0
#include <stdio.h>
#include <math.h>

void rebeber_matriz (int l,int c)
{
    int M[l][c];
    for (l=0;l<4;l++)
    {
        for (c=0;c<4;c++)
        {
            printf ("Insira o valor do numero da linha: ",l," e da coluna: ",c);
            scanf ("%d",&M[l][c]);
        }
    }
}

int main ()
{

    int l = 3;
    int c = 3;

    receber_matriz(l,c);


    return 0;
}
4

O código tem diversos erros, desde digitação, até lógica errada reaproveitando variáveis que devem ser separadas, passando por erro de sintaxe de chamada de função.

#include <stdio.h>

void receber_matriz(int l, int c) {
    int M[l][c];
    for (int linha = 0; linha < l ; linha++) {
        for (int coluna = 0; coluna < c; coluna++) {
            printf("\nInsira o valor do numero da linha: %d e da coluna: %d", linha, coluna);
            scanf("%d", &M[linha][coluna]);
        }
    }
}

int main() {
    int l = 3;
    int c = 3;
    receber_matriz(l, c);
}

Veja funcionando no ideone. E no repl.it. Também coloquei no GitHub para referência futura.

Se está recebendo o tamanho da matriz por parâmetros, é ele que deve ser usado e não uma valor fixo. Pior ainda ser 4 no exemplo, já que a matriz está sendo criado com 3 elementos. Obviamente o parâmetro não pode ser manipulado, sobe pena de perder seu valor. Tem que criar uma variável auxiliar para fazer o incremento em cada passo.

O printf tem uma sintaxe própria para passar argumentos para a string a ser impressa.

  • Salva pela resposta :) – Jorge B. 14/10/15 às 13:59
0
#include <stdio.h>

void receber_matriz(l, c) {
    int M[l][c];
    for (l = 0; l < 4 ; l++) {
        for (c = 0; c < 4; c++) {
            printf("\nInsira o valor do numero da linha: %d e da coluna: %d", l, c);
            scanf("%d", &M[l][c]);
        }
    }
}

int main() {

    int l = 0;
    int c = 0;

   receber_matriz(l, c);

    return 0;
}

Não é necessário a biblioteca matemática, já que é uma simples entrada.

Entendo que pode-se usar a mesma variável de entrada da função para ler do teclado na matriz.

As variáveis podem ser inicializadas com 0, já que entrarão no for do mesmo jeito. Inicializadas com 0 seria a questão de lógica porque programar não é só escrever código. Poderia até ter valores negativos, mas não seria ideal.

Poderia até usar while para as duas. Seria menor linha de código, mas tem o detalhe de: o for é quando se conhece o fim; o while é para casos de repetição não contáveis ou fim desconhecido.

  • 3
    Quem usa l como variável (sugestão: linha, lin, ou li) está a brincar com o destino :-) – pmg 14/10/15 às 14:43
  • @pmg os professores começam ensinaod assim. Não sei porque, mas não faz sentido. Acho que pode estimular a pensar nome de variáveis, métodos, etc já no inicio da aprendisagem. – André Nascimento 14/10/15 às 14:59

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.