3

Vi aqui que não tem como fazer singleton em javascript.

Estou com um problema nesse sentindo, tenho a seguinte instrução:

$("#mSalvar").click(function(){
    man.bSalvarClick();
});

Isso gera um registro duplicado quando o usuário clica em carregar a pagina sem que esta esteja terminada, ou seja o usuário força e o script é carregado mais de uma vez, sendo assim a instrução desse evento é executada mais de uma vez, teria como fazer essa instrução executar apenas uma vez de forma garantida ?

Edit: Outro caso seria um botão consulta, onde eu tenho que deixar o botão sempre habilitado, só que quando o script esta duplicado ele faz N consultas ajax em vez de uma por click.

Conforme imagem abaixo eu dei apenas 1 click no botao e veja quantas vezes a consulta foi executada:

inserir a descrição da imagem aqui

Faço a chamada do arquivo js desta maneira:

<html>
<head>...</head>
<body>...
<script type='text/javascript'>
    document.getElementsByTagName("head")[0].appendChild('jConsultaManifesto.js');
</script>
</body>
</html>

Esse arquivo que tem HTML e faz a chamada do .js é chamado através de um menu, que faz o .load() desse arquivo, só que tem uns usuários que não aguenta esperar a pagina carregar, então fica turbinando o clique no menu antes na pagina carregar e o script fica duplicado, não posso flegar o menu para o usúario não ficar clicando caso me perguntem.

  • Você pode desabilitar o botão depois do primeiro click. $(this).prop('disabled', true). – KaduAmaral 27/07/15 às 13:50
  • @KaduAmaral já fiz um até um .hide(), o problema é que o script chama a função por já estar duplicado, ou seja ele da 1 clique na tela e o script como fica duplicado executa duas vezes a mesma instrução – SneepS NinjA 27/07/15 às 14:11
  • O problema então não é no click, mas no carregamento do script, certo? Como está carregando o script? – KaduAmaral 27/07/15 às 14:40
  • @KaduAmaral eu dou um append no arquivo escrevo no final do html onde a pagina esta sendo carregada document.getElementsByTagName("head")[0].appendChild(fileref); – SneepS NinjA 27/07/15 às 14:46
  • Pode editar sua resposta adicionando esse código e um exemplo de conteúdo do fileref? É texto ou um elemento DOM? – KaduAmaral 27/07/15 às 14:49
2

Você pode criar uma função que carrega os scripts e verificar se o script já foi carregado:

$(document).on('click', '.load', function(event){
    event.preventDefault();
    
    var script = $(this).data('script');
    var src = $(this).data('src');
    
    if ($('script[data-name="'+script+'"]').length == 0 ){
        
        $('head').append(
            $('<script />').attr('type', 'text/javascript')
            .attr('src', src)
            .attr('data-name', script)
        );
        
        console.log(script, 'carregado.')
        
    } else {
        console.log(script, 'já foi carregado' );
    }
});
<link href="https://maxcdn.bootstrapcdn.com/bootstrap/3.3.5/css/bootstrap.min.css" rel="stylesheet"/>
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/1.11.1/jquery.min.js"></script>

<button class="btn btn-primary load" data-src="https://maxcdn.bootstrapcdn.com/bootstrap/3.3.5/js/bootstrap.min.js" data-script="bootstrap">Carregar Bootstrap</button>

<button class="btn btn-primary load" data-src="jConsultaManifesto.js" data-script="consulta-manifesto">Carregar Consulta Manifesto</button>

  • parece que assim resolve, vou testar com mais calma, tenho que ver a questão se o arquivo.js carregar outra pagina com as mesmas variaveis, será que duplicaria o evento? Tenho que fazer mais testes, assim que possível eu retorno, mais sua solução é uma excelente idéia, obrigado desde já – SneepS NinjA 27/07/15 às 18:11
  • 2
    Adicionar funções para verificar se o elemento já foi carregado é uma solução mas isso vai te dar muita dor de cabeça depois, pois o problema é simples, existe duas chamadas do mesmo método, ou você esta carregando o mesmo scripts mais de uma vez, ou o jquery também esta sendo carregado mais de uma vez, se você não retirar esta duplicidade você, vai ter de faze uma verificação para cada método depois. – Jose Edinaldo 10/09/15 às 18:30
2

Se entendi bem, seu programa carrega HTML e scripts dinamicamente para cada página que abre. Deve ser algo como um Single Page Application.

Bem, o primeiro passo é entender as estratégias que você pode adotar para carregar as páginas.

Carregar tudo no início

Dependendo do tamanho e do uso do sistema, uma estratégia pode ser concatenar todos os HTMLs em um e todos os Scripts em um script único.

O tamanho final será maior, mas uma vez carregado, o sistema terá um tempo de resposta bem mais rápido.

Se essa estratégia for viável, você só precisa garantir que a inicialização do script será feita uma vez.

