2

Não se alguém já passou por essa situação, eu tenho application service que realiza saídas de estoque (EstoqueService) diretamente e tenho um application service que realiza o recebimento de vendas (VendasService). Mas no workflow do recebimento de uma venda (VendasService) eu preciso realizar saídas do estoque (EstoqueService).

Eu devo chamar o EstoqueService para realizar essa função de dentro do VendasService?

Ou o client (no meu caso a view) dos services deve chamar o VendasService para realizar o recebimento e depois EstoqueService para realizar a saida? Assim o client teria muito conhecimento do workflow.

Pensei em criar um outro service que encapsule esse workflow e assim o client só precisa chamar o novo service.

Seria esse um caso de comunicação entre Bounded Contexts? No meu caso não estou fazendo distinção entre contextos.

UPDATE

No livro do Vaughn Vernon ele faz referência a um Domain Event Handler que chama outro Application Service que modifica um segundo aggregate.

Talvez esse seja o melhor caminho, desde que eu descubra como criar uma transação nova ao invés de criar uma nested transaction. Ou executar os handlers após finalizar a primeira transação como li nesse artigo http://bartswennenhuis.nl/managing-multiple-transactions-in-one-request-3/

  • 1
    "eu tenho application service que realiza saídas de estoque" - um application service não deveria realizar nenhuma regra de negócio - ele no máximo invoca as regras de negócio. Um application service consumir outro application service é estranho - parece indício de que ele está fazendo coisas demais. Já um domain service consumir outro domain service é natural e não tem problema nenhum nisso. – Caffé 3/12/15 às 18:03

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.