Atributos podem ser usados para definir a estrutura de uma classe em OO. Atributos são também, as informações adicionais colocadas nas tags de início em HTML, consistindo em duas partes: nome e valor do atributo

Decoração de código

É usado para indicar uma característica de uma parte do código, pode ser um campo, método, tipo, ou outros elementos de código. Há quem chame de anotação.

Fonte.

HTML (Hyper Text Markup Language)

A tag de início pode conter informações adicionais, como no exemplo precedente. Tais informações são chamadas de atributos. Atributos normalmente consistem de duas partes:

  • Um nome de atributo;
  • Um valor de atributo.

Alguns poucos atributos podem ter apenas um valor. Eles são atributos booleanos e podem ser abreviados especificando-se somente o seu nome ou deixando o seu valor em branco. Assim, os seguintes 3 exemplos têm o mesmo significado:

<input required="required">

<input required="">

<input required>

Valores de atributos que consistem em uma única palavra ou número podem ser escritos imediatamente após o sinal de igualdade (=), dispensando-se o uso de aspas, por outro lado, se o valor for constituído por duas ou mais palavras, o uso de aspas é obrigatório. Tanto aspas simples (') como aspas duplas (") são permitidas. Muitos desenvolvedores optam sempre pelo uso de aspas, de forma a deixar o código menos ambíguo e para evitar erros. No seguinte exemplo comete-se um erro:

<p class=foo bar>

(Cuidado, isso provavelmente não significa o que você acha que significa.)

Neste exemplo, o valor deveria ser "foo bar", mas como não se usou aspas no código, é interpretado como se fosse:

<p class="foo" bar="">

Fonte.

Orientação a objeto

Controversamente algumas pessoas dizem que o atributo é o mesmo que um campo. Há diversas contestações nisto. Provavelmente a informação errada foi disseminada por erro de interpretação de texto ambíguo.

Fonte.

histórico | histórico do fragmento