Carregar sob demanda

Esta é a estratégia que você está adotando agora. Cada página acessada carrega seu próprio HTML e JavaScript.

O erro que você está cometendo, no entanto, é carregar o HTML e JavaScript a cada acesso. Você deve garantir que eles sejam reusados em acessos posteriores.

No caso do Script é fácil. Ao invés de adicionar manualmente ao DOM, crie uma função no script principal onde as páginas podem requerer um script específico.

Por exemplo, segue uma implementação bem rudimentar:

var scripts = {};
function require(pagina, src) {
    if (src in scripts) {
        //carregar script de "src"
        scripts[src] = true;
    }
}

Use AMD

Melhor ainda, você pode usar AMD e acabar de vez com código duplicado. Aí o gerenciamento de scripts em módulos será totalmente gerenciado por uma biblioteca confiável e seguindo o padrão da web atualmente.

Note que AMD é um padrão que pode ter diferentes implementações.

Você pode fazer com que cada página seja um módulo AMD, por exemplo:

define('myModule', ['dep1', 'dep2'], function (dep1, dep2) {

    //Define the module value by returning a value.
    return function () {};
});

Então sempre que precisar acessar um módulo basta fazer assim:

var $ = require('jQuery');
var myModule = require('myModule');

O gerenciador AMD garante que o módulo será baixado e inicializado apenas uma vez.

Acabe com páginas dinâmicas

Talvez seu HTML esteja sendo renderizado no servidor. Para uma aplicação responsiva, seria muito melhor deixar templates estáticos de HTML e fazer o bind de dados obtidos via chamadas Ajax a um endpoint REST.

Vantagens incluem:

  • Melhor desempenho
  • Menor quantidade de dados trafegados
  • API do sistema mais consistente
  • Evitar mais uma camada de tecnologia para gerar páginas dinâmicas, que sempre geral algum tipo de problema
  • Escalabilidade grandemente facilitada

A desvantagem é que precisa tomar muito cuidado para não acabar com muito código complicado no JavaScript.

Cuidado com os eventos

Colocar manipuladores de eventos diretamente nos elementos, ainda mais em páginas que podem carregar várias vezes é sempre um problema.

Uma alternativa é não fazer o bind diretamente no elemento, mas usar apropriadamente a função on do jQuery. Exemplo:

$('#main-content').on('click', '#btn-salvar', function() {...})

Antigamente se usava a função 'live' para adicionar eventos em elementos que ainda não estavam no DOM, mas agora usa-se a forma acima.

A ideia é que o evento será disparado sempre que qualquer botão com id=btn-salvar for clicado dentro de um elemento com id=main-content. Independente se o botão existe, será criado ou recriado dentro daquele elemento.

  • não conhecia esse AMD, vou dar uma estudada, obrigado! – SneepS NinjA 11/09/15 às 11:11
1

Isso provavelmente ocorre por um fluxo duplicado de sua aplicação.

A forma mais fácil de previnir o problema é remover as atribuições do evento, para garantir que ele não seja executado mais de uma vez, usando unbind():

$("#mSalvar").unbind("click").click(function(){ // faça algo });

Sobre singletons, uma forma prática de implementar é criando uma classe estática e atribuindo a instância de um objeto a ela. Não é um singleton de fato, pois o javascript não irá tratar se o nome de seu singleton é único, mas na prática, funciona semelhante a um:

var SingletonCtrlCliente = {
     InstanciaSolitaria : null
 }

 $(function(){
      SingletonCtrlCliente.InstanciaSolitaria = new CtrlCliente();
 });

 function CtrlCliente(){
    // função pública
    this.facaAlgo = function(){

    }

    // função privada
    function definaEventoDeBotao(){

    }
 }
1

Recentemente descobri que posso fazer o evento click parar de se propagar entre outras funções que também são chamadas através do mesmo evento seria assim:

$('seletor').click(function(evt){  evt.stopImmediatePropagation(); });

http://api.jquery.com/event.stopimmediatepropagation/

  • Interessante não conhecia, coloque um exemplo como na documentação do jQuery para enriquecer a resposta. ;) – KaduAmaral 10/09/15 às 17:48
0

Simplesmente adicione uma trava, e deixe seu elemento desabilitado na interface:

var salvou = false;
$("#mSalvar").click(function(){
    if (salvou) {
       return;
    }

    man.bSalvarClick();
    $(this).prop( "disabled", true );
    salvou = true;
});
  • assim resolve, mas dai terei que criar uma variável flag para cada evento click do programa, será que não teria uma outra forma de garantir que o evento click seja único, sem ter que criar essas flags e depois ter que ficar verificando elas – SneepS NinjA 27/07/15 às 14:30
  • não tinha testado com a consulta onde o botão precisa ficar habilitado, então retirei o voto, mas obrigado pelo esforço, se tiver outra ideia me avise, obrigado mais uma vez – SneepS NinjA 27/07/15 às 14:52

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.