1

Detalhes: Tenho uma aplicação onde:

  1. Tenho uma requisição AJAX com JQuery acionada todas as vezes que novos usuários são inseridos passando os dados necessários para um arquivo PHP que os recebe via POST e cria um arquivo JSON com estes dados.

  2. Os dados do arquivo JSON, serão interpretados com linguagem C usando libjson para que depois sejam armazenados no banco de dados sqlite.

Pergunta: Como fazer com que a linguagem C fique "esperando" e crie um aviso quando este novo arquivo for gerado para que uma outra função C possa pegá-lo automaticamente e jogar no segundo processo?

  • 2
    Em linguagem C nao podes fazer isso eficientemente. O que podes fazer 'e usar outros mecanismos de deteccao de ficheiro novo e, com esses mecanismos, executar um programa compilado de C. Acho que a tua melhor solucao passa por fazeres o PHP que recebe o POST executar o programa pre-compilado. – pmg 17/11/15 às 15:02
  • 3
    caso você esteja no Linux, isso pode te ajudar: (stackoverflow.com/questions/18692134/…) ou (unix.stackexchange.com/questions/24952/…) – cantoni 17/11/15 às 15:08
  • Porque o banco de dados tem que ser acessado com a linguagem C? – lys 17/11/15 às 15:54
  • @MYS, o site também está sendo escrito em linguagem C com auxílio do Mongoose, o banco de dados também. (A linguagem é uma exigência de quem solicitou o projeto pela sua eficiência quando se trata de softwares embarcados) – lys 17/11/15 às 15:59
3

Vou assumir que você está lidando com ambiente linux. Aqui tem uma implementação muito interessante para esse problema: File Events Notification

Basicamente uma thread é criada para monitorar um diretório enquanto um processo fica rodando mantendo-a viva. Repare que a thread pode "ouvir" vários estados diferentes. Sendo estes:

  • FILE_ACCESS: Arquivo/Diretório monitorado foi acessado
  • FILE_MODIFIED: Arquivo/Diretório monitorado foi modificado
  • FILE_ATTRIB: Arquivo/Diretório monitorado teve um atributo alterado
  • FILE_NOFOLLOW: Não seguir links simnólicos
  • FILE_DELETE: Arquivo/Diretório foi deletado
  • FILE_RENAME_TO: Arquivo/Diretório foi renomeado
  • FILE_RENAME_FROM: Arquivo/Diretório foi renomeado
  • UNMOUNTED: Arquivo/Diretório foi desmontado
  • MOUNTEDOVER: Arquivo/Diretório foi montado

Acredito que esses eventos já resolvem seu caso. No código o tratamento para cada evento foi via if e else, mas sugiro que se crie um switch para facilitar a manutenibilidade.

  • Rhuan Karlus, interessante: não conhecia esta biblioteca (+1). Vou espreitar. – JJoao 17/11/15 às 17:22
2

Se for em linux: nestas situações eu costumo usar a biblioteca inotify. Existe interface inotify para várias linguagens de programação. (ver man inotify para obter informação sobre o interface C).

Abaixo, segue um exemplo em Perl que fica à espera que alguém crie um ficheiro na pasta "Dir" e chama um comando (por exemplo o teu programa que arruma na base de dados) quando isso acontece.

#!/usr/bin/perl

 use Linux::Inotify2;

 my $inotify = new Linux::Inotify2 or die "unable to inotify: $!";

 $inotify->watch ("Dir", IN_CREATE, # ... IN_MODIFY,
    sub { my $e = shift;
          my $name = $e->fullname;
          system("ls -la '$name'");             ##  ==> chamar o teu programa C
          print "$name was created\n" if $e->IN_CREATE; }
    );

 1 while $inotify->poll;

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.