12

Como se deve usar ponteiro para ponteiro? Tenho dificuldade em distinguir oque é endereço de memória e valor na memória quando eu tento usar ponteiro para ponteiro, isso me parece misterioso. Alguém poderia me dar uma explicação e um exemplo do uso de ponteiro para ponteiro?

Minha tentativa de implementação de ponteiro para ponteiro:

#include <stdio.h>

int main(void)
{
    //Este código gera um erro. E não exibe o valor da variável "ponteiroDoPonteiro".

    int *ponteiro, **ponteiroDoPonteiro, valor;

    valor = 50;
    ponteiro = &valor;

    *ponteiroDoPonteiro = &ponteiro;

    printf("\n%d", **ponteiroDoPonteiro);

    return 0;
}
  • 6
    Em *ponteiroDoPonteiro = &ponteiro; você não devia usar o * - pois assim você está dizendo que o valor do int** (i.e. um int*) deve ser o endereço de um int* (i.e. um int**). Eu não tenho como dar uma resposta completa no momento, mas uma aproximação razoável é a seguinte: toda vez que você coloca um & na frente o tipo do resultado ganha um * a mais; toda vez que você coloca um * na frente o tipo do resultado fica com um * a menos. :) – mgibsonbr 16/10/15 às 16:40
  • Obrigado pela ajuda. – gato 16/10/15 às 16:51
  • 1
    Vamos dizer que cada célula de memória do computador corresponde a uma casa. Estas casas estão todas organizadas em uma única rua e cada casa tem um número. Este número da casa é o endereço. Dentro de cada casa, existe alguém morando, e este morador (que também é um número) é o valor armazenado. No caso de um ponteiro para ponteiro, temos o número de alguma casa, e ao olhar dentro desta casa, encontramos um morador que é um número. O número que este morador tem representa o número de alguma outra casa que tem algum outro morador. – Victor Stafusa 19/10/15 às 17:01
9

O erro já foi apontado pelo comentário do mgibsonbr. Você não pode armazenar um endereço (quando se usa o & está dizendo para pegar o endereço) como um valor de ponteiro. Você coloca o endereço no próprio ponteiro (lembre-se que *variavel está dizendo que quer o valor apontado pelo ponteiro).

#include <stdio.h>

int main(void) {
    int valor = 50;
    int *ponteiro = &valor;
    int **ponteiroDoPonteiro = &ponteiro; //note que a variável realmente já é um ponteiro
//o que está na posição da memória apontada pela posição da memória de ponteiroDoPonteiro
    printf("\n%d", **ponteiroDoPonteiro);
}

Veja funcionando no ideone. E no repl.it. Também coloquei no GitHub para referência futura.

O ponteiro de ponteiro é muito usado em vetores onde simula várias dimensões, mas o uso mais comum é na simulação de um vetor de strings. Se existisse o conceito de string na linguagem e o array fosse tratado de forma um pouco diferente, seriam raros os casos de uso de ponteiro de ponteiro.

Obviamente pode ter mais níveis, mas é mais raro achar aplicação para ele.

Acho que os detalhes podem ser obtidos em outra resposta aqui no site que remete a outra no SO.

  • Obrigado pela explicação, clareou um pouco. Tinha muita dificuldade de entender este funcionamento de ponteiro para ponteiro. – gato 16/10/15 às 16:54
  • Pela referencia li sobre ponteiro de ponteiro ser o mesmo que array de array, citando string, ate ai tudo bem já tinha pensado nisso, mas não tinha pensado que *****p seria um o mesmo que um array penta dimensional. Interessante. – Guilherme Lautert 16/10/15 às 17:47
7

Um ponteiro é uma variável que guarda o endereço de memória de uma outra variável, ambos do mesmo tipo.

Um ponteiro para um ponteiro consiste em uma variável que guarda o endereço de outra, essa outra por sua vez guarda o endereço da variável que tem um tipo de dado "comum". inserir a descrição da imagem aqui

Na prática o conceito pode ser visto da seguinte forma:

#include <stdio.h>

int main(void)
{
    int *ponteiro, **ponteiroDoPonteiro, valor;
    valor = 50;
    ponteiro = &valor;
    ponteiroDoPonteiro = &ponteiro;
    printf("\nValor de ponteiroDoPonteiro: %p\nEndereço de memoria de ponteiro: %p\nValor de ponteiro: %p\nEndereco de memoria de valor: %p\nValor: %d", ponteiroDoPonteiro, &ponteiro, ponteiro, &valor, valor);
    return 0;
}

O problema do código já foi apontado duas vezes no comentário e na resposta, ao tentar fazer *ponteiroDoPonteiro = &ponteiro; você esta tentado colocar o endereço de ponteiro no valor de ponteiroDoPonteiro, que não existe se o mesmo não aponta para nada.

Tire o * que terás sucesso.

  • Sim eu consegui resolver. Obrigado pela explicação já estou começando a entender melhor o funcionamento de ponteiro para ponteiro. – gato 16/10/15 às 17:03

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.