21

O comando while é uma estrutura de repetição com uma condição no início da declaração.

Exemplo:

while (condição) {
    sentenças a executar
}

do...while possui verificação no final, ou seja, o código da estrutura de repetição é executado pelo menos uma vez.

Exemplo:

do {
    sentenças do loop
} while (condição)

Poderíamos implementar do...while utilizando um loop while. Neste caso, a parte do código que seria executada, pelo menos um vez, viria acima do while, seguindo a estrutura lógica sequencial do código.

Existem situação onde só podemos utilizar do...while?

Qual é a utilidade e importância de do...while ?

16

Em nenhuma situação precisamos realmente do do ... while a não ser para deixar o código mais elegante e expressar melhor a intenção de que a execução do bloco deve ocorrer pelo menos uma vez antes de decidir se ele se repetirá ou não.

Sempre é possível fazer o mesmo só com o while. Claro que o código poderá ter que ser um pouco maior e menos elegante, ter que fazer algo artificial para garantir que a primeira execução da condição seja verdadeira.

Nem sempre isto pode ser tão fácil de fazer porque pode envolver a verificação de algo que possui efeitos colaterais, em alguns casos até ter algo semelhante ao paradoxo do Gato de Schrödinger, onde para acessar um valor, você muda o valor. Pode dar resultados diferentes dependendo do momento. Dá para resolver isto, mas tem que saber fazer, lembrar de fazer e aumenta o código. Em geral a solução é uma flag ou um valor em cache, que pode ficar complexo quando o acesso muda o valor (ainda que isto não deveria acontecer em bons códigos).

Claro que pode ajudar a não cometer erros também. Pode ser que se engane para garantir que a primeira passada dê verdadeiro e em algum caso fora do comum dê falso, ou pode mudar algo no código que acabe mudando a situação de garantia de verdadeiro sem que o programador perceba.

Ele dá mais legibilidade e manutibilidade como toda construção que ajuda dar mais semântica ao intuito.

4

Já do...while possui verificação no final, ou seja, o código da estrutura de repetição é executado pelo menos um vez.

Você mesmo respondeu. O do...while existe quando queremos executar o código que está dentro da estrutura de repetição pelo menos uma vez sem passar pelo teste lógico. Existem situações em que isso é útil, embora não seja tão frequente.

Poderíamos implementar do..while utilizando um loop while. Neste caso, a parte do código que seria executada, pelo menos um vez, viria acima do while, seguindo a estrutura lógica sequencial do código.

Sim, seria uma maneira de ter a funcionalidade do do...while sem utilizá-lo. Entretanto, note que haverá repetição de código. Se o pedaço de código que estiver dentro do loop for grande, então você terá uma significativa repetição de código, o que obviamente não é bom.

3

Tudo depende da sua lógica de fazer as coisas. Pode dar uma olhada na solução que coloquei aqui: Problema em laço for

Nesta situação ele utilizava a mesma variável do input para a condição do while, a única saída dele sem usar do... while era colocar um valor arbitrário que não caísse no laço na primeira vez ou então criar uma flag.

Novamente, tudo depende de como você programa.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.