4

Estou automatizando alguns processos em um servidor Windows, e gostaria de criar alguns arquivos .bat para isso porém para tal seria necessário que o .BAT fosse capas de ler um arquivo de configuração então eu fiz o seguinte:

arquivo get.bat:

@echo off
setlocal
@if not exist "%1" (
    echo Config file not found in "%1"
    exit /B
)

@for /f "tokens=1,2 delims= " %%A in (%1) do (
    set %%A=%%B
)

echo %folder%

e criei um arquivo de configuração chamdo winscp.conf com os seguintes dados:

folder    %appData%\winscp
version   5.7.4
visit     http://sourceforge.net/projects/winscp/files/WinSCP/
download  http://sourceforge.net/projects/winscp/files/WinSCP/5.7.4/winscp574.zip

e então eu chamo o .bat assim:

get winscp.conf

Até ai tudo bem a variavel é lida e criada exatamente como eu gostaria, o porém esta no uso de variáveis de ambiente, eu gostaria de que app data fosse interpretado e estocado na variável mas ao invés de ter algo parecido com isso

C:\Users\root\AppData\Roaming\winscp

eu recebo isso:

%appData%\winscp

Resumindo: eu gostaria que o %appData% fosse interpretado mas, ou invés disso eu estou recebendo o valor literal.

Alguém pode ajudar?

  • 1
    Muito esperto, heim. Já pensou em usar essa criatividade com o Powershell? É muito mais poderoso e mais simples. Agora minha dúvida: qual o problema em obter %appData%\winscp no valor da variável já que este é um caminho válido para você ler e gravar arquivos ao longo do script? – Caffé 23/07/15 às 13:21
  • O problema é que se eu tento executar algo do tipo mkdir %folder% ao invés de criar a pasta utilizando o caminho da variável de ambiente ele cria uma pasta relativa ao .bat. ele cria uma pasta com o nome %appData%. Estou pensando em fazer isso com Cli PHP ou NodeJS, achei que seria mais simples com um arquivo .bat – Daniel de Andrade Varela 23/07/15 às 13:24
  • Tem opção de VBS, também. A vantagem de .BAT, PowerShell e VBS é que são nativos do Windows, não precisa de nenhuma ferramenta adicional pra rodar. De qualquer modo é estranho. Eu testei agora set teste=%appdata%\teste seguido de mkdir %teste% e foi criada corretamente a pasta C:\Users\Caffé\AppData\Roaming\teste. – Caffé 23/07/15 às 13:27
  • Sim ele cria normalmente se estive no mesmo arquivo .bat, o problema é quando eu busco do arquivo .conf, se puder e tiver disposição, tente recriar o meu senário com o arquivo .bat e o arquivo .conf. – Daniel de Andrade Varela 23/07/15 às 13:42
  • Realmente curioso... Repliquei a questão no SOen. stackoverflow.com/questions/31592509/… Acompanhe lá. – Caffé 23/07/15 às 17:10
2

Embora eu ache criativa a sua solução, eu utilizo outra técnica para ter uma espécie de arquivo de configuração comum para os meus arquivos de lote .BAT (ou batch files):

O meu arquivo de configuração é ele próprio um arquivo .BAT, mais ou menos assim (arquivo Setup_Prod.bat):

set HOME=\\servidor\pasta_prod
set ENV=PROD
set DB=dabase_producao
set PASSWORD=senha_producao

Então eu tenho diferentes arquivos de configuração para diferentes ambientes, e passo o arquivo de configuração como parâmetro para os meus scripts. Por exemplo:

call AtualizaBanco.bat Setup_Prod.bat

No comando acima, "Setup_Prod.bat" é um parâmetro, uma string mesmo, passada para o script AtualizaBanco.bat.

A primeria coisa que o arquivo AtualizaBanco.bat deve fazer é usar o arquivo de configuração para setar as variáveis. Então na primeira linha do AtualizaBanco.bat eu tenho:

call %1%

Na linha acima eu estou invocando como script o primeiro parâmetro recebido.

Agora, no arquivo AtualizaBanco.bat, eu consumo as variáveis, exemplo:

copy %HOME%\*.sql

Conclusão

Em vez de fazer um loop no começo do script principal setando as variáveis de acordo com o arquivo de configuração, eu faço do arquivo de configuração ele próprio um arquivo de lote .BAT, e invoco este .BAT de configuração no começo do meu script principal.

O seu problema provavelmente está na forma como você seta as variáveis dentro do loop. Utilizando esta técnica que eu propuz você elimina o loop, eliminando o problema.

Reforço porém a minha sugestão de usar Windows Powershell ou Visual Basic Script (VBS) para resolver este tipo de problema (de preferência o Powershell), pois estas são ferramentas mais poderosas e que proporcionam um código mais simples, expressivo, e fácil de escrever.

Edit: corrigindo o seu código

As respostas obtidas no SOen indicam a solução do problema:

Em vez de:

set %%A=%%B

Faça:

call set %%A=%%B

O call faz a variável %appData% ser expandida antes de o seu valor ser utilizado.

  • Valeu a dica, acredito realmente que preciso de algo mais poderoso, vou analisar as alternativas. De qualquer forma, obrigado pela atenção. – Daniel de Andrade Varela 23/07/15 às 14:05

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.