1

Estou tentando escrever um código que baixe a serie histórica de preços de ações do yahoo finance, depois preciso separar os dados. Quero que cada variável receba o nome da ação.

Por exemplo: Estou baixando os dados da Petrobras, então queria que ficasse assim: Volume_PETR4, Minimo_PETR4 e etc..
Porem não estou conseguindo atribuir os valores a essas variáveis, aqui esta o que fiz ate agora.

def desmenbrando_dados(acao,date1,date2, nome):
    pegando_acoes(acao,date1,date2,nome)
    globals()['volume_%s' % nome] = []
    globals()['minimo_%s' % nome] = []
    globals()['maximo_%s' % nome] = []
    globals()['abertura_%s' % nome] = []
    globals()['fechamento_%s' % nome] = []
    globals()['volume_teste'] = []
    for i in serie:
        vol = int(i['Volume'])
        volume_%s.append(vol) 
        maxi = float(i['High'])
        maximo_%s.append(maxi)
        mini = float(i['Low'])
        minimo_%s.append(mini)
        openn = float(i['Open'])
        abertura_%s.append(openn)
        close = float(i['Close']) 
        fechamento_%s.append(close)
  • 1
    Creio que não podes usar o caracter "%" numa variável. – Rui Lima 3/11/15 às 11:21
  • existe alguma necessidade em fazer desse jeito? Recomendo que crie uma classe ou até mesmo um dicionário para lidar com isso. – ppalacios 3/11/15 às 15:22
  • 1
    @jsbueno muito obrigado pela ajuda, vc n so me respondeu a minha duvida como tambem me deu ideias melhores – Pedro 6/11/15 às 1:32

1 Resposta 1

2

Em Python, a separação de o que é dado (strings de texto, por exemplo) e o que é código é bem rígida - o que a diferencia de PHP, Perl e Shel Script.

Então, você pode criar nomes dinâmicos de variáveis, como faz - mas perceba que o nome é passado em uma string: globals()['volume_%s' % nome] = [] (O operador % com duas strings cria uma outra string que é usada como chave no dicionário global)

Assim volume_%s.append(vol) é simplesmente errado. Por coincidência não chega a ser um erro de sintaxe: a linguagem vai tentar usar o operador % com as variáveis volume_ e s, e você deve ver um NameError (por que a variável volume_ sem nada não existe).

Então, para fazer funcionar o que você quer, seria só acessar as variáveis da mesma forma que você as criou, como chaves no dicionário global. Para Não ter que ficar repetindo globals() em cada linha, você pode atribuir esse dicionário a uma variável curta:

g =  globals()
g['volume_%s' % nome] = []
...
for i in serie:
    g['volume_%s'% nome].append(int(i['Volume'])) 

E essa é a resposta para a sua pergunta. Agora um conselho de boas práticas, que deve ter se tornado bem visível a essa altura: Você deveria usar variáveis para nomes que você conhece quando está codificando e tem função fixa - e usar dicionários para nomes que vai receber dinamicamente.

Nesse caso, por exemplo, você não ganha nada em guardar os seus dados no dicionário global (o dicionário que é retornado por globals()) e um dicionário qualquer que você mesmo crie. (Na verdade, você ganha sim: a chance de sobre-escrever alguma outra variável de forma inesperada com as escritas diretas em globals() e ter um bug bem difícil de depurar).

COm um dicionário 'comum" você pode até guardar todos os seus dados num dicionário em que haja uma chavepara cada nome, e fica mais fácil visualizar e ver seus dados: e só adequar a visualizaçao (ou saida para arquivo) depois:

dados = {}
def desmenbrando_dados(acao,date1,date2, nome):
    dados_locais = dados[nome] = {}
    dados_locais['volume'] = []
    ...
    for i in serie: 
        vol = int(i['Volume'])
        dados_locais['volume'].append(vol) 

Pronto - os dados de todas as séries estarão disponíveis no dicionário -este sim global - de nome fixo "dados". Melhor ainda, você pode fazer a função retornar o dicionário dados_locais e dispense o uso de dados global inteiramente: quem chama o desmembrando_dados se responsabiliza por consolidar o dicionário completo de cada empresa. Em suma, tem várias possibilidades - mas nenhuma em que você vá tirar algum benefício de criar os nomes das variáveis em si dinâmicamente - pelo simples fato de que iria ter que escrever o mesmo código de volta para ler os dados dessas variáveis dinâmicas.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.