Activity é um componente que fornece uma interface gráfica(UI), para permitir que o usuário interaja com a aplicação.

Activity é um componente que fornece uma interface gráfica(UI), para permitir que o usuário interaja com a aplicação.

Geralmente um aplicação tem mais de uma Activity, sendo aquela que aparece ao iniciar considerada como principal.

A aplicação disponibilizará uma qualquer forma de navegação para permitir ao usuário "saltar" entre Activities, para executar cada uma das ações/atividades do aplicativo.

Durante a navegação, o Android mantém uma pilha de Activities já abertas, permitindo, usando o botão "Voltar", retornar à Activity anterior.

Quando uma Activity é interrompida, devido ao início de uma nova, ela é notificada acerca dessa alteração de estado por meio de métodos de retorno de chamada do LifeCycle(Ciclo de Vida) da Activity.

Todas as atividades no Android estão sujeitas a um Ciclo de Vida. Esse ciclo executa o trabalho de notificação da Activity quando determinados eventos ocorrem, permitindo que a aplicação responda adequadamente, se necessário. Isso acontece a partir do momento em que uma atividade é iniciada onCreate() até que a atividade seja eliminada onDestroy().

Devido à imposição do Ciclo de Vida, em todas as atividades, é muito importante estar ciente de quando e quais métodos são chamado, como alguns deles podem afetar a estabilidade da aplicação se não usados corretamente. Cada método tem seus próprios argumentos para processamento e muitos são repetidos ao longo da vida da Activity.

O Ciclo de Vida consiste nos seguintes métodos:

A implementação mínima requer:

  • Herdar da classe Activity, ou de uma sua sub-classe (ActivityCompat por exemplo).
  • Sobrescrever o método onCreate(), onde deve ser usado SetContentView() para indicar o Layout a utilizar.
  • Declarar a Activity no AndroidManifest.xml, utilizando a etiqueta <activity>

Documentação Android:

histórico | histórico do fragmento