0

Tenho um método no meu Webservice que lança uma exceção caso o código do cartão já esteja em uso, ou seja, ao tentar liberar o acesso o sistema verifica se ele já está em uso e retorna a Exception.

Código no Webservice

... 
try
{
    if(ListaCartoes.Any(c => c.Codigo == cartaoParaAcesso)
       throw new Exception("CARTÃO JÁ ESTÁ EM USO");
}
catch(Exception ex)
{
  throw new ErroLiberacaoDeAcesso(ex.message);
}

Código no Cliente

...
try
  {
      Webservice.LiberaAcesso(informacoesAcesso);        
  }
  catch(Exception ex)
  {
       MessageBox.Show(ex.message);
  }

Código classe ErroLiberaAcesso:

 [Serializable()]
    public class ErroLiberaAcesso: Exception
    {
        public ErroLiberaAcesso() : base()
        { }

        public ErroLiberaAcesso(string message) : base(message)
        { }

        public ErroLiberaAcesso(string message, Exception innerException) : base(message, innerException)
        { }

        protected ErroLiberaAcesso(SerializationInfo info, StreamingContext context) : base(info, context)
        { }
    }

Erro que está retornando:

exception = {"System.Web.Services.Protocols.SoapException: O servidor não pôde processar a solicitação. ---> Pca_Webservice_V2.ErroLiberacaoDeAcesso: NÚMERO DE CARTÃO EM USO\n

Ou seja, não é somente a mensagem "NUMERO DE CARTÃO EM USO" que está retornando. O que posso fazer neste caso ?

  • 1
    Seria interessante você lançar somente a sua exception e trabalhar com a mesma não? – Shura16 12/11/15 às 13:33
  • 1
    Não há necessidade de lançar um nova Exception para capturá-la e lançar a sua ErroLiberacaoDeAcesso. Convenciona-se utilizar o sufixo Exception nas exceções. Se você quer pegar apenas a mensagem tem que encapsular num try/catch e devolver apenas a mensagem da exceção. – MFedatto 12/11/15 às 13:41
  • 1
    Como o MFedatto disse, não precisa usar try/catch no seu WebService. Use apenas o if ... e dentro dele lance sua exception throw new ErroLiberacaoDeAcesso("Mensagem de erro"); – Shura16 12/11/15 às 13:52
  • 1
    Se quer somente a mensagem retorne somente a mensagem e não Exception. – Shura16 12/11/15 às 14:00
  • 1
    @JcSaint as Exceptions são exceções à regra. Não há nada de errado em utilizar exceções para tratar validação de negócio, mas seria interessante você utilizar um tipo específico para exceções de negócio, como public class BusinessException : Exception e no seu try/catch você verifica os dois tipos de exceção: try { Foo(); } catch (BusinessException ex) { Console.WriteLine(ex.Message); } catch (Exception) { throw; }. – MFedatto 13/11/15 às 11:14
1

Pelo que entendi você tem uma regra de negócio e não uma situação excepcional. Então não deve usar este mecanismo. A última coisa que você deve fazer nesse caso é substituir um if simples por um catch complexo.

Antes de usar um recurso da linguagem, entenda para que ele serve.

Principalmente da maneira como está fazendo onde gera uma exceção geral, em seguida a captura, o que não faz o menor sentido em fazer isso (é o pior abuso de exceção que eu já vi) e depois lançar uma outra que tem um nome equivocado (deveria ser LiberaAcessoException). Mas o nome nem é o problema, é sua existência e o seu uso. Se é regra de negócio, trate no fluxo normal do sistema, gerando um retorno que informe a situação.

Então o webservice ficaria mais ou menos assim:

 //faz o que tem que fazer aqui (se é que tem algo mais)
 return ListaCartoes.Any(c => c.Codigo == cartaoParaAcesso)

No cliente:

if (Webservice.LiberaAcesso(informacoesAcesso)) {
    //faz algo aqui se tiver que fazer
} else {
    MessageBox.Show("CARTÃO JÁ ESTÁ EM USO");
}

Se tiver outros motivos de erros na regra de negócio, pode mudar um pouco a lógica. Neste caso provavelmente criaria uma classe para encapsular as informações de erro e enviaria ela como retorno, ao invés de um booliano.

Essa classe seria muito parecida com uma exceção, mas não seria uma, evitando os desvios longos (goto na sua pior forma) e imprevisibilidade da ação, sem falar na lentidão e a possibilidade de uso errado do mecanismo, como ocorre (note que o código atual está dizendo que o cartão já está em uso mesmo se tiver um erro de programação ou outra falha no sistema, como o System.Web.Services.Protocols.SoapException).

Se a classe é algo exagerada para você, retorne outra forma de código/mensagem conforme eu demonstro em outra pergunta.

Fazendo o certo talvez descubra outros problemas no seu código que nem imaginava porque estava usando o recurso de um jeito errado.

  • Neste caso eu terei que criar um método para cada regra de negócio no webservice, ou seja, um método para verificar se cartão está em um, um método para verificar a validade, um método para verificar se o número do cartão está correto ? E do lado do cliente usar um if para cada verificação também ?! – JcSaint 12/11/15 às 15:18
  • Provavelmente, mas isto é uma questão de organização. Claro que pode usar um só. Depende do que precisa. Seu código não deixa claro nada disto, então não posso falar de forma específica. Aí a verificação pode usar um ou vários ifs, depende de como você vai fazer. Na verdade segue o mesmo esquema da exceção. Se você precisa de vários catchs, precisará de vários ifs, se iria usar apenas um catch, então dá para usar apenas um if. A única diferença entre um e outro é que no ifvocê sabe quando ele será executado, com o catch, você não sabe. E causa o problema relatado na pergunta. – Maniero 12/11/15 às 15:24

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.