7

Boa tarde pessoal, estou refazendo um sistema e adotei o Laravel 5. Neste sistema tenho vários schemas no banco de dados e a solução que encontrei foi trabalhar com uma conexão para cada schema, da seguinte forma:

'pgsql' => [
            'driver'   => 'pgsql',
            'host'     => env('DB_HOST', 'localhost'),
            'database' => env('DB_DATABASE', 'forge'),
            'username' => env('DB_USERNAME', 'forge'),
            'password' => env('DB_PASSWORD', ''),
            'charset'  => 'utf8',
            'prefix'   => '',
            'schema'   => 'schema1',
        ],

        'pgsql2' => [
            'driver'   => 'pgsql',
            'host'     => env('DB_HOST', 'localhost'),
            'database' => env('DB_DATABASE', 'forge'),
            'username' => env('DB_USERNAME', 'forge'),
            'password' => env('DB_PASSWORD', ''),
            'charset'  => 'utf8',
            'prefix'   => '',
            'schema'   => 'schema2',
        ],

Teria alguma outra forma de fazer isso ?

7

A melhor forma para trabalhar com bancos múltiplos no laravel é desta forma:

No arquivo de configuração você poderá definir todos os drivers a ser utilizado e os bancos:

return array(

'default' => 'mysql',

'connections' => array(

    # Our primary database connection
    'mysql' => array(
        'driver'    => 'mysql',
        'host'      => 'host1',
        'database'  => 'database1',
        'username'  => 'user1',
        'password'  => 'pass1'
        'charset'   => 'utf8',
        'collation' => 'utf8_unicode_ci',
        'prefix'    => '',
    ),

    # Our secondary database connection
    'mysql2' => array(
        'driver'    => 'mysql',
        'host'      => 'host2',
        'database'  => 'database2',
        'username'  => 'user2',
        'password'  => 'pass2'
        'charset'   => 'utf8',
        'collation' => 'utf8_unicode_ci',
        'prefix'    => '',
    ),
  ),
);

Após isso será preciso você definir em seus models qual conexão a ser utilizada, como por exemplo no uso do Eloquent será possível configurar apenas definindo no escopo da classe:

protected $connection = 'mysql2';

Desta maneira todas as consultas/alterações serão feitas através das configurações mysql2.

Também é possível definir a conexão fora da class, e sim dentro do escopo da função, ou seja, quando você quiser executar X função em Y database:

public function method()
{
    $this->setConnection('mysql2');

    $this = $someModel->find(1);

    return $something;
}

Também é possível trabalhar fora do eloquent desta forma:

$users = DB::connection('mysql2')->select(...);

Assim o seu sistema estará pronto para receber mult-conexões. Show, né?

Abraços!

Fontes: http://laravel.com/api/4.1/Illuminate/Database/Eloquent/Model.html

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.