6

Estou estudando bastante design pattern, pois acho que eles resolvem muita coisa e é bem oportuno o estudo dos mesmos. Peguei essa declaração no site do Macoratti e confesso, não soube explicar a partir do where. O que isso quer dizer?

public interface IRepository<T> where T : class
7

Isto está declarando uma interface como você já sabe. Também deve entender que ela é genérica. Ou seja, ela poderá trabalhar com diversos tipos de objetos, desde que quando usada um tipo seja especificado.

Provavelmente você sabe que esse T entre os símbolos de menor e maior e que vem logo após do where é um palceholder. É o que poderíamos chamar de uma super-variável. Ela não é uma variável de fato, mas é algo para identificar que ali vai ter uma outra coisa quando for usado de fato. Vou exemplificar:

Quando você usa IRepository<Cliente> é o tipo Cliente que será usado nesta interface.

O que o where quer dizer é que você só poderá usar tipos restritos, não pode usar qualquer tipo. No seu exemplo você só poderá usar tipos que sejas classes. Você não poderá um tipo que seja uma struct, enum, por exemplo. Mas poderá ter classes, outras interfaces ou mesmo delegações. É uma forma de garantir que determinadas condições do tipo sejam satisfeitas. Por alguma razão esta interface não se dá bem com outros tipos.

Você pode restringir ainda mais, pode usar um tipo específico. Poderia usar por exemplo:

public interface IRepository<T> where T : IEnumerable

Neste caso você só poderá usar tipos que sejam enumeráveis. Pode ser qualquer tipo, mas ele deve implementar IEnumerable. Claro que este é só um exemplo para você entender, não sei se faz sentido neste caso específico. Seguindo este exemplo você poderá usar:

new IRepository<List>();
new IRepository<Dicionary>();
new IRepository<String>();

Tanto List quanto Dictionary ou String implementam IEnumerable, então podem ser usados porque atendem a restrição imposta na declaração acima.

Mas não poderia usar:

new IRepository<Buffer>();

Documentação (traduzido). Veja também sobre a palavra-chave.

  • Ou seja, o tipo da minha interface deve ser uma classe, pelo que eu pude entender e somente uma classe. – pnet 11/07/15 às 20:59
  • Faz sentido sim, era só mesmo para aprendizado, para entender o "treco". – pnet 11/07/15 às 21:04
  • Na verdade qualquer tipo por referência. Pode ser class, interface ou delegate. Tem esse macete, apesar de estar escrito class, não é só ela. Para entender a diferença melhor: pt.stackoverflow.com/q/14490/101 e pt.stackoverflow.com/q/16181/101 – Maniero 11/07/15 às 21:04
6

where T : class é uma restrição genérica e significa que T deverá ser um reference type (uma class, interface, ou um delegate).

class StringRepository<string>{}
class EnumerableRepository<IEnumerable<string>>{}
class DelegateRepository<Func<string>>{}

A restrição "oposta" é where T : struct, que significa que T deverá ser um nullable value type - ou seja, qualquer struct excepto Nullable<T>.

class IntRepository<int>{}
class DoubleRepository<double>{}

Podes encontrar aqui uma lista completa de todas as restrições genéricas possíveis em C#: Constraints on Type Parameters

  • Postei um comentário e agora entendi o que você colocou. where T : class, eu estava entendendo que o tipo só poderia ser uma classe e você colocou que pode ser uma Classe, Interface, Delegate. É isso mesmo? Ou você quiz dizer que eu posso ter restrições de Class, Interface, Delegate e etc? Menos, é óbvio, o Nullable. É isso mesmo? – pnet 11/07/15 às 21:02
  • 1
    @pnet É isso mesmo, where T : class significa que T pode ser qualquer um desses 3 tipos. Os 3 exemplos que eu coloquei irão compilar. Na minha opinião, o nome da restrição foi mal escolhido, devia ter sido where T : reference, por exemplo. – dcastro 11/07/15 às 21:04

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.