [...


2

O Preflight indica quase sempre o que não foi configurado adequandamente, a sua propria mensagem: ... It does not have HTTP ok status. O HTTP ok se refere ao código 200 do HTTP, significa que quando enviou uma resposta pra requisição inicial em OPTIONS não foi enviado com código 200, provavelmente com outro código e provavelmente mesmo não sendo POST e ...


Apenas as respostas wiki não pertencentes à comunidade mais votadas e de um tamanho mínimo se qualificam